quarta-feira, 31 de agosto de 2011

O PAPEL DA LEI


Gálatas 3 (19-24)

19 Logo, para que é a lei? Foi ordenada por causa das transgressões, até que viesse a posteridade a quem a promessa tinha sido feita; e foi posta pelos anjos na mão de um medianeiro.

20 Ora, o medianeiro não o é de um só, mas Deus é um.

21 Logo, a lei é contra as promessas de Deus? De nenhuma sorte; porque, se fosse dada uma lei que pudesse vivificar, a justiça, na verdade, teria sido pela lei.

22 Mas a Escritura encerrou tudo debaixo do pecado, para que a promessa pela fé em Jesus Cristo fosse dada aos crentes.

23 Mas, antes que a fé viesse, estávamos guardados debaixo da lei, e encerrados para aquela fé que se havia de manifestar.

24 De maneira que a lei nos serviu de aio, para nos conduzir a Cristo, para que pela fé fôssemos justificados.

A VIDA SE RENOVA



A vida se renova a cada amanhecer...
e Deus nos concede a oportunidade de recomeçar sempre!

A vida se renova em cada ser que nasce...
e vamos entendendo a grandeza do milagre da vida!

A vida se renova em cada experiência vivida...
e com o aprendizado, vamos transformando nossa forma de pensar, ser e agir!

A vida se renova em cada sorriso...
e sementes de ternura, amor e esperança vão sendo espalhadas!

A vida se renova em cada órgão transplantado...
e acontece o resgate de muitas vidas que recuperam a esperança de viver!

A vida se renova em cada gota de sangue doado...
e através deste desse gesto de amor-doação vidas são salvas!

A vida se renova em cada criança adotada...
e muitas vidas são enriquecidas pelo acolhimento e pelo amor recíproco!

A vida se renova em cada gesto de solidariedade...
e o sofrimento de muitas pessoas é amenizado!

Renovar requer ação...
E muitas vezes precisamos mudar de rumo e de direção.

Precisamos abrir nosso coração...
Para tornar nossa vida e de nossos semelhantes mais feliz.


"Não vos conformeis com este mundo,
mas transformai-vos pela renovação do vosso espírito".
(Rm 12,2)
AUTOR DESCONHECIDO

Creia nas promessas que Deus...



Quando Deus determina algo pra sua vida,
quando Ele te faz promessas,
pode tudo parecer ir ao contrário,
mas se Ele falou Ele fará...

Se preciso for Ele move o mundo por tua causa,
Ele FAZ o caminho onde não há,
Ele abre porta aonde você não vê,
Ele desfaz os sinais dos inventores,

Ele entra onde for preciso pra te ajudar...
Por amor de um servo dEle, Ele quebra grilhões...
Não há limites para o nosso Deus,
Ele é o TODO PODEROSO!

Creia nas promessas que Deus fez à você e
saiba que nenhuma delas volta atrás porque
Ele não é homem para que minta e
nem filho do homem para que se arrependa...

Ele nunca tarda,Ele faz as coisas na hora exata.
Mesmo que você não esteja vendo a saída,
não se preocupe,os nossos olhos são limitados,
mas creia que Ele fará o que lhe prometeu.!

O nosso Deus é o Deus dos impossíveis!
Agindo Deus, quem impedirá?!?!
Nada e nem ninguém!
Ele é o mesmo ontem, hoje e eternamente

AUTOR DESCONHECIDO

terça-feira, 30 de agosto de 2011

A PROMESSA E A LEI


Gálatas 3 (15-18)
15 Irmãos, como homem falo; se a aliança de um homem for confirmada, ninguém a anula nem a acrescenta.

16 Ora, as promessas foram feitas a Abraão e à sua descendência. Não diz: E às descendências, como falando de muitas, mas como de uma só: E à tua descendência, que é Cristo.

17 Mas digo isto: Que tendo sido a aliança anteriormente confirmada por Deus em Cristo, a lei, que veio quatrocentos e trinta anos depois, não a invalida, de forma a abolir a promessa.

18 Porque, se a herança provém da lei, já não provém da promessa; mas Deus pela promessa a deu gratuitamente a Abraão.

Seja Bendito!


Tem que começar de novo sim!
Se a caminhada está difícil, se percebeu que pegou o caminho errado, tem que dar meia volta e procurar um novo rumo.
Nessa busca, não há espaço para o orgulho, por isso, pergunte, informe-se, converse, quem já amou e foi feliz, nunca se esquece.
Tem que reerguer-se sim!
Nada de ficar no chão, esperando a misericórdia ou a piedade de sabe-se lá de quem.
O chão, é o demarcador da derrota e também da vitória.
Muita gente aproveitou a queda para crescer, porque será diferente com você?
Olhe para o horizonte com novas lentes, com olhos coloridos pela esperança.
com sonhos e desejos dessa criança, que habita em cada um de nós, e insiste, em fazer de cada problema, um tijolinho, que será usado na reconstrução de nós mesmos, nos projetos mais ambiciosos ou nos sonhos de simplicidade.
E já que o tempo não coloca limites, não são os outros e nem mesmo a sua idade, que vão impedir o seu crescimento, pois quando você quer, você pode.
Se precisava de um recado, ele chegou, se precisava de um estímulo, aqui está, se queria uma força renovadora, ela se apresenta, é o dia de hoje, cheio de possibilidades, que se apresenta como presente único, aproveite-o, cresça e apareça.
A vida te saúda e bate palmas para sua decisão, de recomeçar mais leve, cheio de razão, com alma limpa e desejos de renovação, sem nunca perder a ternura, vivendo com emoção.
Sempre é tempo de ouvir o seu coração.
AUTOR DESCONHECIDO

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

OS VERDADEIROS FILHOS DE ABRÃO


Gálatas 3 (6-14)

6 Assim como Abraão creu em Deus, e isso lhe foi imputado como justiça.

7 Sabei, pois, que os que são da fé são filhos de Abraão.

8 Ora, tendo a Escritura previsto que Deus havia de justificar pela fé os gentios, anunciou primeiro o evangelho a Abraão, dizendo: Todas as nações serão benditas em ti.

9 De sorte que os que são da fé são benditos com o crente Abraão.

10 Todos aqueles, pois, que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque está escrito: Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las.

11 E é evidente que pela lei ninguém será justificado diante de Deus, porque o justo viverá da fé.

12 Ora, a lei não é da fé; mas o homem, que fizer estas coisas, por elas viverá.

13 Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro;

14 Para que a bênção de Abraão chegasse aos gentios por Jesus Cristo, e para que pela fé nós recebamos a promessa do Espírito.

CARTA AO INQUILINO


Senhor morador,
Gostaria de lhe informar que o contrato de aluguel assinado por Mim há muitos anos atrás está vencendo. Precisamos analisar algumas cláusulas:

1º - A conta de energia que você gasta é muito alta. Como você desperdiça!

2º - Antes havia água em abundância, hoje só há 1% disponível para você viver. Será que ainda não percebeu isso?

3º - Alguns nesta casa comem e estragam alimentos, enquanto outros estão morrendo de fome. Por que não para de ser egoísta e reparta o que tenho lhe dado com fartura?

4º - De maneira desordenada, você cortou as árvores que dão sombra, ar e equilíbrio, por isso a temperatura aumentou e as consequências são furacões, tempestades, secas e destruição. Dou-lhe uma dica: replante e deixe de ser ganancioso!
5º - Procurei alguns lindos animais que coloquei antes de lhe confiar os cuidados deste imenso jardim e não os encontrei. Poderia me explicar o que fizestes com eles?

6º - E os peixes? Vi alguns agonizando, sem oxigênio, nos rios e lagos...

7º - Precisa verificar que cores estranhas estão no céu! Antes tinha a cor azul. Por que você mudou para cinza?

8º - Você não tem cuidado com seu lixo! Como pode viver em um ambiente tão sujo?

Bom... o que você pode fazer para cumprir as determinações do contrato?
Te deixei morar gratuitamente nesse ambiente preparado com muito amor e esmero para você, e agora não tens respeitado o que foi estabelecido.

Preste bem atenção! Já mandei vários avisos por muitos daqueles que moravam nesta casa e não destes ouvidos a eles.

Por fim, enviei meu próprio Filho, porém, também não o escutaram e continuam vivendo de seu próprio modo.

Parece que somente alguns deram ouvidos à minha advertência e estes que Me honram Eu os honrarei. Farei novos céus e nova terra. Somente aqueles que foram dignos viverão lá e com algo a mais: serão eternos!
Continuarei os advertindo por meus procuradores, os quais são identificados pelo crachá do amor e dirão o que deixei registrado nas instruções para a vida: as Escrituras Sagradas. Mas, aviso: as advertências cessarão e aqueles que não crerem receberão, por juízo, as consequências de suas más condutas.

Vais mudar?

Assina: DEUS, O CRIADOR.

AUTOR DESCONHECIDO

Deus nunca está distante;



Ele te envolve com Seu amor...

Foi Ele quem abriu seus olhos esta manhã.

Ele é a força que conduzirá você mais este dia, é em sua paz que seu coração encontrará descanso esta noite.

Deus não está distante.

Ele é a luz deste dia.

Ele é o céu sobre você, a terra aos seus pés, e a vida de todas as coisas vivas.

Ele está em todos os sorrisos, em todos os pensamentos que lhe dão esperança, em todas as lágrimas que inundam sua alma, e em todos os momentos que você não pode encarar sozinho.

Ele é o amor no rosto da pessoa amada.

Ele está nos amigos que você encontra em seu caminho - nos estranhos que você ainda vai encontrar e nas bênçãos que você ainda vai receber.

Ele está em todas as coisas boas que tocam você.

Ele está em cada passo que voce dá e no ar que você respira.

Ele não está distante, porque Ele está sempre com VOCE!
AUTOR DESCONHECIDO

domingo, 28 de agosto de 2011

A EXPERIÊNCIA DOS GÁLATAS


Gálatas 3 (1-5)

1 O insensatos gálatas! quem vos fascinou para não obedecerdes à verdade, a vós, perante os olhos de quem Jesus Cristo foi evidenciado, crucificado, entre vós?

2 Só quisera saber isto de vós: recebestes o Espírito pelas obras da lei ou pela pregação da fé?

3 Sois vós tão insensatos que, tendo começado pelo Espírito, acabeis agora pela carne?

4 Será em vão que tenhais padecido tanto? Se é que isso também foi em vão.

5 Aquele, pois, que vos dá o Espírito, e que opera maravilhas entre vós, fá-lo pelas obras da lei, ou pela pregação da fé?

DEUS É FIEL



    Transformar as dificuldades em preciosidades!
   
    Lá no fundo do oceano, uma ostra abriu bem a sua concha para deixar a água passar através dela. Da água que passava suas guelras extraíam o alimento que a seguir ia para o estômago. De repente, um peixe grande ali perto levantou uma nuvem de areia e lodo com um movimento do seu rabo. Areia?! Oh, como a ostra detestava areia. Era áspera e fazia sua vida muito desagradável e desconfortável, era um grande incômodo sempre que entrava na sua concha. apidamente a ostra se fechou, mas tarde demais. Um grãozinho duro e saibroso tinha entrado e se alojado no interior da ostra.
 Puxa, como aquele grãozinho de areia incomodava!Mas quase que imediatamente as glândulas especiais que Deus lhe havia dado para revestir o interior da sua concha começaram a produzir uma substância para cobrir o grão de areia irritante com uma linda camada macia e brilhante. A cada ano que passava, a ostra acrescentava mais camadas sobre o grãozinho de areia, até que por fim havia produzido uma grande pérola reluzente e de grande valor.
    Às vezes, os problemas que temos se assemelham um pouco a esse grãozinho de areia. Eles nos incomodam e nos perguntamos por que será que temos que passar por esse incômodo e inconveniência. Mas se permitirmos, Deus, com a Sua graça, começa a transformar os nossos problemas e fraquezas em algo precioso. Nos aproximamos mais do Senhor, oramos com maior fervor, ficamos mais humildes e submissos, mais sábios e mais capacitados para enfrentar os problemas. Como bênçãos disfarçadas, o Senhor logo pega esses grãozinhos ásperos de areia na nossa vida e os tranforma em pérolas preciosas de força e poder, e eles se transformam em esperança e inspiração para muitos.
    Deus nos faz mais fortes com cada vitória. É mais ou menos como uma vacina: Ele nos dá pequenas doses para não pegarmos a doença e para, de uma forma constante e gradual, aumentar nossa resistência. Mas se você nunca for posto à prova, nunca tomar uma pequena dose, nunca conseguirá aguentar a dose grande.
    De uma certa forma, o Senhor faz isso conosco. Ele nos põe à prova nos dando um pouco mais cada dia, para nos testar, para aumentar a nossa resistência e nos tornar mais fortes. Ele nos vacina cada dia com um pouco mais de soro de sacrifício, provações, problemas e luta. Ele procura deixar você mais forte a cada dia e fazer com que consiga dar um pouco mais, sacrificar um pouco mais, sofrer um pouco mais, lutar um pouco mais e crescer um pouco mais. Por isso saiba que tudo que acontece com você quando você está disposto a fazer a vontade de Deus tem um propósito. Hoje você pode não entender, mas com o tempo entenderás que todas as coisas cooperam juntamente para o bem daqueles que amam a Deus.
AUTOR DESCONHECIDO

sábado, 27 de agosto de 2011

JESUS CRISTO É O CENTRO DA VIDA


Gálatas 2 (15-21)

15 Nós somos judeus por natureza, e não pecadores dentre os gentios.

16 Sabendo que o homem não é justificado pelas obras da lei, mas pela fé em Jesus Cristo, temos também crido em Jesus Cristo, para sermos justificados pela fé em Cristo, e não pelas obras da lei; porquanto pelas obras da lei nenhuma carne será justificada.

17 Pois, se nós, que procuramos ser justificados em Cristo, nós mesmos também somos achados pecadores, é porventura Cristo ministro do pecado? De maneira nenhuma.

18 Porque, se torno a edificar aquilo que destruí, constituo-me a mim mesmo transgressor.

19 Porque eu, pela lei, estou morto para a lei, para viver para Deus.

20 Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim.

21 Não aniquilo a graça de Deus; porque, se a justiça provém da lei, segue-se que Cristo morreu debalde.

SENDO ÁGUIAS DE DEUS!


“Ou é pelo teu mandado que remonta a águia e faz alto o seu ninho? Habita no penhasco onde faz a sua morada, sobre o cume do penhasco, em lugar seguro. Dali descobre a presa; seus olhos a avistam de longe. Seus filhos chupam sangue; onde há mortos ali ele está” Jó 39.27-40
“mas os que esperam no Senhor renovam as suas forças, sobem com asas como águias, correm e não se cansam, caminham e não se fadigam.” Isaías40.31
.
A águia é conhecida em toda terra como a rainha das aves. Ela é a ave mais forte que existe na terra, podendo conduzir em vôo animais pequenos e até mesmo uma criança, tamanha sua resistência. Ela é a ave que voa mais alto, somente igualada em capacidade de vôo pelo condor. Na antiguidade, vários países e conquistadores usavam como insígnias de seus exércitos a figura de uma águia. Os exércitos romanos, os impérios da Rússia, Áustria, Prússia e até mesmo Napoleão também adotaram a águia como brasão. Muito se tem falado e ensinado acerca das águias. Muitas lendas se criaram a respeito dela. Diante de tantas qualidades já expostas e outras das quais ainda vamos falar, podemos entender que Deus criou a águia com propósitos especiais, para que nós pudéssemos extrair dela lições para nossas vidas.

Constrói o ninho no alto
A águia constrói nas alturas (montanhas ou altas árvores). Aproveita ninhos abandonados ou constrói novo. O local de ninho preferido é onde a presa pode ser avistada facilmente. É volumoso e é composto de varas, ramos, raízes, ervas daninhas, e mato. Com o ninho construído no alto, mantém-se acima do perigo (prudência). A Bíblia diz que devemos ser puros como pombas e prudentes com a serpente. O lugar alto do cristão é se estabelecer ao lado do Pai. Estar no lugar alto é estar no refúgio e na fortaleza do Senhor em intimidade com Deus e não ser abalado pelas provações ou alcançado pelos dardos inflamados do inimigo.A nossa missão nos é vista com clareza dos lugares altos, dada a intimidade com Deus, sabemos a vontade de Deus e então cumprimos a nossa missão com eficiência e segundo o coração de DEUS. O lugar do nosso ninho (de nos estabelecermos) é ao lado do Pai. Disso depende a nossa missão.

Olha para o sol
O olhos da águia olham em direção ao sol (Com uma membrana nictante é o único ser que pode olhar direto para o Sol. Uma estorinha contada sobre uma águia que é criada como galinha, diz que depois de várias tentativas de que a águia se lembrar de como era ser uma águia, quando o biólogo a coloca olhando em direção ao sol, ela se desperta e voa alto recuperando a sua alma de águia. O Salmo 121 fala “para os montes vou erguer meu olhar.. do alto me virá o socorro… o meu socorro vem do Senhor”; Jesus diz que “do alto sejais revestidos de poder” em Lucas 24.49. É para o alto que devemos olhar, é de lá que seremos capacitados pelo Espírito Santo de Deus para toda a obra. Nosso sol é Deus. A missão depende de para onde direcionamos o nosso olhar.

Voa acima das nuvens
Algumas águias chegam a ter asas de dois metros de envergadura (largura), mais que o comprimento de um homem! A envergadura das asas, de ponta a ponta, pode alcançar dois metros ou mais.
Como pode uma ave desse porte voar acima de três mil metros de altura? As penas de vôo (que se chamam remígios), chegam a ter 50 cm. As pontas das asas são fendidas de modo que ela possa abrir os remígios separadamente como se fossem dedos. extrair Com todo esse equipamento, ela pode considerar-se senhora do espaço. As aves que voam têm o corpo muito leve, inclusive porque seus ossos são ocos. Em algumas partes internas os ossos possuem nervuras, como as de uma asa de avião, para torná-los mais fortes. O esqueleto de uma Águia calva, por exemplo, não pesa mais do que 300 gramas. Alguns ossos são soldados, isto é, ligados uns aos outros, de maneira a dar uma estrutura mais compacta a ave. O osso do peito é adaptado em forma de quilha, como a de um barco, e é chamado de carena, servindo com suporte para a musculatura peitoral. A estrutura óssea da águia é diferente de todas as outras aves. Todas as aves que existem no mundo têm uma estrutura óssea comprida, mas a da águia é cilíndrica; por isso, ela é a única de grande porte que pode voar e descansar enquanto voa, ao contrário das outras que precisam descer para descansar. Voa em direção ao céu. Enfrenta a tempestade e a ultrapassa (na forte tempestade não se esconde nem tenta inutilmente enfrenta-la, mas voa acima dela). A águia é a única que enfrenta uma tempestade. As demais, ao pressentirem uma tempestade, escondem-se. A águia, porém, passa por sobre a tempestade, e voa acima da turbulência das nuvens. Se coloca acima da tempestade. Um dia, tive o privilégio de estar num avião num dia em que nuvens pesadas cobriam o céu de Curitiba, que às três horas da tarde exibia a claridade de um final de tarde e um frio de 7 graus. Acima das nuvens havia um dia claro e ensolarado.
No livro de Habacuque encontramos um profeta exasperado pelas circunstâncias, ele faz um relato das situações e questiona Deus, mas termina o seu livro afirmando que apesar das circunstâncias caminha com passos desembaraçados e de cabeça erguida, dada a alegria no Deus que lhe garante a salvação e que é a sua fortaleza. O cristão tem sua confiança em Deus e n’Ele se alegre apesar das circunstâncias. É Deus que lhe possibilita voar acima dos problemas e enxergar o sol através das nuvens densas. A missão depende desse olhar de esperança em meio as adversidades e de estar acima delas.

Enxerga bem o alvo
A águia enxerga mais. Ela tem a visão mais apurada do mundo animal. Sua visão é de trezentos graus, quase o dobro do humano. Sua capacidade de enxergar a distância é oito vezes maior que a do ser humano. Além disso, ela consegue girar a cabeça em 180 graus. Ao longe, de distâncias impossíveis a olhos humanos, a águia avista a sua presa. Segundo os cientistas, ela pode enxergar até três quilômetros de distância. Jesus alerta seus discípulos a enxergar o que não estavam enxergando. Eles lhes mostram que tinham visão limitada da situação. Jesus lhes manda erguer os olhos e olhar os campos que já estavam prontos pra colheita. Enxergar o campo de missão e saber o momento certo de agir, definir alvos, objetivos e caminhar para eles é essencial para a missão ser bem sucedida. É a intimidade com Deus através de sua Palavra, de uma vida devocional ativa, da comunhão com os Santos e do mover do Espírito Santo de Deus em nós que nos faz enxergar adequadamente a missão a nós confiada. Enxergar com clareza os campos é essencial para a missão.

Corre em direção ao alvo
A águia é um animal veloz (percorre 300 km por hora).
“…corramos, com perseverança, a carreira que nos está proposta, olhando firmemente para o Autor e Consumador da fé… Considerai, pois, atentamente, aquele que suportou tamanha oposição dos pecadores contra si mesmo, para que não vos fatigueis, desmaiando em vossas almas.”
O cristão corre, não se arrasta. Ele caminha e faz a obra do Senhor com o melhor de suas forças e persevera (na oração, na obra, na oposição ao pecado, no combate ou na provação). Paulo parece oferecer o segredo desse vigor: considerar Cristo e o que ele suportou. A fim de que não nos deixarmos abater pelo desânimo.
O ritmo da missão e o ânimo para desenvolvê-la vai depender do nosso olhar para Cristo.

Faz o trabalho sujo
A águia é uma ave de rapina que tanto caça animais vivos quanto se alimenta de animais mortos, limpando a natureza dos despojos de outros animais.
A Bíblia diz que ela vai estar onde há morte. E nós também.
Nosso lugar é onde há pecado e o Reino de Deus ainda não se estabeleceu. Jesus falou que não tinha onde reclinar a cabeça. E muitas vezes nós queremos como os discípulos montar tendas onde tudo está muito bem e a glória do Senhor está manifesta. Não nos interessa trabalhar se há dificuldades, queremos conforto, apoio, dinheiro disponível, equipes perfeitas, professores e líderes dóceis e acessíveis a nossa proposta. Nosso lugar não é no conforto. Nosso ministério é de abrir picadas onde não há caminho. Não fomos chamados para a sombra e a água fresca. Fomos chamados a carregar fardos.
Estar disposto ao trabalho sujo e pesado pode definir o resultado da missão

Trabalha em equipe

Vive em dupla (fiel a uma única companheira). Formam casais, e um casal precisa até 35 milhas de território para caçar. Um casal de águias caça frequentemente em conjunto: um persegue a presa até a cansar e o outro desce rápido e apanha-a!
Somos convidados ao trabalho no Corpo de Cristo. Não há espaço pra solidão, pra sobrecarga, para o autoritarismo, pro individualismo. É trabalho em equipe, em interdependência, onde buscamos caminhar juntos, em acordo; crescendo na convivência, respeitando e suportando uns aos outros.
Considerando que o trabalho pode ganhar um ritmo diferente do nosso pessoal, mas certamente será enriquecido pela contribuição do outro. Em alguns momentos teremos uma liderança e em outros estaremos na liderança. O que não significa que ninguém está em posição superior ao outro, mas em funções que exigem diferentes resultados e respostas.
Jesus apresenta o seu ministério caminhando em equipe, formando uma liderança. A solidão não faz parte do trabalho do Reino e sim a corporação. O Espírito distribui dons para que colaboremos na missão, do contrário teria dado todos os dons a uns só – escolhidos. E não é assim.
Estar aberto ao trabalho em grupo fará diferença na missão.
Conclusão
Portanto, a missão a nós confiada vai depender:
- de estabelecermos o nosso ninho (de nos) é ao lado do Pai.
- de direcionarmos o nosso olhar para as alturas.
- de ter esperança em meio às adversidades e nos colocarmos acima delas.
- de enxergar com clareza os campos da missão.
- de manter o ritmo da missão e o ânimo olhando para Cristo e considerando o que ele sofreu.
- de estar disposto ao trabalho sujo e pesado.
- de estar aberto ao trabalho em equipe, como corpo.
Que possamos usar a águia como exemplo e trazer à memória que a missão vai depender dessas características para ser bem sucedida.
E que o Deus criador e sustentador de todo o universo nos capacite e sustente a cada dia no desenvolvimento da missão do Reino de Deus!!
Fabiana Alcantara

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

O PERIGO DA HIPOCRISIA


Gálatas 2 (11-14)

11 E, chegando Pedro à Antioquia, lhe resisti na cara, porque era repreensível.

12 Porque, antes que alguns tivessem chegado da parte de Tiago, comia com os gentios; mas, depois que chegaram, se foi retirando, e se apartou deles, temendo os que eram da circuncisão.

13 E os outros judeus também dissimulavam com ele, de maneira que até Barnabé se deixou levar pela sua dissimulação.

14 Mas, quando vi que não andavam bem e direitamente conforme a verdade do evangelho, disse a Pedro na presença de todos: Se tu, sendo judeu, vives como os gentios, e não como judeu, por que obrigas os gentios a viverem como judeus?

Apaixone-se...


Sempre que um novo dia amanhece e os nossos sentidos buscam captar as belezas que nos cercam, temos vontade de abrir as janelas da alma e inspirar com força a brisa fresca que brinca com a folhagem verde.

Sempre que um novo ano se apresenta fazemos planos para novas realizações.

No entanto, muitos não abriram os olhos físicos para saudar o ano que se inicia ou termina, nem para contemplar o alvorecer do dia de hoje ou despedir-se do sol, quando o crepúsculo enfeita a noite com seu manto negro bordado de estrelas...

Mas você está vivo!

E quando muitos não percebem sequer os canteiros floridos onde as borboletas bailam e o gramado se espreguiça, estendido como um tapete verde e macio, convidando a brincar...

E enquanto outros saem apressados para suas atividades do dia, sem se dar conta de que hoje é o nosso melhor momento, um poeta se deteve para escrever este belo conselho em forma de poema:


"Apaixone-se pelo mistério que nos cerca, pelo ar que você respira, pelas árvores e pelas estrelas.

Olhe com atenção para as flores.
A visão é antes uma ação do cérebro que dos olhos.
Ouça o vento nas folhas, o canto dos pássaros e o tagarelar das crianças.
O ouvir é uma arte que depende mais da mente que do ouvido.
Olhos e ouvidos são canais fantásticos que levam mensagens até você;
eles serão inúteis se, em sua alma, não habitar a vontade de ver e de ouvir.

Apaixone-se por sua capacidade de se auto-transformar para melhor.
Você é um pouco Deus na exata medida em que pode, por sua própria vontade e determinação, construir uma pessoa melhor.
O caminho da perfeição é infinito, mas cada passo nesta estrada é fonte cristalina de pura felicidade.

Ninguém é tão miserável que não possa dar um primeiro passo na direção certa, assim como ninguém é tão perfeito que já não precise caminhar.

Apaixone-se pelo saber, devore livros, raciocine, converse com pessoas inteligentes, ouça boas músicas, olhe com atenção para as obras de arte.

Os artistas, os filósofos, os poetas, os cientistas vêem, ouvem e sentem mais que a maioria dos homens, e é mister aprender com eles.

Pergunte, discuta, descubra, polemize, investigue, faça experiências.

Dê o melhor de seu esforço em tudo o que faz.
Ajude seu próximo e sua comunidade e descobrirá o verdadeiro significado das palavras “é dando que se recebe”.

Receberá em moeda divina, receberá em dignidade, sensibilidade, grandeza de espírito e amor-próprio.

Trabalhe com o cérebro e com as mãos.
Transforme o mundo em um lugar melhor para se viver.
Não polua, proteja a natureza, conserte sua calçada, plante flores em sua casa e em sua rua.

Lembre-se sempre de que cada atitude sua, cada movimento seu, será sempre na direção do bem ou do mal.
Seu, de seus semelhantes ou de seu mundo.

Apaixone-se pelo progresso, por sua capacidade de se transformar e de transformar o mundo.
Apaixone-se por uma pessoa que ainda vai nascer.

Uma pessoa capaz de fazer perguntas, como Aristóteles ou Platão, capaz de ouvir, como Vivaldi ou Verdi, capaz de ver a natureza, como Van Gogh ou Renoir e tantos outros, capaz de usar as mãos com a habilidade de um Rodin ou de um Michelangelo.

Apaixone-se pela tarefa de ser parteiro de si mesmo, pela missão de dar-se à luz por vontade própria.

Apaixone-se por você amanhã.”

Mas faça isso, enquanto é hoje...
AUTOR DESCONHECIDO

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

UNIDADE DA IGREJA E LIBERDADES CRISTÃ


Gálatas 2 (1-10)

1 Depois, passados catorze anos, subi outra vez a Jerusalém com Barnabé, levando também comigo Tito.

2 E subi por uma revelação, e lhes expus o evangelho, que prego entre os gentios, e particularmente aos que estavam em estima; para que de maneira alguma não corresse ou não tivesse corrido em vão.

3 Mas nem ainda Tito, que estava comigo, sendo grego, foi constrangido a circuncidar-se;

4 E isto por causa dos falsos irmãos que se intrometeram, e secretamente entraram a espiar a nossa liberdade, que temos em Cristo Jesus, para nos porem em servidão;

5 Aos quais nem ainda por uma hora cedemos com sujeição, para que a verdade do evangelho permanecesse entre vós.

6 E, quanto àqueles que pareciam ser alguma coisa (quais tenham sido noutro tempo, não se me dá; Deus não aceita a aparência do homem), esses, digo, que pareciam ser alguma coisa, nada me comunicaram;

7 Antes, pelo contrário, quando viram que o evangelho da incircuncisão me estava confiado, como a Pedro o da circuncisão

8 (Porque aquele que operou eficazmente em Pedro para o apostolado da circuncisão, esse operou também em mim com eficácia para com os gentios),

9 E conhecendo Tiago, Cefas e João, que eram considerados como as colunas, a graça que me havia sido dada, deram-nos as destras, em comunhão comigo e com Barnabé, para que nós fôssemos aos gentios, e eles à circuncisão;

10 Recomendando-nos somente que nos lembrássemos dos pobres, o que também procurei fazer com diligência.

Ser Gente...


Ser Gente... É poder perdoar A mais dura ofensa... É esquecer o erro dos outros E lembrar suas virtudes. Ser Gente... É nunca ferir ninguém, Mesmo sendo ferido... Nunca magoar ninguém, Mesmo sendo magoado... É poder Dar... Sem esperar receber... É amar intensamente, Mesmo sendo odiado. Ser Gente... É ser sincero nas palavras E em atos, Mesmo que tudo seja falso... É procurar sempre a justiça... Procurar falar sempre a verdade. Ser Gente... É ajudar com sinceridade... É tentar compreender Antes de julgar... É ter o coração aberto Disposto a amar a todos... Disposto a ser amigo Em todos OS momentos. É sobretudo... Ser Gente...

Entender a vontade de Deus
para nós nem sempre é fácil.
 Mas crer que Ele está no comando
e que tem grandes promessas e
um plano especial para nossa vida
faz a caminhada valer a pena.

AUTOR DESCONHECIDO

A lição dos Pequeninos


Estamos acostumados a ensinar lições às crianças: o que é bom ou ruim, o que é certo ou errado, como se comportar, como enfrentar seus medos, como dividir seus brinquedos, etc. Mas, quando olho para a cena em que Jesus, indignado com seus discípulos, toma uma criança em seus braços e diz que “que quem não receber o Reino de Deus como uma criança de maneira nenhuma entrará nele” (Marcos 10.13-16), eu tenho uma nova percepção deste processo. Na verdade as crianças nos ensinam uma das mais valiosas e importantes lições espirituais: Como receber o Reino de Deus.
As crianças precisam da redenção de Cristo na mesma medida em que os adultos. Contudo, aprendemos com elas, que no Reino de Deus é preciso ser apaixonado de coração. Crianças são paixão e calor, graça e emoção em movimento. Elas são apaixonadas por seus pais-heróis e por todos seus outros “heróis”, mesmo os da ficção. Receber o Reino de Deus como uma criança é possuir essa admiração infantil do Pai-herói que está nos céus que nos ama profundamente e fez tudo por nós. É ser apaixonado por Cristo e ver a cada manhã como a sua beleza se renova sobre nós.
As crianças também nos ensinam que no Reino de Deus é preciso se entregar com confiança. Quando um pequenino lhe oferece sua confiança, ele o faz sem reservas. Ele não se dá parcialmente, não usa máscaras (ainda não aprendeu isso). Viver no Reino de Deus como uma criança é entregar-se sem reservas ao Senhor deste Reino. É crer e confiar como um garoto que está num vôo turbulento, mas tranqüilo e sem ansiedade porque seu pai é o piloto.
Talvez seu coração esteja frio e a admiração pueril, singela e pura por Deus tenha se esvanecido. Ou talvez, acostumado a viver em um mudo de máscaras e desconfianças, você tenha perdido suas forças para crer e se entregar completamente, sem reservas, a Cristo. Por isso, não deixe a admiração e maravilha infantil ser abafada, nem a paixão, nem calor do primeiro amor se esfriar. Ore por Seu poder vivificador. Abra seus olhos para Sua glória. Quem não recebeu o Reino de Deus como uma criança ainda está fora dele.
AUTOR DESCONHECIDO

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

PAULO ENCINA O QUE RECEBEU DE DEUS


Gálatas 1(11-24)

11 Mas faço-vos saber, irmãos, que o evangelho que por mim foi anunciado não é segundo os homens.

12 Porque não o recebi, nem aprendi de homem algum, mas pela revelação de Jesus Cristo.

13 Porque já ouvistes qual foi antigamente a minha conduta no judaísmo, como sobremaneira perseguia a igreja de Deus e a assolava.

14 E na minha nação excedia em judaísmo a muitos da minha idade, sendo extremamente zeloso das tradições de meus pais.

15 Mas, quando aprouve a Deus, que desde o ventre de minha mãe me separou, e me chamou pela sua graça,

16 Revelar seu Filho em mim, para que o pregasse entre os gentios, não consultei a carne nem o sangue,

17 Nem tornei a Jerusalém, a ter com os que já antes de mim eram apóstolos, mas parti para a Arábia, e voltei outra vez a Damasco.

18 Depois, passados três anos, fui a Jerusalém para ver a Pedro, e fiquei com ele quinze dias.

19 E não vi a nenhum outro dos apóstolos, senão a Tiago, irmão do Senhor.

20 Ora, acerca do que vos escrevo, eis que diante de Deus testifico que não minto.

21 Depois fui para as partes da Síria e da Cilícia.

22 E não era conhecido de vista das igrejas da Judéia, que estavam em Cristo;

23 Mas somente tinham ouvido dizer: Aquele que já nos perseguiu anuncia agora a fé que antes destruía.

24 E glorificavam a Deus a respeito de mim.

Os nós e nós


Quando queremos que alguma coisa fique ancorada à nossa vida, fazemos de tudo para mantê-la presa à nós.
Criamos laços e os apertamos com todo nosso coração.
Os nós fazem parte de nós.
Infelizmente, nem tudo o que se apega a nós é bom e útil.
Se prezamos ter laços afetivos e pedaços de memórias agarradas definitivamente à nossa pele, há aqueles nós que se apegam sem que nossa permissão seja pedida e sem que tenhamos forças para desatá-los.
Esses nos acompanham e nos adoecem.
Viver com nós na garganta, que não descem e nem saem, nos deixa deficientes.
Avançamos em algumas outras coisas, mas o não resolvido fica, como um espinho na carne.
Aquilo que não conseguimos engolir é o perdão que não conseguimos oferecer, é o esclarecimento que nunca nos foi dado, são os porquês nunca respondidos.
A gente caminha, mas sente que algo ficou pra trás e muitas das dores de garganta que não conseguimos curar são emoções presas das quais não soubemos nos livrar.
O que fica atravessado diante de nós é o peso que carregamos por vezes por anos e anos.
O dia bendito em que conseguimos colocar em palavras e lágrimas aquilo que nos ofendeu, entrou em nós e ficou, o sol desponta no horizonte como se fosse seu primeiro dia.
Ah, Deus, se tivéssemos sempre a coragem de abrir nosso coração e gritar nossa mágoa, quão mais leves e sãos poderíamos viver!
Por que esse medo de expôr o que nos desagrada?
Por que temer ferir o outro quando estamos, nós mesmos e inteiramente, sangrando?
Por que a felicidade alheia, se felicidade alheia há, é mais importante que a nossa?
Grande parte dos nossos problemas das nossas doenças até físicas são falta de comunicação.
Por que não dizemos, não passamos ao outro o que sentimos, não falamos do sentimento de injustiça que sentimos e do quanto isso nos abala.
Falar é importante.
No bom momento, claro, que com sabedoria deve ser escolhido, mas é muito importante.
O que não dizemos, o outro não é obrigado a adivinhar e isso nunca podemos cobrar.
Os nós não resolvidos atam nossa vida a um certo momento.
Não crescemos como convém e mesmo nosso riso é sempre manchado por uma pinta de tristeza que traduz nosso olhar.
Quando sentiu que tinha que se revoltar no Templo, Jesus se revoltou, nenhuma palavra poupou; quando a dor e tristeza foram grandes demais no seu seio, Ele chorou; quando o cálice tornou-se por demais amargo, falou com o Pai...
A liberdade só nos chega quando liberamos nosso ser, quando oferecemos ao outro o direito de ouvir, perdoamos o que deve ser perdoado e aceitamos o que deve ser aceitado.
Se criamos a coragem de desatar, devagar, certo, mas desatar, um a um os laços que nos incomodam, liberamos uma a uma as ansiedades, os males que nos doem física e psicologicamente.
Nessas horas nosso coração bate de maneira diferente, respiramos mais ar puro e nossos olhos se abrem para novos horizontes.
Só um pequeno passo, um muito de coragem e uma nova vida pode começar.

terça-feira, 23 de agosto de 2011

NÃO ESXISTE OUTRO EVANGELHO


Gálatas 1 (6-10)

6 Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho;

7 O qual não é outro, mas há alguns que vos inquietam e querem transtornar o evangelho de Cristo.

8 Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema.

9 Assim, como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo. Se alguém vos anunciar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema.

10 Porque, persuado eu agora a homens ou a Deus? ou procuro agradar a homens? Se estivesse ainda agradando aos homens, não seria servo de Cristo.

Ferramentas


Disse que ela era muito áspera no tratamento com os demais, entrando sempre em atrito.

A lixa acatou, com a condição de que se expulsasse o metro, que sempre media os outros segundo a sua medida, como se fosse o único perfeito.

Nesse momento entrou o marceneiro, juntou todos e iniciou o seu trabalho. Utilizou o martelo, a lixa, o metro, o parafuso... E a rústica madeira se converteu em belos móveis.

Quando o marceneiro foi embora, as ferramentas voltaram à discussão. Mas o serrote adiantou-se e disse:
- Senhores, ficou demonstrado que temos defeitos, mas o marceneiro trabalha com nossas qualidades, ressaltando nossos pontos valiosos...

Portanto, em vez de pensar em nossas fraquezas, devemos nos concentrar em nossos pontos fortes. Então a assembléia entendeu que: o martelo era forte, o parafuso unia e dava força, a lixa era especial para limpar e afinar asperezas, e o metro era preciso e exato.

Sentiram-se como uma equipe, capaz de produzir com qualidade; e uma grande alegria tomou conta de todos pela oportunidade de trabalharem juntos. O mesmo ocorre com os seres humanos. Quando uma pessoa busca defeitos em outra, a situação torna-se tensa e negativa. Ao contrário, quando se busca com sinceridade os pontos fortes dos outros, florescem as melhores conquistas humanas.

É fácil encontrar defeitos... Qualquer um pode fazê-lo! Mas encontrar qualidades? Isto é para os sábios !!!
AUTOR DESCONHECIDO

Sorria Sempre


Claro que dá para sorrir sempre!
Mentiram para nós quando falaram em sofrimento!
O sofrimento pode NÃO existir. Ele é algo que aprendemos a sentir dentro de uma situação que contraria a nossa vontade. A situação existe, mas sofrer dentro dela pode ser escolha nossa.

Finanças:
Se o dinheiro está "curto"... Sorria! O sorriso atrai a prosperidade.

Família:
Se está havendo conflitos... Sorria! O sorriso dissolve as energias pesadas.

Trabalho:
Se o progresso parece lento... Sorria! O sorriso abre portas para novas possibilidades.

Amigos:
Se alguns o desapontaram... Sorria! O sorriso é um imã para novas amizades.

Saúde:
Se não está bem... Sorria! O sorriso fortalece as defesas do corpo.

Idade:
Se ela o preocupa... Sorria! O sorriso emite a luz da jovialidade.

Solidão:
Se ela aparecer... Sorria! O sorriso conquista boas companhias.

Amor:
Se você está sem nenhum... Sorria! O sorriso nos torna mais atraentes.

Há momentos na Vida em que realmente não dá para sorrir. Nesses momentos sorria para Deus: Ele há de retribuir o seu sorriso!

AUTOR DESCONHECIDO

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

ENDEREÇO E SAUDAÇÃO


Gálatas 1(1-5)

1 Paulo, apóstolo (não da parte dos homens, nem por homem algum, mas por Jesus Cristo, e por Deus Pai, que o ressuscitou dentre os mortos),

2 E todos os irmãos que estão comigo, às igrejas da Galácia:

3 Graça e paz da parte de Deus Pai e do nosso Senhor Jesus Cristo,

4 O qual se deu a si mesmo por nossos pecados, para nos livrar do presente século mau, segundo a vontade de Deus nosso Pai,

5 Ao qual seja dada glória para todo o sempre. Amém.

Acredite na VIDA


Acreditar na vida É ter esperança no amanhã. Saber que após a noite vem o dia. Não invadir o espaço alheio. Ser espontâneo. Amar as pessoas incondicionalmente.
Aproveitar todos os momentos... Confiar na voz da intuição

Perdoar as pessoas. Ter pensamentos positivos e respeitar os sentimentos dos outros. Ser sincero. Encontrar a felicidade nas pequenas coisas. Entender que somos pessoas únicas. Ter motivação! Enxergar além das aparências. Descobrir que precisamos dos outros

Esquecer o que passou. Buscar novos horizontes Perceber que somos humanos. Vencer a nós mesmos e ver a beleza da alma. Sair da passividade, saber que a vida é conseqüência de nossas atitudes. Não procrastinar as decisões. Mimar a criança interior e deixar acontecer...

Curta as pequenas vitórias Viva apaixonado pela vida Visualize só coisas boas e entenda que há limites. Tenha auto-estima. Veja a vida com outros olhos...

Saber que estamos só de passagem... Melhorar os relacionamentos Aproveitar as oportunidades e ouvir o sempre o coração, ele sabe o que é melhor pra você.

Acreditar em você, vai trazer energias boas daqueles que de alguma maneira... amam e torcem por você.
AUTOR DESCONHECIDO

Meu querido filho, quanto terei que...


Esperar pôr este teu chegar. Como vai ser difícil, Quanto me vai ser duro esta espera; Esta tua demora. Conto os dias ,conto as horas, nada, tu não chegas. Eu te chamo, te espero , me desespero Olho e torno a olhar, Nada...tu não chega Jamais pensei, ou antes não queria acreditar que um dia eu ficasse a tua espera neste deposito, Neste asilo e nunca mais te visse chegar.

Meu coração está de luto; Te chamo , te procuro ,ascendo à luz , não te vejo ,estas no escuro. Dias destes lavava, trocava tuas fraldas. Embalava-te entre meus braços, Encantava-me com teus sorrisos; Ficou tão grande filho !!! E não mais cabias; Como não cabe esta dor dentro de mim , estes meus prantos.

Meu querido filho e amado...Se falhei , não te compreendi ,não foi uma mãe boa; Perdoe-me...Fiquei no passado, fui ultrapassada pelo dias modernos. Hoje tenho as pernas combalidas ,
Estou enfraquecida pela longa espera. Possivelmente ,quando tardio chegares no meu leito derradeiro, Perceberas outra mãe em meu lugar. Desculpe- me tive que ir, sem despedir- me de você , Pois chegou minha vez; Minha hora.
Cumpri a missão delegada pôr Deus. Adeus meu filho !!! Valeu a alegria, felicidade que- proporcionaste-me. Quando o tempo lhe permitir, Olhes para o infinito do luzeiro noturno , Notarás uma estrela mais brilhante e cintilante É o meu coração pulsando pôr você que ficou na terra. Adeus filho!!! As minhas bênçãos.

Quantas pessoas existem esquecidas nos asilos do mundo.
Quantas mães e pais sofrem diante desse descaso.
Essa mensagem reflete um sentimento puro do coração
de uma mãe recordando o passado feliz!!
AUTOR DESCONHECIDO

domingo, 21 de agosto de 2011

SAUDAÇÕES FINAIS



2 Coríntios 13 (11-13)

11 Quanto ao mais, irmãos, regozijai-vos, sede perfeitos, sede consolados, sede de um mesmo parecer, vivei em paz; e o Deus de amor e de paz será convosco.

12 Saudai-vos uns aos outros com ósculo santo.
Todos os santos vos saúdam.

13 A graça do Senhor Jesus Cristo, e o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo seja com todos vós. Amém.

E o sol nasce novamente


Há ocasiões em nossa vida que a noite parece interminável. É assim quando todas as esperanças parecem ter ido procurar refúgio em algum lugar, menos no nosso coração.
Não somamos nossas alegrias como somamos nossos problemas. Quando passamos por um caminho difícil, fazemos uma revisão do que vivemos e temos vivido e somamos as dores, que parecem crescer a cada lembrança.
Se, inversamente, fizéssemos o mesmo com nossos momentos de alegria, encontraríamos razões a mais para viver e forças suplementares para sobreviver aos impasses da vida.
Por mais longa que seja a noite, por mais lento que tenha sido o relógio e por mais dolorido que tenha estado nosso coração, o sol nasce novamente. Pouco importa se no dia seguinte ele estará ainda encoberto por nuvens, ele não estará encoberto eternamente.
A certeza de que algo de bom e bonito existe nos faz guardar ainda acesa a chama dentro do coração. Se o sol vai e volta, a lua some e reaparece, as marés baixam e sobem, não há razões para que na vida não demos a volta por cima. A natureza é a prova viva de que tudo está em movimento sempre e nós fazemos parte dessa paisagem idealizada e plantada por Deus.
Tudo é passageiro, as alegrias veem e vão, mas o sofrimento também, até mesmo aquele que se instala no mais profundo do nosso ser, ele também se acalma e deixa um lugarzinho aberto para a doçura de viver.
Não podemos desistir de ser felizes enquanto o sol não desistir de renascer.
 
Letícia Thompson

sábado, 20 de agosto de 2011

REVEJAM A PRÓPRIA VIDA


2 Coríntios 13 (5-10)

5 Examinai-vos a vós mesmos, se permaneceis na fé; provai-vos a vós mesmos. Ou não sabeis quanto a vós mesmos, que Jesus Cristo está em vós? Se não é que já estais reprovados.

6 Mas espero que entendereis que nós não somos reprovados.

7 Ora, eu rogo a Deus que não façais mal algum, não para que sejamos achados aprovados, mas para que vós façais o bem, embora nós sejamos como reprovados.

8 Porque nada podemos contra a verdade, senão pela verdade.

9 Porque nos regozijamos de estar fracos, quando vós estais fortes; e o que desejamos é a vossa perfeição.

10 Portanto, escrevo estas coisas estando ausente, para que, estando presente, não use de rigor, segundo o poder que o Senhor me deu para edificação, e não para destruição.

Hoje


Hoje milhões de pessoas irão tirar o seu carro da garagem e farão uma viagem de ida e volta ao seu trabalho, sem se envolverem em acidente ou serem vítimas de algum assalto.

Hoje pessoas irão se apaixonar por alguém, e este amor irá durar por toda a vida.

Hoje milhões de pessoas irão voluntariar o seu tempo para uma nobre causa.

Hoje milhões de pessoas irão doar grandes somas de dinheiro para o benefício da humanidade.

Hoje milhões de pessoas, ao redor do mundo, irão experimentar paz num dia bastante produtivo.

Hoje novas e empolgantes descobertas serão realizadas.

Hoje novas residências serão construídas.

Hoje nascerão novas idéias que poderão revolucionar esse mundo e fazê-lo muito melhor.

Hoje vidas serão salvas.

Hoje milhares de crianças serão adotadas e passarão a gozar do calor, conforto e esperança de uma vida promissora.

Existem dissensões e impiedade neste mundo?

Claro que sim.

Porém, existe muita coisa boa neste mesmo mundo.

Quando você ouvir as más noticias - que vendem muito - tente lembrar-se disso: existem muito mais boas notícias do que más notícias.

Pela graça, misericórdia e obstinado amor foi que Deus criou este mundo e, após tê-lo feito, Ele se agradou da sua própria criação.

Hoje é um lindo dia e, com ele, nos vêm maravilhas além da nossa capacidade de compreensão.

Nélio Da Silva

"Este é o dia que o Senhor fez; regozijemo-nos e alegremo-nos nele". Salmos 118:24

"Agrada-te do SENHOR, e ele satisfará os desejos do teu coração. Entrega o teu caminho ao SENHOR, confia nele, e o mais ele fará". Salmos 37.4,5

Falhas


“Uma das coisas que fascina na cidade de San Francisco é ela estar localizada sobre a falha de San Andreas, que é um desnível no terreno da região que provoca pequenos abalos sísmicos de vez em quando, e grandes terremotos de tempos em tempos”.

Você está deslumbrado, caminhando pela cidade, apreciando a arquitetura vitoriana, a baía, a famosa Golden Gate e, de uma hora para outra, pode perder o chão. Ver tudo sair do lugar, ficar tontinho, tontinho. É pouco provável que vá acontecer justo quando você estiver lá, mas existe a possibilidade.

Assim são também as pessoas interessantes: têm falhas. Pessoas perfeitas são como Viena, uma cidade quase perfeita. Linda, sem fraturas geológicas, onde tudo funciona e você fica com tédio.

Pessoas, como cidades, não precisam ser excessivamente bonitas. É fundamental que tenham sinais de expressão no rosto, um nariz com personalidade, um vinco na testa que as caracterize.

Pessoas, como cidades, precisam ser limpas, mas é importante suar na hora do cansaço. Também o é ter um cheiro próprio, uma camiseta velha para dormir, um jeans quase transparente de tanto que foi usado, um batom que escapou dos lábios depois de um beijo, um rímel que borrou um pouquinho quando você chorou. Pessoas, como cidades, têm que funcionar, mas não podem ser previsíveis.

De vez em quando, sem abusar muito da licença, devem ser insensatas, ligeiramente passionais. Devem demonstrar um certo desatino, ir contra alguns prognósticos, cometer erros de julgamento e pedir perdão depois.

Aliás, pedir perdão sempre, Pessoas, como cidades, devem dar vontade de visitar, devem satisfazer nossa necessidade de viver momentos sublimes, devem ser calorosas, ser generosas e abrir suas portas. Devem nos fazer querer voltar, porém não devem nos deixar 100% seguros, nunca. Uma pequena dose de apreensão e cuidado devem provocar. Nunca devem deixar os outros esquecerem que pessoas, assim como cidades, têm rachaduras internas.

Portanto, podem surpreender.

Falhas. Agradeça as suas, que é o que humaniza você.

Júlio Clebsch

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

ÚLTIMA ADVERTÊNCIA


2 Coríntios 13 (1-4)
1 É esta a terceira vez que vou ter convosco. Por boca de duas ou três testemunhas será confirmada toda a palavra.

2 Já anteriormente o disse, e segunda vez o digo como quando estava presente; mas agora, estando ausente, o escrevo aos que antes pecaram e a todos os mais, que, se outra vez for, não lhes perdoarei;

3 Visto que buscais uma prova de Cristo que fala em mim, o qual não é fraco para convosco, antes é poderoso entre vós.

4 Porque, ainda que foi crucificado por fraqueza, vive, contudo, pelo poder de Deus. Porque nós também somos fracos nele, mas viveremos com ele pelo poder de Deus em vós.

Eu os amei o suficiente


Meus filhos, um dia, quando vocês forem crescidos o suficiente para entender a lógica que motiva os pais e as mães, eu hei de lhes dizer:
Eu os amei o suficiente para ter perguntado: aonde vão, com quem vão e a que horas regressarão? Eu os amei o suficiente para não ter ficado em silêncio e fazer com que vocês soubessem que aquele novo amigo não era boa companhia.
Eu os amei o suficiente para os fazer pagar as balas que tiraram da mercearia e os fazer dizer ao dono: "nós roubamos isto ontem e queríamos pagar". Eu os amei o suficiente para ter ficado em pé junto de vocês por uma hora, enquanto limpavam o seu quarto; tarefa que eu teria realizado em quinze minutos. Eu os amei o suficiente para os deixar ver além do amor que eu sentia por vocês, o desapontamento e também as lágrimas nos meus olhos.

Eu os amei o suficiente para os deixar assumir a responsabilidade das suas ações, mesmo quando as conseqüências eram tão duras que me partiam o coração. Mais do que tudo, eu os amei o suficiente para dizer-lhes não, quando eu sabia que vocês poderiam me odiar por isso. Essas eram as mais difíceis batalhas de todas. Estou contente..., venci... porque no final vocês venceram também!
E, qualquer dia, quando meus netos forem crescidos o suficiente para entender a lógica que motiva os pais e as mães, meus filhos vão lhes dizer quando eles lhes perguntarem se a sua mãe era má:
"sim... nossa mãe era má.

Era a mãe mais má do mundo. As outras crianças comiam doces no café da manhã e nós tínhamos de comer pão, queijo, leite." As outras crianças bebiam refrigerante e comiam batatas fritas e sorvete no almoço e nós tínhamos de comer arroz, feijão, carne, legumes e frutas. Ela nos obrigava a jantar à mesa, bem diferente das outras mães, que deixavam os filhos comer vendo televisão. Ela insistia em saber onde nós estávamos a toda hora. Era quase uma prisão. Mamãe tinha que saber quem eram os nossos amigos e o que nós fazíamos com eles. Insistia que lhe disséssemos quando íamos sair, mesmo que demorássemos só uma hora ou menos.

Nós tínhamos vergonha de admitir, mas ela violou as leis de trabalho infantil. Nós tínhamos de lavar a louça, fazer as camas, lavar a roupa, aprender a cozinhar, aspirar o pó do chão, esvaziar o lixo e todo o tipo de trabalhos cruéis. Eu acho que ela nem dormia à noite, pensando em coisas para nos mandar fazer.
Ela insistia sempre conosco para lhe dizer a verdade, e apenas a verdade. E quando éramos adolescentes, ela até conseguia ler os nossos pensamentos. A nossa vida era mesmo chata. Ela não deixava os nossos amigos tocarem a buzina para que nós saíssemos. Tinham de subir, bater na porta para ela os conhecer. Enquanto todos podiam sair à noite com doze, treze anos, nós tivemos de esperar pelos dezesseis.

Nossos amigos dirigiam o carro dos pais mesmo sem ter habilitação, mas nós tivemos que esperar os dezoito anos para aprender, como pede a lei. Por causa da nossa mãe, nós perdemos muitas experiências da adolescência.
Nenhum de nós esteve envolvido em roubos, atos de vandalismo, violação de propriedade, nem fomos presos por nenhum crime.
Foi tudo por causa dela. Agora já saímos de casa. Somos adultos, honestos e educados, e estamos fazendo o possível para ser, também, "pais maus", tal como a nossa mãe. Eu acho que este é um dos males do mundo de hoje: não há suficientes mães más como a nossa mãe o foi...
EU ACHO QUE ESTE É UM DOS MALES DO MUNDO DE HOJE:
 
OMISSÃO, FALTA DE AMOR!

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

ÚLTIMA ADVERTÊNCIA


2 Coríntios 12 (19-21)

19 Cuidais que ainda nos desculpamos convosco? Falamos em Cristo perante Deus, e tudo isto, ó amados, para vossa edificação.

20 Porque receio que, quando chegar, não vos ache como eu quereria, e eu seja achado de vós como não quereríeis; que de alguma maneira haja pendências, invejas, iras, porfias, detrações, mexericos, orgulhos, tumultos;

21 Que, quando for outra vez, o meu Deus me humilhe para convosco, e chore por muitos daqueles que dantes pecaram, e não se arrependeram da imundícia, e prostituição, e desonestidade que cometeram.

HEBREUS (3-15)


Eu não chorei


Eu não chorei quando soube que era mãe de uma criança mentalmente limitada. Apenas me sentei e não disse qualquer coisa quando meu marido e eu fomos informados que Kristi era - como suspeitávamos  deficiente mental.
- Vá em frente e chore. - O médico aconselhou amavelmente ajuda a prevenir sérias dificuldades emocionais.

Apesar das sérias dificuldades, eu não chorei nem durante os meses 
que se seguiram.
Quando Kristi estava com idade para ir à escola, sete anos, nós a matriculamos no jardim de infância da escola de nossa vizinhança. 
Eu poderia ter chorado no dia em que a deixei naquela sala cheia de seguras, ansiosas e espertas crianças de cinco anos. 
Kristi passava horas e horas brincando sozinha, mas naquele momento, quando era a criança "diferente" entre outras vinte, estava provavelmente mais solitária do que nunca.

Entretanto, coisas positivas começaram a acontecer para Kristi em sua escola, e para seus coleguinhas, também. Quando se gabavam de suas próprias realizações, os coleguinhas de Kristi sempre tinham prazer de elogia-la também:
- Kristi conseguiu soletrar direito todas as suas palavras hoje.
No segundo ano de Kristi na escola, enfrentou uma experiência traumática. Uma apresentação pública, finalizando o ano, que tinha 
uma apresentação musical e uma competição de atividades físicas. Kristi estava muito atrás em ambos, música e coordenação motora.

No dia da apresentação, Kristi fingiu estar doente. Desesperadamente eu quis mante-la em casa. Por que deixar Kristi falhar em um ginásio cheio de pais, de estudantes e professores? Que simples solução seria apenas deixar minha criança em casa. Certamente faltar a uma apresentação não podia importar. Mas minha consciência não me deixava sair desta situação assim tão facilmente.

Então, eu praticamente enfiei uma pálida e relutante Kristi dentro do ônibus escolar e eu mesma é que passei a estar doente. Mas como eu havia forçado minha filha a ir à escola, agora eu me forçava a ir à tal apresentação.
Parecia que nunca chegava a hora do grupo de Kristi se apresentar. Quando finalmente vieram, eu descobri porque Kristi estava preocupada. Sua turma foi dividida em equipes. Com suas reações débeis, lentas e desajeitadas, certamente atrasaria a sua equipe.
O desempenho foi surpreendentemente bom, até que chegou a hora da corrida de sacos. Agora cada criança tinha que entrar em um saco, ir pulando dentro do saco até uma linha, voltar e sair do saco.

Eu observei Kristi parada atrás de sua equipe, olhando nervosa. Mas quando chegou a vez de Kristi, o menino mais alto da turma foi para trás de Kristi e colocou suas mãos em sua cintura. Outros dois meninos se abaixaram ao seu lado. Então, o menino mais alto levantou Kristi e os outros dois ajeitaram o saco. Uma menina segurou a mão de Kristi e a apoiou até que Kristi ganhasse equilíbrio. E então, ela foi pulando, sorrindo e orgulhosa.

Diante da torcida, do apoio e do entusiasmo dos professores, dos estudantes e dos pais, eu agradeci à Deus por aquelas pessoas amáveis e compreensivas que tornaram possível que minha inabilitada filha fosse um ser humano como seus companheiros.

Então, finalmente eu chorei.
AUTOR DESCONHECIDO

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

CARACTERÍSTICAS DE UM APÓSTOLO


2 Coríntios 12(11-18)
11 Fui néscio em gloriar-me; vós me constrangestes. Eu devia ter sido louvado por vós, visto que em nada fui inferior aos mais excelentes apóstolos, ainda que nada sou.

12 Os sinais do meu apostolado foram manifestados entre vós com toda a paciência, por sinais, prodígios e maravilhas.

13 Pois, em que tendes vós sido inferiores às outras igrejas, a não ser que eu mesmo vos não fui pesado? Perdoai-me este agravo.

14 Eis aqui estou pronto para pela terceira vez ir ter convosco, e não vos serei pesado, pois que não busco o que é vosso, mas sim a vós: porque não devem os filhos entesourar para os pais, mas os pais para os filhos.

15 Eu de muito boa vontade gastarei, e me deixarei gastar pelas vossas almas, ainda que, amando-vos cada vez mais, seja menos amado.

16 Mas seja assim; eu não vos fui pesado mas, sendo astuto, vos tomei com dolo.

17 Porventura aproveitei-me de vós por algum daqueles que vos enviei?

18 Roguei a Tito, e enviei com ele um irmão. Porventura Tito se aproveitou de vós? Não andamos porventura no mesmo espírito, sobre as mesmas pisadas?

DIREITOS HUMANOS


Uma Carta:- DE MÃE PARA MÃE .
Hoje vi seu enérgico protesto diante das câmeras de televisão contra a transferência do seu filho, menor infrator, das dependências da FEBEM em São Paulo para outra dependência da FEBEM no interior do Estado.
Vi você se queixando da distância que agora a separa do seu filho, das dificuldades e das despesas que passou a ter para visitá-lo, bem como de outros inconvenientes decorrentes daquela transferência.
Vi também toda a cobertura que a mídia deu para o fato, assim como vi que não só você, mas igualmente outras mães na mesma situação, contam com o apoio de comissões, pastorais, órgãos e entidades de defesa de direitos Humanos.
Eu também sou mãe e, assim, bem posso compreender o seu protesto.
Quero com ele fazer coro. Enorme é a distância que me separa do meu filho.
Trabalhando e ganhando pouco, idênticas são as dificuldades e as despesas que tenho para visitá-lo. Com muito sacrifício, só posso fazê-lo aos domingos porque labuto, inclusive aos sábados, para auxiliar no sustento e educação do resto da família. Felizmente conto com o meu inseparável companheiro, que desempenha, para mim, importante papel de amigo e conselheiro espiritual.
Se você ainda não sabe, sou a mãe daquele jovem que o seu filho matou estupidamente num assalto a uma vídeo-locadora, onde ele, meu filho, trabalhava durante o dia para pagar os estudos à noite.
No próximo domingo, quando você estiver se abraçando, beijando e fazendo carícias no seu filho, eu estarei visitando o meu e depositando flores no seu humilde túmulo, num cemitério da periferia de São Paulo...
Ah! Ia me esquecendo: e também ganhando pouco e sustentando a casa, pode ficar tranqüila viu? Que eu estarei pagando de novo, o colchão que seu querido filho queimou lá na última rebelião da Febem, tá?
Leia com Atenção! Talvez a gente consiga acabar com esta inversão de valores que assola o Brasil!
Direitos Humanos são para os Humanos Direitos!!!!
AUTOR DESCONHECIDO

terça-feira, 16 de agosto de 2011

NA FRAQUEZA SE MANIFESTA A FORÇA


2 Coríntios 12(7-10)

7 E, para que não me exaltasse pela excelência das revelações, foi-me dado um espinho na carne, a saber, um mensageiro de Satanás para me esbofetear, a fim de não me exaltar.

8 Acerca do qual três vezes orei ao Senhor para que se desviasse de mim.

9 E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo.

10 Por isso sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então sou forte.

Existência de Deus


Conta-se que um velho árabe analfabeto orava com tanto fervor e com tanto carinho, cada noite, que, certa vez, o rico chefe de grande caravana chamou-o à sua presença e lhe perguntou:

- Por que oras com tanta fé? Como sabes que Deus existe, quando nem ao menos sabes ler?

O crente fiel respondeu:

- Grande senhor, conheço a existência de nosso Pai Celeste pelos sinais dele.

- Como assim? - indagou o chefe, admirado.

O servo humilde explicou-se:

- Quando o senhor recebe uma carta de uma pessoa ausente, como reconhece quem escreveu?

- Pela letra.

- Quando o senhor recebe uma jóia, como é que se informa quanto ao autor dela?

- Pela marca do ourives.

O empregado sorriu e acrescentou:

- Quando ouve passos de animais, em redor da tenda, como sabe, depois, se foi um carneiro, um cavalo ou um boi?

- Pelos rastros - respondeu o chefe, surpreendido. Então, o velho crente convidou-o para fora da barraca e, mostrando-lhe o céu, onde a lua brilhava, cercada por multidões de estrelas, exclamou, respeitoso:

- Senhor, aqueles sinais, lá em cima, não pode ser dos homens! Nesse momento, o orgulhoso caravaneiro de olhos lacrimosos, ajoelhou-se na areia e começou a orar também.

Autor: MEIMEI

EMBORA


Embora eu aperte meus ouvidos e reclame quando o despertador soa, obrigado, Senhor pois eu posso ouvir. Há muitos que são surdos.
Embora eu mantenha meus olhos fechados contra a luz matutina, obrigado, Senhor pois eu posso ver. Muitos são cegos.
Embora me seja difícil levantar da cama de manhã, obrigado Senhor, pois eu tenho a força para me levantar.
Há muitos que estão acamados.
Embora a primeira hora de meu dia seja sempre apressada, quando as meias estão perdidas, o café da manhã é queimado, a paciência é pequena e minhas crianças falam tão alto, obrigado, Senhor, pela minha família. Há muitos que estão sós.
Embora nossa mesa de café da manhã nunca se pareça com os anúncios em revistas e o cardápio está às vezes desequilibrado, obrigado, Senhor, pela comida que temos.
Há muitos que têm fome.
Embora a rotina de meu trabalho seja freqüentemente monótona, obrigado, Senhor, pela oportunidade de trabalhar. Há muitos que não têm nenhum trabalho.
Embora eu murmure e lamente meu destino a cada dia e deseje que minhas circunstâncias não sejam tão modestas, obrigado, Senhor, pela vida!
Autor Desconhecido

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

UMA EXPERIÊCIA EXTRAORDINÁRIA


2 Coríntios 12(1-6)

1 Em verdade que não convém gloriar-me; mas passarei às visões e revelações do Senhor.

2 Conheço um homem em Cristo que há catorze anos (se no corpo, não sei, se fora do corpo, não sei; Deus o sabe) foi arrebatado ao terceiro céu.

3 E sei que o tal homem (se no corpo, se fora do corpo, não sei; Deus o sabe)

4 Foi arrebatado ao paraíso; e ouviu palavras inefáveis, que ao homem não é lícito falar.

5 De alguém assim me gloriarei eu, mas de mim mesmo não me gloriarei, senão nas minhas fraquezas.

6 Porque, se quiser gloriar-me, não serei néscio, porque direi a verdade; mas deixo isto, para que ninguém cuide de mim mais do que em mim vê ou de mim ouve.

O que faz bem e o que faz mal...


Acho a maior graça. Tomate previne isso, cebola previne aquilo, chocolate faz bem, chocolate faz mal, um cálice diário de vinho não tem problema, qualquer gole de álcool é nocivo, tome água em abundância, mas não exagere...
Diante desta profusão de descobertas, acho mais seguro não mudar de hábitos.
Sei direitinho o que faz bem e o que faz mal pra minha saúde.
Prazer faz muito bem.
Dormir me deixa 0km.
Ler um bom livro faz-me sentir novo em folha.
Viajar me deixa tenso antes de embarcar, mas depois rejuvenesço uns cinco anos.
Viagens aéreas não me incham as pernas; incham-me o cérebro, volto cheio de ideias.
Brigar me provoca arritmia cardíaca.
Ver pessoas tendo acessos de estupidez me embrulha o estômago.
Testemunhar gente jogando lata de cerveja pela janela do carro me faz perder toda a fé no ser humano.
E telejornais... os médicos deveriam proibir - como doem!
Caminhar faz bem, dançar faz bem, ficar em silêncio quando uma discussão está pegando fogo, faz muito bem! Você exercita o autocontrole e ainda acorda no outro dia sem se sentir arrependido de nada.
Acordar de manhã arrependido do que disse ou do que fez ontem à noite é prejudicial à saúde!
E passar o resto do dia sem coragem para pedir desculpas, pior ainda!
Não pedir perdão pelas nossas mancadas dá câncer, não há tomate ou mozarela que previna.
Ir ao cinema, conseguir um lugar central nas fileiras do fundo, não ter ninguém atrapalhando sua visão, nenhum celular tocando e o filme ser espetacular, uau!
Cinema é melhor pra saúde do que pipoca!
Conversa é melhor do que piada.
Exercício é melhor do que cirurgia.
Humor é melhor do que rancor.
Amigos são melhores do que gente influente.
Economia é melhor do que dívida.
Pergunta é melhor do que dúvida.
Sonhar é melhor do que nada!
Martha Medeiros

TRANQUILIZANTE


Não são os problemas da vida em si que nos agravam a tensão nervosa. São as questões-satélites que nascem de nossas dificuldades para aceitá-los.

Quantas vezes, pervagamos na Terra, sofrendo emoções desequilibradas, diante de companheiros queridos que não desejam, por agora, o nosso modo de ser? E em quantas outras nos atormentamos inutilmente, perante obstáculos complexos que claramente não nos será possível liquidar em apenas um dia?

Entretanto, observemos:
enfermidades aparecerão sempre no mundo, pedindo tratamento e não inconformidade para as melhoras precisas;
entes amados em luta são telas de rotina, solicitando entendimento e não atitudes condenatórias para alcançarem o reequilíbrio;
erros nossos e faltas alheias fazem parte do nosso aprendizado na escola da experiência, exigindo calma e não censura para serem retificados;
tentações são inevitáveis, em todos os sentidos, nos climas de atividade indispensáveis à nossa formação de resistência, reclamando serenidade e não agitação para serem extintas.

Em todas as situações aflitivas, use a prece como sendo o nosso melhor tranqüilizante no campo do espírito.

E quando problemas apareçam, não se deixe arrastar nas labaredas da angústia.

Você pode ficar em paz.

Para isso, basta que você trabalhe e deixe Deus decidir.
AUTOR DESCONHECIDO