segunda-feira, 30 de abril de 2012

UM SINAL DE SALVAÇÃO


Isaías 19 (16-25)

16-Naquele tempo os egípcios serão como mulheres, e tremerão e temerão por causa do movimento da mão do SENHOR dos Exércitos, que há de levantar-se contra eles.

17-E a terra de Judá será um espanto para o Egito; todo aquele a quem isso se anunciar se assombrará, por causa do propósito do SENHOR dos Exércitos, que determinou contra eles.

18-Naquele tempo haverá cinco cidades na terra do Egito que falarão a língua de Canaã e farão juramento ao SENHOR dos Exércitos; e uma se chamará: Cidade de destruição.

19-Naquele tempo o SENHOR terá um altar no meio da terra do Egito, e uma coluna se erigirá ao SENHOR, junto da sua fronteira.

20-E servirá de sinal e de testemunho ao SENHOR dos Exércitos na terra do Egito, porque ao SENHOR clamarão por causa dos opressores, e ele lhes enviará um salvador e um protetor, que os livrará.

21-E o SENHOR se dará a conhecer ao Egito, e os egípcios conhecerão ao SENHOR naquele dia, e o adorarão com sacrifícios e ofertas, e farão votos ao SENHOR, e os cumprirão.

22-E ferirá o SENHOR ao Egito, ferirá e o curará; e converter-se-ão ao SENHOR, e mover-se-á às suas orações, e os curará;

23-Naquele dia haverá estrada do Egito até à Assíria, e os assírios virão ao Egito, e os egípcios irão à Assíria; e os egípcios servirão com os assírios.

24-Naquele dia Israel será o terceiro com os egípcios e os assírios, uma bênção no meio da terra.

25-Porque o SENHOR dos Exércitos os abençoará, dizendo: Bendito seja o Egito, meu povo, e a Assíria, obra de minhas mãos, e Israel, minha herança.

DESPERTAI


O Criador te chamas: Despertai, oh criatura sonolenta, que o despertar só depende de ti, reconstrua o teu destino, pois o Altíssimo te convoca à responsabilidade que tu sempre desejaste, liberai teu coração oh cópia de Deus no mundo solitário, deixai que teu sentimento faça por ti o que tu deixaste de fazer por toda tua vida.
É o teu Mestre apontando Teu olhar de Misericórdia para tua direção, tremei pois, se tu tiverdes inteligência terás atenção de que tua felicidade é uma experiência ligada à sabedoria, porém não fujas cervo do campo do jardim do Onipotente, tu és frágil e sem proteção do Pai Celestial tu não sobrevives mais um dia, desperta-te de tua insignificância e tomas posse da graça do Amor Ágape, entenda que tua vida muda quando tu mudas o pensamento, quando tu deixas as pessoas do passado no passado e abres os teus olhos para o mundo de todos os seres, não só o teu limitado e vaidoso mundo. Enquanto acreditares no Divino o medo não poderá instalar em tua carne.
Gemei oh alma inventada pelo Onipresente, tua vez chegou tua graça te está sendo oferecida, estendei tuas pequenas mãos para o grande tamanho do pesado fardo de bençãos que o Amor, a Verdade e a Vida escolheu para ti num tempo que tu já não acreditavas nesta possibilidade. Sim, teu incrédulo, tua hora chegou, vivas intensamente convivendo com os riscos, só quem se dá para e se arrisca a observar o movimento que a vida faz está sujeito a mudar também. Levantai solitário humano, é Deus quem te ordena a assumir tua identidade cristã por pior que tudo possa parecer diante tuas tristezas, não aceites a queda, não tires o mérito do querer do Senhor, não agora.
Neste momento o Senhor dos Exércitos te convoca, aponta para ti com a espada afiada da justiça e te entregas junto com a armadura do cristão, vista-a, toma pois, tua posse e cale-te, só fale quando teu Pai quiser ouvir-te e não deixes a dúvida tomar conta de tua fé, para de pensar pessoa teimosa de tua vaidade, te ponhas no teu lugar, abra teus olhos; é o Supremo diante do teu resto de ti, teu maior adversário está dentro de ti, assim como a luz no fim do túnel está dentro de ti também. Acredites no projeto de Deus em tua vida e sejas dono de tua atenção. Detenhas a arte de ver o invisível, uses os olhos da perseverança e aprendas a enxergar a Luz.
Olhai lírio do campo, tu mesmo és a flor indefesa, tu mesmo és quem precisa perceber o óbvio! Tu mesmo deves atravessar a ponte do sentido da vida, deves continuar tua jornada que está à distância de teu passo. Não duvides, não duvides. A mesma chance que o Senhor dos senhores te dá te tiras. Te dás por Misericórdia e não por teu merecimento, mas se tu não vês te tiras por não merecer nem a graça, nem de graça. Não vaciles, tua hora chegou! Sejas simples e cales diante as transformações, só tu deves saber de tuas dores, mas não detenhas de seres visto como exemplo em tua história, a vitória de Deus só são para os escolhidos de Deus, mas tu és a pessoa que escolhes ser.
Um dos segredos da felicidade é saber criar condições, cria tu a tua condição para que a tua vida só dependa de ti e não do outro. O Pai Eterno quer ver-te realizar sonhos, te dá o dom de ser o autor da tua auto-criação e toda essa explicação que tu lês aqui torna-te-á mais capaz de compreender teu papel na tua vida. O outro não te importa tanto quanto tu mesmo para ti somente, para os outros o momento deles chegará ou está chegando, ou passou.
Deus é compassivo e passional; ninguém recebe apenas uma chance de receber a Graça, muitos são chamados, poucos são os Teus escolhidos. Prepara-te humano! Inicie tuas realizações a começar de ti, quebra teu coração e encerre para valer teu sentimento de pequenez diante o teu próximo, porque só te podes dar a esse luxo diante do Altíssimo.
Despertai tu que hibernas, espreguiçai teus ossos enferrujados, alongai tua carne preguiçosa e ponhas no teu caminho, na tua responsabilidade HOJE.

domingo, 29 de abril de 2012

EGITO


Isaías 19 (1-15)

1-Peso do Egito. Eis que o SENHOR vem cavalgando numa nuvem ligeira, e entrará no Egito; e os ídolos do Egito estremecerão diante dele, e o coração dos egípcios se derreterá no meio deles.

2-Porque farei com que os egípcios, se levantem contra os egípcios, e cada um pelejará contra o seu irmão, e cada um contra o seu próximo, cidade contra cidade, reino contra reino.

3-E o espírito do Egito se esvaecerá no seu interior, e destruirei o seu conselho; e eles consultarão aos seus ídolos, e encantadores, e aqueles que têm espíritos familiares e feiticeiros.

4-E entregarei os egípcios nas mãos de um senhor cruel, e um rei rigoroso os dominará, diz o Senhor, o SENHOR dos Exércitos.

5-E secarão as águas do mar, e o rio se esgotará e ressequirá.

6-Também os rios exalarão mau cheiro e se esgotarão e secarão os canais do Egito; as canas e os juncos murcharão.

7-A relva junto ao rio, junto às ribanceiras dos rios, e tudo o que foi semeado junto ao rio, secará, será arrancado e não subsistirá.

8-E os pescadores gemerão, e suspirarão todos os que lançam anzol ao rio, e os que estendem rede sobre as águas desfalecerão.

9-E envergonhar-se-ão os que trabalham em linho fino, e os que tecem pano branco.

10-E os seus fundamentos serão despedaçados, e todos os que trabalham por salário ficarão com tristeza de alma.

11-Na verdade são loucos os príncipes de Zoã; o conselho dos sábios conselheiros de Faraó se embruteceu; como, pois, a Faraó direis: Sou filho de sábios, filho de antigos reis?

12-Onde estão agora os teus sábios? Notifiquem-te agora, ou informem-te sobre o que o SENHOR dos Exércitos determinou contra o Egito.

13-Loucos tornaram-se os príncipes de Zoã, enganados estão os príncipes de Nofe; eles fizeram errar o Egito, aqueles que são a pedra de esquina das suas tribos.

14-O SENHOR derramou no meio dele um perverso espírito; e eles fizeram errar o Egito em toda a sua obra, como o bêbado quando se revolve no seu vômito.

15-E não aproveitará ao Egito obra alguma que possa fazer a cabeça, a cauda, o ramo, ou o junco.

JESUS FALA.


JESUS FALA.

Por que temer?

Se Eu estou contigo.

Por que temer?

Se a Minha Palavra está em ti.

Por que temer?

Se os Meus olhos estão sobre ti.

Por que temer?

Se as Minhas mãos estão a te segurar.


Por que temer?

Se eu Te cerco com uma muralha de fogo.

Por que temer?

Se fazes parte do Meu pensamento.

Por que temer?

Se a batalha ganha já está

E é importante para Mim te ver triunfar.


Por que temer?

Se tuas orações Eu escuto.

Por que temer?

Se tua sinceridade faz-Me comover.

Por que temer?

Se o Guarda de Israel está a te guardar.

Por que temer?

Se tua vida pertence a Mim

E mais que o Lírio do Campo.

Eu estou a cuidar de ti.


Por que temer?

Se as tribulações Eu as faço passar.

Por que temer?

Se Sou Todo Poderoso para te amar.

Por que temer?

Se Sou tremendo e terrível para te valer.

Por que temer?

Pois a trombeta já vai soar.

E na terra, tu não vai ficar.


Não temas! Pois Sou Deus Trino e Majestoso

E Eu estou sempre a te guardar.

sábado, 28 de abril de 2012

ETIÓPIA


Isaías 18 (1-7)

1-Ai da terra que ensombreia com as suas asas, que está além dos rios da Etiópia.

2-Que envia embaixadores por mar em navios de junco sobre as águas, dizendo: Ide, mensageiros velozes, a um povo de elevada estatura e de pele lisa; a um povo terrível desde o seu princípio; a uma nação forte e esmagadora, cuja terra os rios dividem.

3-Vós, todos os habitantes do mundo, e vós os moradores da terra, quando se arvorar a bandeira nos montes, o vereis; e quando se tocar a trombeta, o ouvireis.

4-Porque assim me disse o SENHOR: Estarei quieto, olhando desde a minha morada, como o ardor do sol resplandecente depois da chuva, como a nuvem do orvalho no calor da sega.

5-Porque antes da sega, quando já o fruto está perfeito e, passada a flor, as uvas verdes amadurecerem, então, com foice podará os sarmentos e tirará os ramos e os lançará fora.

6-Serão deixados juntos às aves dos montes e aos animais da terra; e sobre eles veranearão as aves de rapina, e todos os animais da terra invernarão sobre eles.

7-Naquele tempo trará um presente ao SENHOR dos Exércitos um povo de elevada estatura e de pele lisa, e um povo terrível desde o seu princípio; uma nação forte e esmagadora, cuja terra os rios dividem; ao lugar do nome do SENHOR dos Exércitos, ao monte Sião.

SÓ NELE TEMOS A VIDA ETERNA

Qual é o plano de salvação?
Você está com fome? Não fisicamente, mas você tem fome de algo mais na sua vida? Há algo no fundo da sua existência que nunca parece ficar satisfeito? Se sim, Jesus é o caminho! Jesus disse: “Eu sou o pão da vida; o que vem a mim jamais terá fome; e o que crê em mim jamais terá sede” (João 6:35).
Você está confuso? Você parece nunca encontrar um caminho ou um propósito na vida? Você tem a sensação de que alguém apagou as luzes e que você não consegue encontrar o interruptor? Se sim, Jesus é o caminho! Jesus proclamou: “Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará nas trevas; pelo contrário, terá a luz da vida” (João 8:12).
Você algumas vezes se sente como se estivesse trancado do lado de fora da vida? Você já tentou tantas portas, apenas para descobrir que o que havia atrás delas é vazio e sem sentido? Você está procurando por uma entrada para uma vida de realizações? Se sim, Jesus é o caminho! Jesus declarou: “Eu sou a porta. Se alguém entrar por mim, será salvo; entrará, e sairá, e achará pastagem” (João 10:9).
As outras pessoas sempre decepcionam você? Os seus relacionamentos têm sido superficiais e vazios? Parece que todos estão tentando tirar vantagem de você? Se sim, Jesus é o caminho! Jesus disse: “Eu sou o bom pastor. O bom pastor dá a vida pelas ovelhas… Eu sou o bom pastor; conheço as minhas ovelhas, e elas conhecem a mim” (João 10:11, 14).
Você imagina o que acontece depois desta vida? Você está cansado de viver a sua vida apenas por coisas que apodrecem ou enferrujam? Você algumas vezes duvida que esta vida tenha algum significado? Você quer viver após a sua morte? Se sim, Jesus é o caminho! Jesus declarou: “Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá; e todo o que vive e crê em mim não morrerá, eternamente (João 11:25-26).
Qual é o caminho? Qual é a verdade? Qual é a vida? Jesus respondeu: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim” (João 14:6).
A fome que você sente é uma fome espiritual, e só pode ser saciada por Jesus. Jesus é o único que pode remover a escuridão. Jesus é o portão para uma vida de satisfação. Jesus é o amigo e pastor que você tem procurado. Jesus é a vida – neste mundo e no próximo. Jesus é o caminho da salvação!
A razão pela qual você sente fome, a razão pela qual você se sente perdido na escuridão, a razão pela qual você não consegue encontrar um sentido na vida, é que você está separado de Deus. A Bíblia nos diz que todos nós pecamos e estamos portanto separados de Deus (Eclesiastes 7:20; Romanos 3:23). O vazio que você sente no seu coração é a falta de Deus na sua vida. Nós fomos criados para ter um relacionamento com Deus. Por causa do nosso pecado, nós fomos separados deste relacionamento. Pior ainda, nosso pecado nos fará permanecer separados de Deus por toda a eternidade, esta vida e a próxima (Romanos 6:23; João 3:36).
Como este problema pode ser resolvido? Jesus é o caminho! Jesus tomou o nosso pecado para si (2 Coríntios 5:21). Jesus morreu no nosso lugar (Romanos 5:8), levando a punição que nós merecemos. Três dias depois, Jesus ressuscitou dos mortos, provando a sua vitória sobre a morte e o pecado (Romanos 6:4-5) Por que ele o fez? O próprio Jesus respondeu a esta pergunta: “Ninguém tem maior amor do que este: de dar alguém a própria vida em favor dos seus amigos” (João 15:13). Jesus morreu para que nós pudéssemos viver. Se nós pusermos a nossa fé em Jesus, acreditando na Sua morte como pagamento pelos nossos pecados – todos os nossos pecados são perdoados e levados embora. Nós então teremos a nossa fome espiritual saciada. As luzes serão ligadas. Nós teremos acesso a uma vida de realizações. Nós iremos conhecer o nosso verdadeiro melhor amigo e bom pastor. Nós iremos saber que teremos uma vida depois que morrermos – uma vida ressuscitada no Céu para a eternidade com Jesus!
“Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3:16).

sexta-feira, 27 de abril de 2012

DEUS É O SENHOR DA HISTÓRIA


Isaías 17:12-14

12-Ai do bramido dos grandes povos que bramam como bramam os mares, e do rugido das nações que rugem como rugem as impetuosas águas.

13-Rugirão as nações, como rugem as muitas águas, mas Deus as repreenderá e elas fugirão para longe; e serão afugentadas como a pragana dos montes diante do vento, e como o que rola levado pelo tufão.

14-Ao anoitecer eis que há pavor, mas antes que amanheça já não existe; esta é a parte daqueles que nos despojam, e a sorte daqueles que nos saqueiam.

Um Deus Solitario!


Deixa que o amor flua em ti.
Na vida, existem apenas dois caminhos:
ou estás pleno, amando a ti e aos outros,
ou estás vazio, sentindo raiva, tristeza e confusão.
Se estás sempre mal,
tens que saber que, em algum ponto, tu escolheste errado.
Escolheste por algo que não alimenta teu espírito,
que não alimenta tua alegria, teu amor e a tua fé.
E agora, tentas convencer-te do quão é difícil
reverter este estado que tu mesmo criaste.
Pensas que a raiva justifica o ataque a ti mesmo e ao outro;
Confundes tua certeza, tua clareza com coisas
que não sabes ao certo...
Nenhuma ajuda servirá àquele que não deseja ser ajudado.
Mas, aqueles que optam pela transformação, pela alquimia da mente, encontrarão todos os meios necessários
para que esta mudança aconteça.
Por nada saberem, tornam-se humildes
e por serem humildes aceitam, com grande alegria,
a ajuda vinda daqueles que podem lhes ensinar.
A ajuda vem da luz,
do silêncio que cobre o teu ser, quando estás aberto ao amor;
A ajuda vem do guardião de Deus que mora em ti,
protegendo, dia e noite, o tesouro que Deus te reservou;
A ajuda vem dos teus irmãos que estão ao teu lado,
e também, aos que longe de ti estão.
Para isso, contempla, com teu coração,
o que vai dentro de ti a iluminar
o caminho pelo qual deves percorrer.
Não justifiques a escuridão, achando que ela pode te ensinar
o que é necessário para que contemples tua leveza, teu amor...
Sê gentil e amoroso para contigo mesmo.
Une-te àqueles que aspiram por este mesmo propósito.
Assim, fortalecerás, a cada dia, o teu novo caminho,
a tua nova forma de compreender e aceitar o que é teu,
para sempre.
Traga para Mim teu sofrer e O transformarei em alegria, livrando-te de todos os teus mal-estares, ascendendo teu espírito para que vejas a luz.
Traga para Mim o pouco de amor que te resta, e Dar-te-ei a memória de quem és.
Alegra teu ser Minha Criança e Encontra-Me em teu doce coração
para que assim possas deixar de te sentir pequeno, porque és grande.

Para que assim Eu possa deixar de ser solitário, porque sou o teu Criador.

quinta-feira, 26 de abril de 2012

DAMASCO


Isaías 17(1-11)

1-Peso de Damasco. Eis que Damasco será tirada, e já não será cidade, antes será um montão de ruínas.

2-As cidades de Aroer serão abandonadas; hão de ser para os rebanhos que se deitarão sem que alguém os espante.

3-E a fortaleza de Efraim cessará, como também o reino de Damasco e o restante da Síria; serão como a glória dos filhos de Israel, diz o SENHOR dos Exércitos.

4-E naquele dia será diminuída a glória de Jacó, e a gordura da sua carne ficará emagrecida.

5-Porque será como o segador que colhe a cana do trigo e com o seu braço sega as espigas; e será também como o que colhe espigas no vale de Refaim.

6-Porém ainda ficarão nele alguns rabiscos, como no sacudir da oliveira: duas ou três azeitonas na mais alta ponta dos ramos, e quatro ou cinco nos seus ramos mais frutíferos, diz o SENHOR Deus de Israel.

7-Naquele dia atentará o homem para o seu Criador, e os seus olhos olharão para o Santo de Israel.

8-E não atentará para os altares, obra das suas mãos, nem olhará para o que fizeram seus dedos, nem para os bosques, nem para as imagens.

9-Naquele dia as suas cidades fortificadas serão como lugares abandonados, no bosque ou sobre o cume das montanhas, os quais foram abandonados ante os filhos de Israel; e haverá assolação.

10-Porque te esqueceste do Deus da tua salvação, e não te lembraste da rocha da tua fortaleza, portanto farás plantações formosas, e assentarás nelas sarmentos estranhos.

11-E no dia em que as plantares as farás crescer, e pela manhã farás que a tua semente brote; mas a colheita voará no dia da angústia e das dores insofríveis.

Almas que Choram


Vivenciamos ao longo de nossa vida vários acontecimentos
que nos levam a refletir sobre a nossa existência
e o que somos verdadeiramente, e num determinado momento
nos deparamos com a felicidade de estarmos completos
com relação ao Universo em que habitamos, mas em outros
momentos transformamos nossa existência numa dor sem fim,
cheias de dificuldades e problemas que não sabemos soluciona-los,
e tudo porque utilizamos nosso livre arbítrio para vivenciar
os prazeres materiais e nos esquecemos de buscar nossa evolução espiritual.
Tornamo-nos mais tristes que felizes, porque nos distanciamos
dos ensinamentos do Cristo, deixamos nossa alma chorar por
nossas faltas e defeitos, que adquirimos por nossos impulsos
e por nosso orgulho em não reconhecer que estamos no estado de alma
para aprender e progredir moralmente.
Estamos preocupados demais com o amanhã e com o ontem,
e com isso nos desgastamos emocionalmente e deixamos de ver
que o hoje nos possibilita a superação e a correção dos males
emocionais que causamos a nós por não vigiarmos
os nossos pensamentos e sentimentos.
Não devemos deixar que nossa alma torne-se um mar de lágrimas,
lágrimas estas que ficam sufocando nosso íntimo e nosso coração,
trazendo para nós as dificuldades de nosso corpo material e espiritual.
Devemos procurar a felicidade e a paz de nossa alma e não o desespero e a solidão.
Procure o conhecimento íntimo de sua alma, dê a ela a felicidade
e o amor, para que possa sentir em seu coração a benção da vida
e a oportunidade do aprendizado que é constante,
e com isso nos reformamos intimamente e buscamos virtudes
como a compreensão e o amor ao próximo como metas de almas felizes que devemos ser.

AUTOR DESCOMHECIDO

Receita de Paz


Ora com mais confiança em Deus.

Trabalha um tanto mais.

Serve com mais alegria.

Age mais caridosamente.

Desculpa as faltas alheias com mais compaixão pelos ofensores.

Usa mais calma, particularmente nas horas difíceis.

Tolera, com mais paciência, as situações desagradáveis.

Coloca mais gentileza no trato pessoal.

Emprega mais serenidade na travessia de qualquer provação.

E, assim, com a benção de Deus, encontrarás mais segurança e paz, nas estradas do tempo, garantindo-te o êxito preciso nos deveres de cada dia, a caminho da vida maior.

AUTOR DESCONHECIDO

Ao Sentires Aflição.....


Ao sentires aflição ou uma espécie de abandono, não deixes que a depressão tome conta de teu espírito; mas lembra que bem perto de ti está o Deus das consolações com Jesus que te amou tanto, a ponto de morrer por ti, e que te olha com ternura e paterna expressão de amor; perto de ti está o Espírito Santo, o verdadeiro consolador...Com estes pensamentos expresso o meu desejo ardente de que teu coração se sinta consolado.

Madre Clélia Merloni

quarta-feira, 25 de abril de 2012

MOAB (PARTE 2)


Isaías 16

1-Enviai o cordeiro ao governador da terra, desde Sela, no deserto, até ao monte da filha de Sião.

2-De outro modo sucederá que serão as filhas de Moabe junto aos vaus de Arnom como o pássaro vagueante, lançado fora do ninho.

3-Toma conselho, executa juízo, põe a tua sombra no pino do meio-dia como a noite; esconde os desterrados, e não descubras os fugitivos.

4-Habitem contigo os meus desterrados, ó Moabe; serve-lhes de refúgio perante a face do destruidor; porque o homem violento terá fim; a destruição é desfeita, e os opressores são consumidos sobre a terra.

5-Porque o trono se firmará em benignidade, e sobre ele no tabernáculo de Davi se assentará em verdade um que julgue, e busque o juízo, e se apresse a fazer justiça.

6-Ouvimos da soberba de Moabe, que é soberbíssimo; da sua altivez, da sua soberba, e do seu furor; porém, as suas mentiras não serão firmes.

7-Portanto Moabe clamará por Moabe; todos clamarão; gemereis pelos fundamentos de Quir-Haresete, pois certamente já estão abatidos.

8-Porque os campos de Hesbom enfraqueceram, e a vinha de Sibma; os senhores dos gentios quebraram as suas melhores plantas que haviam chegado a Jazer e vagueiam no deserto; os seus rebentos se estenderam e passaram além do mar.

9-Por isso prantearei, com o pranto de Jazer, a vinha de Sibma; regar-te-ei com as minhas lágrimas, ó Hesbom e Eleale; porque o júbilo dos teus frutos de verão e da tua sega desapareceu.

10-E fugiu a alegria e o regozijo do campo fértil, e nas vinhas não se canta, nem há júbilo algum; já não se pisarão as uvas nos lagares. Eu fiz cessar o júbilo.

11-Por isso o meu íntimo vibra por Moabe como harpa, e o meu interior por Quir-Heres.

12-E será que, quando virem Moabe cansado nos altos, então entrará no seu santuário a orar, porém não prevalecerá.

13-Esta é a palavra que o SENHOR falou contra Moabe desde aquele tempo.

14-Porém agora falou o SENHOR, dizendo: Dentro de três anos (tais como os anos de jornaleiros), será envilecida a gloria de Moabe, com toda a sua grande multidão; e o restante será pouco, pequeno e impote
nte.

EQUILÍBRIO.


Em tudo, é necessário equilíbrio...
Equilíbrio entre:

Ser alegre, e não extrovertido no
sentido negativo...
Ser sincero, e não machucar...
Ser firme nas idéias, e não
arrogante...
Ser humilde, e não submisso...

Ser rápido, e não impreciso...
Ser contente, não complacente...
Ser despreocupado, e não
descuidado...
Ser amoroso, e não apegado...

Ser pacífico, e não passivo...
Ser disciplinado, e não rígido...
Ser flexível, e não frouxo...
Ser comunicativo, e não exagerado...
Ser obediente, e não cego...
Ser doce, e não melado...

Ser moldável, e não tolo...
Ser introspectivo, e não enclausurado...
Ser determinado, e não teimoso...
Ser corajoso, e não agressivo...
Em tudo, é necessário equilíbrio...

Que seu dia seja lindo e colorido...
Que você saiba dar a ele todas as
nuances necessárias para achar o
seu próprio ponto de equilíbrio e
só assim então conseguirá a
tranquilidade que tanto almeja.
AUTOR DESCONHECIDO

terça-feira, 24 de abril de 2012

MOAB


Isaías 15 (1-9)

1-Peso de Moabe. Certamente numa noite foi destruída Ar de Moabe, e foi desfeita; certamente numa noite foi destruída Quir de Moabe e foi desfeita.

2-Vai subindo a Bajite, e a Dibom, aos lugares altos, para chorar; por Nebo e por Medeba clamará Moabe; todas as cabeças ficarão calvas, e toda a barba será rapada.

3-Cingiram-se de sacos nas suas ruas; nos seus terraços e nas suas praças todos andam gritando, e choram abundantemente.

4-Assim Hesbom como Eleale, andam gritando; até Jaaz se ouve a sua voz; por isso os armados de Moabe clamam; a sua alma lhes será penosa.

5-O meu coração clama por causa de Moabe; os seus fugitivos foram até Zoar, como uma novilha de três anos; porque vão chorando pela subida de Luíte, porque no caminho de Horonaim levantam um lastimoso pranto.

6-Porque as águas de Ninrim serão pura assolação; porque já secou o feno, acabou a erva, e não há verdura alguma.

7-Por isso a abundância que ajuntaram, e o que guardaram, ao ribeiro dos salgueiros o levarão.

8-Porque o pranto rodeará aos limites de Moabe; até Eglaim chegará o seu clamor, e ainda até Beer-Elim chegará o seu lamento.

9-Porquanto as águas de Dimom estão cheias de sangue, porque ainda acrescentarei mais a Dimom; leões contra aqueles que escaparem de Moabe e contra o restante da terra.

GENTILEZAS SALVADORAS.


Quando você afasta do piso uma casca
de fruta deixada pela negligência de alguém,
não pratica apenas em ato de gentileza.

Você evita que algum desavisado escorregue,
sofrendo tombo violento.

Ao ceder o lugar no transporte coletivo a
um ancião, você não realiza um gesto de
cortesia somente.

Você atende a um corpo cansado, poupando
as energias de quem poderia ser seu genitor.

Se você oferece braço amigo a condução
de um volume, poupando aquele que o
carrega, não pratica unicamente uma
delicadeza.

Você contribui fraternamente para o júbilo
de alguém que, raras vezes, encontra ajuda.

Portanto a boa palavra em qualquer situação,
você não atende exclusivamente à finura
do trato.

Você realiza entre os ouvintes o culto do
verbo são, donde fluem proveitosos e
salutares ensinamentos.

Silenciando uma afronta em público, você
não atesta apenas o refinamento social.

Você se poupa ao diálogo violento que
dá margem a ódios irremediáveis.

Se você oferece agasalho a algum desnudo,
não só atende à delicadeza filantrópica.

Você amplia a cultura da caridade pura
e simples.

Ao sorrir, discretamente, dando ensejo
a um desafeto de refazer a amizade, você
não age tão somente em tributo à educação.

Você apaga mágoas e ressentimentos,
enquanto está no caminho com ele.

Procurando ajudar um enfermo cansado
a galgar e vencer dificuldades, você não
procede imbuído apenas de gentileza.

Você coopera para que a vida se dilate
no debilitado, propiciando-lhe ensejos
evolutivos.

Atendendo impertinente criança que o
molesta, num grupo de amigos, você não
se situa só na formosura da conduta externa.

Você liberta um futuro homem de uma
decepção do presente.

No exercício da gentileza, a alma dilata
recursos evangélicos e vive o precioso
ensino do Mestre.

Com afabilidade e doçura, Ele afirmou:

"Vai e faze o mesmo!"

segunda-feira, 23 de abril de 2012

DEUS REFÚGIO DOS OPRIMIDOS


Isaías 14 (28-32)

28-No ano em que morreu o rei Acaz, foi dada esta sentença.

29-Não te alegres, tu, toda a Filístia, por estar quebrada a vara que te feria; porque da raiz da cobra sairá um basilisco, e o seu fruto será uma serpente ardente, voadora.

30-E os primogênitos dos pobres serão apascentados, e os necessitados se deitarão seguros; porém farei morrer de fome a tua raiz, e ele matará os teus sobreviventes.

31-Dá uivos, ó porta, grita, ó cidade; tu, ó Filístia, estás toda derretida; porque do norte vem uma fumaça, e não haverá quem fique sozinho nas suas convocações.

32-Que se responderá, pois, aos mensageiros da nação? Que o SENHOR fundou a Sião, para que os opressos do seu povo nela encontrem refúgio.

ACEITAÇÃO.


(O início da transformação).
A primeira impressão que temos quando
ouvimos ou pensamos em aceitar, seja
uma pessoa, um fato ou uma circunstância
e de que estaremos nos submetendo ou
nos subjugando, desistindo de lutar, sendo
fracos.

De verdade, se quisermos modificar qualquer
aspecto da nossa vida e de nós mesmos,
devemos começar aceitando. Nos aceitando.

A aceitação é detentora de um poder
transformador que só quem já experimentou
pode avaliar.

É difícil aceitar uma perda material ou afetiva;
uma dificuldade financeira; uma doença; uma
humilhação; uma traição.

Mas a aceitação é um ato de boa vontade,
mente aberta, sabedoria e humildade, pois
ao contrário de que muitos pensam, a vida
em si, não estão sob nosso controle.

As pessoas são como são, difícilmente mudam.
Não podemos contar com isso. A única pessoa
que podemos mudar, somos nós mesmos,
portando, se não houver aceitação, o que
estaremos fazendo é insensato, é insano.

Ser resistente, brigar, revoltar-se, negar, deprimir
desesperar, indignar-se, culpar, culpar-se, são
reações emocionais carregadas de raiva. Raiva
do outro, raiva de si mesmo, raiva da vida. E a
raiva destrói, fere, desagrega.

A aceitação é uma força que desconhecemos
porque somos condicionados a lutar, a esbravejar,
a brigar e fazer barulhos. Aceitar é paz, entendimento,
leveza. Aceitar não é desistir, nem tão pouco resignar-se.
Aceitar é estar lúcido do momento presente e se assim
a vida se apresenta, assim deve ser.

Aceitação é colocar-se pronto para ver a
dificuldade de outro anglo de outro prisma
sem o peso que nós colocamos ou imaginamos ter.

No instante em que aceitamos, desmaterializamos
situações que foram criadas por nós, soluções
surgem naturalmente através da intuição ou fatos
trazem as respostas e as saídas para o problema.
Simples assim! Tudo é movimento! Nada é permanente.

A nossa tendência "natural" é resistir, não aceitar,
combater tudo o que nos contraria e o que nos
gera sofrimento. Dessa forma prolongamos a situação.
Resistir só nos mantém presos dentro da situação
desconfortável, muitas vezes perpetuando e tornando
tudo mais complicado e pesado.

Quando não aceitamos nos tornamos amargos,
revoltados, aprisionados, frustrados, insatisfeitos,
cheios de rancor e tristeza, e esses padrões mentais
e emocionais criam mais dificuldades, nunca trazem
solução. E muitas vezes achamos que os outros ou
as coisas são responsáveis pelos acontecimentos.
E não são.

Aceitar é expandir a consciência e encontrar
respostas, soluções, alívio. Aceitar é o que nos
leva à Fé. Aceitação é um passo concreto para
deixar a vida mais leve, mais alegre e mais saudável.

É fundamental entender que aceitar não significa
desistir e seguir adiante com otimismo. Ter muitos
propósitos a serem atingidos, e nossa atitude
saudável diante da vida. Estar grato colabora e
muito para aprender a aceitar.

Aceitar se refere ao momento presente ao agora.
No instante que você aceita, você se entrega ao
que a vida quer lhe oferecer. Novas idéias surgem
para prosseguir na direção desejada, saindo do
sofrimento. Como dizem; "A dor existe, mas sofrer
é opcional, é uma escolha".

Quer ser feliz? Aceite" Não se esqueça! Você
só pode mudar você mesmo. Só você é
responsável por tudo que lhe ocorre e sente.
Muita Paz no dia de hoje.

(Ana Cristina Pereira).

domingo, 22 de abril de 2012

DEUS DECIDIU!


Isaías 14:24-27

24-O SENHOR dos Exércitos jurou, dizendo: Como pensei, assim sucederá, e como determinei, assim se efetuará.

25Quebrantarei a Assíria na minha terra, e nas minhas montanhas a pisarei, para que o seu jugo se aparte deles e a sua carga se desvie dos seus ombros.

26-Este é o propósito que foi determinado sobre toda a terra; e esta é a mão que está estendida sobre todas as nações.

27-Porque o SENHOR dos Exércitos o determinou; quem o invalidará? E a sua mão está estendida; quem pois a fará voltar atrás?

É RAZOÁVEL PENSAR NISTO


A paciência não é um vitral gracioso para as suas horas de lazer.
É amparo destinado aos obstáculos.

A serenidade não é jardim para os seus dias dourados.
É suprimento de paz para as decepções de seu caminho.

A calma não é harmonioso violino para as suas conversações agradáveis.
É valor substancial para os seus entendimentos difíceis.

A tolerância não é saboroso vinho para os seus minutos de camaradagem.
É porta valiosa para que você demonstre boa vontade,
ante os companheiros menos evoluídos.

A boa cooperação não é processo fácil de receber concurso alheio.
É o meio de você ajudar ao companheiro que necessita.

A confiança não é um néctar para as suas noites de prata.
É refugio certo para as ocasiões de tormenta.

O otimismo não constitui poltrona preguiçosa para os seus crepúsculos de anil.
É manancial de forças para os seus dias de luta.

A resistência não é adorno verbalista.
É sustento de sua fé.

A esperança não é genuflexório de simples contemplação.
É energia para as realizações elevadas que competem ao seu espírito.

A virtude não é flor ornamental.
É fruto abençoado do esforço próprio que você deve usar
e engrandecer no momento oportuno.


André Luiz

Prece do Amanhecer"


Senhor

"No silêncio deste dia que amanhece,
Venho pedir-te a Paz, a Sabedoria, a Força.
Quero ver hoje o mundo com os olhos cheios de amor.
Ser paciente, compreensivo, manso e prudente.
Ver além das aparências teus filhos,
Como tu mesmo os vês,
E assim, não ver senão o bem em cada um.
Cerra meus ouvidos a toda calúnia.
Guarda minha língua de toda a maldade.
Que só de bênçãos se encha meu espírito.
Que eu seja tão bondoso e alegre,
Que todos quantos se achegarem a mim,
Sintam sua presença.
Reveste-me de tua beleza, Senhor,
E que , no decurso deste dia,
"Eu Te Revele a Todos."

sábado, 21 de abril de 2012

A QUEDADO OPRESSOR


Isaías 14:3-23

3- E acontecerá que no dia em que o SENHOR vier a dar-te descanso do teu sofrimento, e do teu pavor, e da dura servidão com que te fizeram servir,

4- Então proferirás este provérbio contra o rei de babilônia, e dirás: Como já cessou o opressor, como já cessou a cidade dourada!

5- Já quebrantou o SENHOR o bastão dos ímpios e o cetro dos dominadores.

6- Aquele que feria aos povos com furor, com golpes incessantes, e que com ira dominava sobre as nações agora é perseguido, sem que alguém o possa impedir.

7- Já descansa, já está sossegada toda a terra; rompem cantando.

8-Até as faias se alegram sobre ti, e os cedros do Líbano, dizendo: Desde que tu caíste ninguém sobe contra nós para nos cortar.

9-O inferno desde o profundo se turbou por ti, para te sair ao encontro na tua vinda; despertou por ti os mortos, e todos os chefes da terra, e fez levantar dos seus tronos a todos os reis das nações.

10-Estes todos responderão, e te dirão: Tu também adoeceste como nós, e foste semelhante a nós.

11-Já foi derrubada na sepultura a tua soberba com o som das tuas violas; os vermes debaixo de ti se estenderão, e os bichos te cobrirão.

12-Como caíste desde o céu, ó estrela da manhã, filha da alva! Como foste cortado por terra, tu que debilitavas as nações!

13-E tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu, acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono, e no monte da congregação me assentarei, aos lados do norte.

14-Subirei sobre as alturas das nuvens, e serei semelhante ao Altíssimo.

15-E contudo levado serás ao inferno, ao mais profundo do abismo.

16-Os que te virem te contemplarão, considerar-te-ão, e dirão: É este o homem que fazia estremecer a terra e que fazia tremer os reinos?

17-Que punha o mundo como o deserto, e assolava as suas cidades? Que não abria a casa de seus cativos?

18-Todos os reis das nações, todos eles, jazem com honra, cada um na sua morada.

19-Porém tu és lançado da tua sepultura, como um renovo abominável, como as vestes dos que foram mortos atravessados à espada, como os que descem ao covil de pedras, como um cadáver pisado.

20-Com eles não te reunirás na sepultura; porque destruíste a tua terra e mataste o teu povo; a descendência dos malignos não será jamais nomeada.

21-Preparai a matança para os seus filhos por causa da maldade de seus pais, para que não se levantem, e nem possuam a terra, e encham a face do mundo de cidades.

22-Porque me levantarei contra eles, diz o SENHOR dos Exércitos, e extirparei de babilônia o nome, e os sobreviventes, o filho e o neto, diz o SENHOR.

23-E farei dela uma possessão de ouriços e a lagoas de águas; e varrê-la-ei com vassoura de perdição, diz o SENHOR dos Exércitos.

SÍNTESE DAS ANTÍTESES


Lao Tse

Só temos consciência do belo,

Quando conhecemos o feio.

Só temos consciência do bom,

Quando conhecemos o mau.

Porquanto, o Ser e o Existir,

Se engendram mutuamente.

O fácil e o difícil se complementam.

O grande e o pequeno são complementares.

O alto e o baixo formam um todo.

O som e o silêncio formam a harmonia.

O passado e o futuro geram o tempo.

Eis porque o sábio age

Pelo não agir,

E ensina sem falar,

Aceita tudo que lhe acontece

Produz tudo e não fica com nada.

O sábio tudo realiza e nada considera seu

Tudo faz – e não se apega à sua obra

Não se prende aos frutos da sua atividade

Termina a sua obra

E está sempre no princípio

E por isto a sua obra prospera.

Filtro solar


Se eu pudesse dar a vocês uma única dica para o futuro, diria:

"Usem filtro solar".

Os benefícios, a longo prazo, do uso do filtro solar
foram cientificamente provados.

Os demais conselhos que dou baseiam-se unicamente
em minha própria experiência de vida.

Eis aqui um conselho:
desfrute do poder e da beleza de sua juventude.

Oh, esqueça!

Você só vai compreender o poder e a beleza de sua juventude
quando já tiverem desaparecido.

Mas acredite em mim:
dentro de vinte anos, você olhará suas fotos
e compreenderá, de um jeito que não pode compreender agora,
quantas oportunidades se abriram e quão fabuloso(a) você realmente era.

Você não é tão gordo quanto você imagina.

Não se preocupe com o futuro;
ou se preocupe, se quiser,
mas saiba que se preocupar
é tão eficaz quanto tentar resolver uma equação de álgebra
simplesmente mascando chiclete.

Os problemas que realmente têm importância em sua vida
são aqueles que nunca passaram por sua cabeça,
como aqueles que tomam conta de você
quando você não tem nada para fazer.

Cante.

Não trate os sentimentos alheios de forma irresponsável,
e não tolere aqueles que ajam de forma irresponsável
com os seus sentimentos.

Relaxe.

Não perca tempo com a inveja.

Algumas vezes você ganha,
algumas vezes você perde.

A corrida é longa e,
no final, você conta apenas consigo mesmo(a).

Lembre-se dos elogios que recebe,
esqueça os insultos
(se conseguir fazer isso, diga-me como).

Guarde suas cartas de amor.

Jogue fora seus velhos extratos bancários.

Alongue-se.

Não se sinta culpado se
não souber muito bem o que quer ser ou fazer da vida.

As pessoas mais interessantes que eu conheço não tinham idéia,
aos 22 anos, do que iam fazer na vida;
outras, não menos interessantes,
mesmo com 40 anos ainda não sabem.

Tome bastante cálcio.

Seja gentil com seus joelhos,
você sentirá falta deles quando não funcionarem mais.

Talvez você se case, talvez não.

Talvez tenha filhos, talvez não.

Talvez se divorcie aos 40,
talvez dance uma valsinha
quando fizer 75 anos de casamento.

O que quer que faça,
não se orgulhe e nem se critique demais.

Todas as suas escolhas têm 50% de chance de dar certo,
assim como as escolhas de todos os demais.

Curta seu corpo e use-o de todas as maneiras que puder.

Não tenha medo dele ou do que as outras pessoas pensam dele.

Seu corpo é o melhor instrumento que você possui.

Dance.
Mesmo que o único lugar que você tenha para fazer isso
seja sua sala de estar.

Leia todas as instruções,
mesmo que não as siga.

Não leia revistas de beleza,
elas apenas farão você se sentir feio(a).

Saiba entender seus pais.
Você nunca saberá quando eles deixarão de viver.

Seja amável com seus irmãos.
Eles são o seu melhor vínculo com o passado
e são aqueles que, muito provavelmente, no futuro,
nunca te deixarão na mão.

Entenda que os amigos vem e vão,
mas que há uns poucos, preciosos,
que você deve guardar com carinho.

Trabalhe duro para superar distâncias
e estilos de vida,
pois à medida que você envelhece,
mais precisa das pessoas que conheceu na juventude.

More um tempo em São Paulo,
mas mude-se
antes que a cidade transforme você
em uma pessoa indiferente.

More um tempo no nordeste,
mas mude-se
antes de tornar-se uma pessoa mole demais.

Viaje.

Aceite certas verdades eternas: os preços sempre vão subir,
os políticos são mulherengos, e você também vai envelhecer. E,
quando você envelhecer, vai fantasiar que, quando você era jovem,
os preços eram aceitáveis, os políticos tinham almas nobres
e as crianças respeitavam os mais velhos.

Respeite os mais velhos.

Não espere apoio de ninguém.

Talvez você tenha um investimento seguro,
talvez tenha um cônjuge rico.

Mas você nunca sabe
quando um ou outro pode te deixar na mão.

Não mexa muito com seu cabelo,
ou quando você tiver 40 anos, terá a aparência de 85.

Tenha cuidado com as pessoas que te dão conselhos,
mas seja paciente com elas.

Um conselho é uma forma de nostalgia:
dar conselhos é uma forma de resgatar o passado da lata de lixo,
limpá-lo, esconder as partes feias, reciclá-lo e vendê-lo
por um preço maior do que realmente vale.

Mas acredite em mim quando me refiro ao filtro solar.

Mary Schmich

sexta-feira, 20 de abril de 2012

ESPERANÇA DE LIBERTAÇÃO


Isaías 14 (1-2)

1-Porque o SENHOR se compadecerá de Jacó, e ainda escolherá a Israel e os porá na sua própria terra; e ajuntar-se-ão com eles os estrangeiros, e se achegarão à casa de Jacó.

2-E os povos os receberão, e os levarão aos seus lugares, e a casa de Israel os possuirá por servos, e por servas, na terra do SENHOR; e cativarão aqueles que os cativaram, e dominarão sobre os seus opressores.

ESCUTATÓRIA


Sempre vejo anunciados cursos de oratória. Nunca vi anunciado curso de escutatória.
Todo mundo quer aprender a falar, ninguém quer aprender a ouvir.
Pensei em oferecer um curso de escutatória, mas acho que ninguém vai se matricular.

Escutar é complicado e sutil.
Diz Alberto Caeiro que "não é bastante não ser cego para ver as árvores e as flores. É preciso também não ter filosofia nenhuma".

Filosofia é um monte de idéias, dentro da cabeça, sobre como são as coisas. Para se ver, é preciso que a cabeça esteja vazia.

Parafraseio o Alberto Caeiro:
"Não é bastante ter ouvidos para ouvir o que é dito; é preciso também que haja silêncio dentro da alma".

Daí a dificuldade: a gente não agüenta ouvir o que o outro diz sem logo dar um palpite melhor, sem misturar o que ele diz com aquilo que a gente tem a dizer. Como se aquilo que ele diz não fosse digno de descansada consideração e precisasse ser complementado por aquilo que a gente tem a dizer, que é muito melhor.

Nossa incapacidade de ouvir é a manifestação mais constante e sutil de nossa arrogância e vaidade: no fundo, somos os mais bonitos...
Tenho um velho amigo, Jovelino, que se mudou para os Estados Unidos estimulado pela revolução de 64.
Contou-me de sua experiência com os índios: reunidos os participantes, ninguém fala. Há um longo, longo silêncio.
(Os pianistas, antes de iniciar o concerto, diante do piano, ficam assentados em silêncio, [...]. Abrindo vazios de silêncio. Expulsando todas as idéias estranhas.).

Todos em silêncio, à espera do pensamento essencial. Aí, de repente, alguém fala. Curto. Todos ouvem. Terminada a fala, novo silêncio.

Falar logo em seguida seria um grande desrespeito, pois o outro falou os seus pensamentos, pensamentos que ele julgava essenciais.
São-me estranhos. É preciso tempo para entender o que o outro falou.

Se eu falar logo a seguir, são duas as possibilidades.
Primeira: "Fiquei em silêncio só por delicadeza. Na verdade, não ouvi o que você falou. Enquanto você falava, eu pensava nas coisas que iria falar quando você terminasse sua (tola) fala. Falo como se você não tivesse falado".

Segunda: "Ouvi o que você falou. Mas isso que você falou como novidade eu já pensei há muito tempo. É coisa velha para mim. Tanto que nem preciso pensar sobre o que você falou".

Em ambos os casos, estou chamando o outro de tolo. O que é pior que uma bofetada.

O longo silêncio quer dizer: "Estou ponderando cuidadosamente tudo aquilo que você falou". E assim vai a reunião.
Não basta o silêncio de fora. É preciso silêncio dentro. Ausência de pensamentos.
E aí, quando se faz o silêncio dentro, a gente começa a ouvir coisas que não ouvia.

Eu comecei a ouvir.

Fernando Pessoa conhecia a experiência, e se referia a algo que se ouve nos interstícios das palavras, no lugar onde não há palavras.

A música acontece no silêncio. A alma é uma catedral submersa. No fundo do mar - quem faz mergulho sabe - a boca fica fechada. Somos todos olhos e ouvidos. Aí, livres dos ruídos do falatório e dos saberes da filosofia, ouvimos a melodia que não havia, que de tão linda nos faz chorar.

Para mim, Deus é isto: a beleza que se ouve no silêncio. Daí a importância de saber ouvir os outros: a beleza mora lá também.

Comunhão é quando a beleza do outro e a beleza da gente se juntam num contraponto.

Ruben Alves

AJUDA DIVINA


O rio subia e subia, inundando as casas até o teto; a Defesa Civil, a Cruz Vermelha e o Exército tentavam resgatar a quantos podiam.
—Suba à lancha, senhor — dizem a uma pessoa que estava no alto de um teto, com a água na cintura.
—Não, não faz falta, eu não necessito ajuda humana porque tenho muita fé e por isso meu Deus vai me salvar.
—Deixe de bobagem e suba à lancha rápido, que não temos muito tempo, porque há muitos mais a quem resgatar.
—NÃO! Eu tenho muita fé e meu Deus vai me resgatar.
Os que estão na lancha vêem que o homem está irredutível e como há tantas outras pessoas a quem ajudar, decidem ir embora.
A água continua subindo, a corrente ameaça arrancar a nosso religioso homem daquele teto e levá-lo; ele se aferra ao teto com as unhas. Nisso se aproxima um helicóptero e do alto estendem-lhe uma escadinha.
— SUBA! VENHA PARA CIMA! — dizem-lhe em voz alta.
— EU NÃO NECESSITO AJUDA HUMANA PORQUE TENHO MUITA FÉ QUE MEU DEUS VAI ME SALVAR!
O helicóptero vai resgatar outros. A corrente acaba levando o homem rio abaixo, porém do alto de uma ponte lhe jogam uma corda.
— EU NÃO NECESSITO AJUDA HUMANA PORQUE... — etc., etc.
O homem se afoga. Ao chegar ao céu, indignado, vai pedir contas a Deus:
— Muito bonito, eu dizendo como um idiota que o senhor iria me ajudar, e nada! É esse seu amor por seus filhos? É assim que desampara a quem tem fé em Ti?

Deus se irrita e responde:

"ESCUTA-ME BEM, MAL-AGRADECIDO!
PORQUE TENS FÉ EM MIM TE MANDEI
UM BOTE, UM HELICÓPTERO E UMA CORDA,
E TUDO RECHAÇASTE.
QUE QUERIAS, QUE EU FOSSE EM PESSOA BUSCAR-TE?".

Enrique Barrios

quinta-feira, 19 de abril de 2012

DEUS JULGA A NAÇÕES (2)


Isaías 13 (17-22)

17-Eis que eu despertarei contra eles os medos, que não farão caso da prata, nem tampouco desejarão ouro.

18-E os seus arcos despedaçarão os jovens, e não se compadecerão do fruto do ventre; os seus olhos não pouparão aos filhos.

19-E babilônia, o ornamento dos reinos, a glória e a soberba dos caldeus, será como Sodoma e Gomorra, quando Deus as transtornou.

20-Nunca mais será habitada, nem nela morará alguém de geração em geração; nem o árabe armará ali a sua tenda, nem tampouco os pastores ali farão deitar os seus rebanhos.

21-Mas as feras do deserto repousarão ali, e as suas casas se encherão de horríveis animais; e ali habitarão os avestruzes, e os sátiros pularão ali.

22-E os animais selvagens das ilhas uivarão em suas casas vazias, como também os chacais nos seus palácios de prazer; pois bem perto já vem chegando o seu tempo, e os seus dias não se prolongarão.

Deus pergunta aos pais

O que você pode fazer para mudar o mundo


Comece mudando a si mesmo. Ninguém muda o mundo se não consegue mudar a si mesmo …
Cuide da Saúde do Planeta. Não desperdice água, não jogue lixo no lugar errado, não maltrate os animais ou desmate as árvores. Por mais que você não queira, se nascemos no mesmo planeta, compartilhamos com ele os mesmos efeitos e conseqüências de sua exploração …
Seja responsável: não culpe os outros pelos seus problemas, não seja oportunista, não seja vingativo. Quem tem um pouquinho de bom senso percebe que podemos viver em harmonia, respeitando direitos e deveres …
Acredite em um mundo melhor. Coragem, Honestidade, Sinceridade, Fé, Esperança são virtudes gratuitas que dependem de seu esforço e comprometimento com sua Honra e Caráter. Não espere recompensas por estas virtudes, tenha-as por consciência de seu papel neste processo …
Tenha Humildade, faça o Bem, trabalhe. Não tenha medo de errar, com humildade se aprende, fazer o bem atrairá o bem para você mesmo e trabalhando valorizarás o suor de teu esforço para alcançar seus objetivos …
Busque a Verdade, a Perfeição, uma posição realista frente aos obstáculos, uma atitude positiva diante da vida…
Defenda, participe, integre-se à luta pacífica pela Justiça, Paz e Amor. Um mundo justo é pacífico, e onde há paz pode-se estar preparado para viver um grande Amor
(Rodrigo Bentes Diniz)

A ÁGUA DO MUNDO


Vou correndo, como se isso me fizesse escapar dos pingos da chuva que se inicia. Menos tempo na chuva, pode ser ilusório, mas tenho a impressão de que ficarei menos molhado, de que chegarei menos ensopado. Com o canto do olho observo o senhor que com a mangueira termina de limpar a calçada, mesmo sabendo que a chuva há de modificar todo o cenário nos próximos instantes. Ou vai trazer de volta toda a sujeira que ele está tirando ou vai lavar outra vez o que ele acabou de lavar.

A água que cai do céu cai purinha, purinha, é o que penso enquanto corro dela. A água que cai do céu. Lembro-me do livro da Camille Paglia em que ela afirmava, ou pelo menos foi o que me recordo de ter dali subtraído, que o homem havia optado por viver em grupo por temor aos fenômenos naturais: chuvas, clima, terremotos etc. Foi preciso se unir contra as forças da natureza. As forças amorais na natureza. Quando passa um furacão levando tudo, bons ou os maus, estão todos ameaçados. Quando chove muito e tudo começa a inundar, anjos e demônios poderão estar, em breve, igualmente submersos. Quando a água falta, senhores e escravos morrem da mesma sede. Há forças mais poderosas que a maldade humana.


Os destinos turísticos são, em sua maioria, lugares interessantes por causa da água. Praias, lagos, rios, cachoeiras: somos naturalmente atraídos pela água. A simples vista para o mar ou rio já torna um ambiente mais interessante. Parece óbvio o que digo mas se levarmos em conta que grande parte do planeta é tomado por água isso passa a ser, sim, digno de nota: vivemos em meio a tanta água e ainda somos tão fascinados por ela! Nosso organismo é também, em sua maior porção, água. Somos água, viemos da água, para a água voltaremos e, enquanto tivermos como aproveitar a vida, queremos fazê-lo perto de alguma fonte de água límpida, na beira de um rio ou mar. Navegando, que seja. Queremos água.


Vivemos, porém, sob o alerta de que a água pode acabar. É preciso economizar. Parece absurdo pois a água é absolutamente indestrutível! Se você toca fogo ela vira fumaça e depois volta a ser água, se congela ela derrete e volta a ser água, seja lá o que se faça com ela, a água volta a ser água depois de um tempo, pura e cristalina. E na mesma quantidade! Pois é. Mas pode voltar salgada. Sabe lá o que é morrer de sede em frente ao mar? O prejuízo maior que a água pode sofrer é a poluição. Uma vez poluída a água pode demorar muitos anos para voltar ao seu estado natural, potável, como os pingos da chuva lá do início.


Volto ao início e ao senhor que tentava varrer uma folha de árvore, pequenina, da porta de seu prédio, segundos antes da chuva começar. Quantos litros de água pura ele desperdiçava naquela tarefa imbecil? Não seria mais fácil varrer a folhinha ou pegá-la com a mão? Aquela água correria para o bueiro e se juntaria ao esgoto cheio de substâncias químicas e de lá iria parar sabe-se lá onde, mas, poluída, demoraria um tempo enorme para voltar para o reservatório d'água da cidade. Este tempo é que pode ser o suficiente para uma cidade entrar em caos por não ter o que beber. A água não vai "acabar" nunca, mas talvez, um dia, não possamos usufruir dela onde e como gostaríamos. Talvez as grandes desgraças naturais não nos metam tanto medo porque o que nos vai derrotar mesmo sejam as folhinhas nas calçadas. Aguadas de estupidez.


de Leo Jaime.

quarta-feira, 18 de abril de 2012

DEUS JULGA A NAÇÕES


BABILÔNIA

Isaías 13 (1-13)

1-Peso de babilônia, que viu Isaías, filho de Amós.

2-Alçai uma bandeira sobre o monte elevado, levantai a voz para eles; acenai-lhes com a mão, para que entrem pelas portas dos nobres.

3-Eu dei ordens aos meus santificados; sim, já chamei os meus poderosos para executarem a minha ira, os que exultam com a minha majestade.

4-Já se ouve a gritaria da multidão sobre os montes, como a de muito povo; o som do rebuliço de reinos e de nações congregados. O SENHOR dos Exércitos passa em revista o exército de guerra.

5-Já vem de uma terra remota, desde a extremidade do céu, o SENHOR, e os instrumentos da sua indignação, para destruir toda aquela terra.

6-Clamai, pois, o dia do SENHOR está perto; vem do Todo-Poderoso como assolação.

7-Portanto, todas as mãos se debilitarão, e o coração de todos os homens se desanimará.

8-E assombrar-se-ão, e apoderar-se-ão deles dores e ais, e se angustiarão, como a mulher com dores de parto; cada um se espantará do seu próximo; os seus rostos serão rostos flamejantes.

9-Eis que vem o dia do SENHOR, horrendo, com furor e ira ardente, para pôr a terra em assolação, e dela destruir os pecadores.

10-Porque as estrelas dos céus e as suas constelações não darão a sua luz; o sol se escurecerá ao nascer, e a lua não resplandecerá com a sua luz.

11-E visitarei sobre o mundo a maldade, e sobre os ímpios a sua iniqüidade; e farei cessar a arrogância dos atrevidos, e abaterei a soberba dos tiranos.

12-Farei que o homem seja mais precioso do que o ouro puro, e mais raro do que o ouro fino de Ofir.

13-Por isso farei estremecer os céus; e a terra se moverá do seu lugar, por causa do furor do SENHOR dos Exércitos, e por causa do dia da sua ardente ira.

''Deserto da Experiência''


''Digamos que você estivesse no meio do deserto, sem ninguém te ver, e de repente aparecesse
uma pessoa te oferecendo um atalho, o que você faria? Pense bem, você iria chegar mais rápido,
porém, iria perder o ensinamento do caminho''.

Meus irmãos tendes ânimo e alegria ao passar pela provação, certo de que,a provação da vossa fé, produz perseverança...''
Tiago 01: 02-03

(...)''Bem aventurado o homem, que suporta com perseverança a tribulação, depois de ter sido aprovado receberá a coroa da vida...''
Tiago 01:12

Guardar-se para o Senhor em todos os sentidos é uma coisa maravilhosa, mais que quem tem de decidir fazer é você mesmo (a). Quanto mais você se guarda para o Pai, mais Ele se guarda para você. Ele se dará a você da mesma forma que você se der para Ele. Ele quer operar em sua vida, quer estar sempre contigo, porém, Ele quer que você vença os obstáculos para chegar perto d´Ele. Você não imagina quanto Ele quer te encher de sua presença. Eu por exemplo, pude provar ambos os lados do relacionamento com Deus, o de ''conhecida'', e o de ''serva''. Quando eu passava pelo estágio de conhecida, confesso que não havia nenhuma proximidade entre nós dois, pois na verdade eu não permitia Deus ter acesso a mim de forma alguma. Quer um exemplo? – Como que uma pessoa entra em um estabelecimento estando ele fechado? Não tem como. Assim é na nossa vida com Deus, Ele vem e bate na porta de seu coração te oferecendo o seu amor, sua compaixão... Mais ele só bate. O Senhor te apresenta o que Ele é, e te convida a abrir o coração, mais de forma alguma, Ele te forcará a nada, o Senhor espera o tempo que for preciso para te ter ao seu lado. Ele aceita a sua vontade. Claro que Ele fica triste, qual o pai ou a mãe que vê os filhos se perdendo nesse mundo e não ficam?
A verdade é que hoje as pessoas estão escolhendo em primeiro lugar desfrutar dessa vida, dos prazeres, para depois seguir a Cristo. Talvez por que achem que seguir a Ele, é estar em uma prisão. As pessoas escolhem fazer as suas próprias vontades, escolhem viver os falsos prazeres daqui dessa terra, por não aceitarem as ''renuncias'' de um verdadeiro cristão. Servir ao Senhor nos exige dura renúncia, do nosso próprio eu, das nossas vontades. Hoje o que mais vemos são pessoas vivendo como se ignorassem Jesus, é a verdade. Hoje em dia, relacionamentos iniciam e terminam, pessoas casam e descasam, nascem e morrem, e Jesus? Ele só quer uma brechinha na sua vida para te mostrar as maravilhas que Ele pode fazer se você o convidar para adentrar em seu coração. A renúncia preocupa muitas pessoas, por que elas não querem abrir mão de suas vontades para fazer a de Cristo. Só que eu descobri que quando nós nos colocamos na dependência total de Deus, é Ele que rege a nossa vida, nós apenas somos levados por Ele.
No deserto da dependência, criamos experiência, e assim, aprendemos a dar valor a tudo. Tantas lutas, tantas provações, isso passamos quando servimos a Cristo, mais pela fé e dependência N´ele, vencemos. É necessário que você passe pelo deserto para dar valor à água, e reconhecer o quanto ela é fundamental na sua vida, e que sem ela você não vive.

Respondendo a pergunta de várias pessoas sobre as lutas que tem enfrentado, posso dizer que Deus vê sim, e permite que você passe por esse deserto, a fim de que você reconheça que sem a água viva, que é Jesus, você não é nada, não é ninguém. Você já reparou a boca de um funil? Ela é grande e recebe toda água, porém apenas a água limpa passa, a sujeira é peneirada. Assim é com as pessoas, todos nós diariamente temos passado por essa boca do funil, temos sido testados em pequenos e grandes testes, sem que nem percebamos. Às vezes vencemos, e às vezes damos ouvido aquela voz que diz que nós jamais conseguiremos, e é essa mesma voz que tem adormecido muita gente de fé. Muitas pessoas entram na igreja, mais por que nem todas permanecem?
Por que nem todas estão dispostas a abrir mão de suas próprias vontades para servir as vontades do Senhor. Jesus quer todas as pessoas, mais nem todas o querem. Talvez você esteja se perguntando, mais como faço para Jesus entrar na minha vida? Ele precisa do nosso ''sim'', que é a chave fundamental para que Ele venha, e entre em nosso coração. Muitos têm dito ''talvez'', ou mesmo, ''não''. Não é difícil chegar até Jesus, Ele nos deixou um meio infalível, a oração. Ela nos permite ter contato direto com os céus. É como um e-mail que clicamos e na hora, ele chega do outro lado do mundo. Pode ser a mais simples, pode falar errado, não importa, Ele só quer que seja de coração. Você já viu um vaso de barro? Para que aquela terra vire um barro, ela precisa estar mole, pronta a ser moldada, se não, não funcionará. A nossa vida deve estar maleável para que Cristo venha fazer a sua obra em nós.
O segredo não é ter uma fé grande, maior do que a do outro irmão ou da irmã, mas, uma fé sincera, pura, ela te fará remover montanhas. A fé nos exige que tomemos atitudes bruscas, quando está todo mundo dizendo que não dará certo, você está indo adiante já contemplando a sua vitória, todos estão retrocedendo, você está indo avante. Isso é fé pura, quando você não se deixa levar pela dúvida. Nunca esqueça que você passará desertos com Cristo, mais é no deserto que você crescerá, não desista. Lá você aumentará a sua sede de Deus.
E quando estamos com sede o que fazemos? – Bebemos água. Ele é que saciará a sua sede. Após passar pelo vale, beba de Jesus, coma D´ele, ele é o rio que vai te encher. Uma coisa eu te digo, não corte caminho, é necessário que se passe por tudo. Não pegue atalhos, vá pelo meio do deserto, sinta o calor, queime os seus pés na areia, chore de sede, se arraste na areia, mais não se entregue, por que depois de tudo isso, você avistará o rio que é Jesus, e poderá mergulhar n´Ele. Não hesite, faça o que for preciso, mais o siga nesse deserto. Sabemos que as lutas vêm, e parecem que não tem fim, mais elas te ensinarão muitas coisas. Lembre-se, não importa como estiver à atmosfera, se avistar nuvens escuras (lutas), não se renda.
''Deus quer que você vá ao deserto para que lá você reconheça que sem a água você não vive, e para que você possa ficar na total dependência de Deus e Ele possa lhe falar ao coração!'' (Oséias 02:14).
Agradeça tudo que vier da parte do Senhor, até mesmo as lutas e o deserto que você estiver enfrentando, tudo tem um sentido. Resista o deserto, por que após tudo isso, os rios do Senhor, virão para matar a sua sede.

Priscila Machado

terça-feira, 17 de abril de 2012

AGRADECEM A DEUS


Isaías 12 (1-6)

1-E dirás naquele dia: Graças te dou, ó SENHOR, porque, ainda que te iraste contra mim, a tua ira se retirou, e tu me consolas.

2-Eis que Deus é a minha salvação; nele confiarei, e não temerei, porque o SENHOR DEUS é a minha força e o meu cântico, e se tornou a minha salvação.

3-E vós com alegria tirareis águas das fontes da salvação.

4-E direis naquele dia: Dai graças ao SENHOR, invocai o seu nome, fazei notório os seus feitos entre os povos, contai quão excelso é o seu nome.

5-Cantai ao SENHOR, porque fez coisas grandiosas; saiba-se isto em toda a terra.

6-Exulta e jubila, ó habitante de Sião, porque grande é o Santo de Israel no meio de ti.

A Cidade dos Resmungos


Era uma vez um lugar chamado Cidade dos Resmungos, onde todos resmungavam, resmungavam, resmungavam.

No verão, resmungavam que estava muito quente.

No inverno, que estava muito frio.

Quando chovia, as crianças choramingavam porque não podiam sair.

Quando fazia sol, reclamavam que não tinham o que fazer.

Os vizinhos queixavam-se uns dos outros, os pais queixavam-se dos filhos, os irmãos das irmãs.

Todos tinham um problema, e todos reclamavam que alguém deveria fazer alguma coisa.

Um dia chegou à cidade um mascate carregando um enorme cesto às costas.

Ao perceber toda aquela inquietação e choradeira, pôs o cesto no chão e gritou :

- Ó cidadãos deste belo lugar ! Os campos estão abarrotados de trigo, os pomares carregados de frutas.

As cordilheiras estão cobertas de florestas espessas, e os vales banhados por rios profundos.

Jamais vi um lugar abençoado por tantas conveniências e tamanha abundância.

Por que tanta insatisfação ? Aproximem-se, e eu lhes mostrarei o caminho para a felicidade.

Ora, a camisa do mascate estava rasgada e puída.

Havia remendos nas calças e buracos nos sapatos.

As pessoas riram que alguém como ele pudesse mostrar-lhes como ser feliz.
Mas enquanto riam, ele puxou uma corda comprida do cesto e a esticou entre os dois postes na praça da cidade.

Então segurando o cesto diante de si, gritou :

- Povo desta cidade ! Aqueles que estiverem insatisfeitos escrevam seus problemas num pedaço de papel e ponham dentro deste cesto.

Trocarei seus problemas por felicidade !

A multidão se aglomerou ao seu redor.

Ninguém hesitou diante da chance de se livrar dos problemas.

Todo homem, mulher e criança da vila rabiscou sua queixa num pedaço de papel e jogou no cesto.

Eles observaram o mascate pegar cada problema e pendurá-lo na corda.

Quando ele terminou, havia problemas tremulando em cada polegada da corda, de um extremo a outro.

Então ele disse :

Agora cada um de vocês deve retirar desta linha mágica o menor problema que puder encontrar.

Todos correram para examinar os problemas.

Procuraram, manusearam os pedaços de papel e ponderaram, cada qual tentando escolher o menor problema.

Depois de algum tempo a corda estava vazia.

Eis que cada um segurava o mesmíssimo problema que havia colocado no cesto.
Cada pessoa havia escolhido os seu próprio problema, julgando ser ele o menor da corda.

Daí por diante, o povo daquela cidade deixou de resmungar o tempo todo.

E sempre que alguém sentia o desejo de resmungar ou reclamar, pensava no mascate e na sua corda mágica.

Caríssimos amigos, há pessoas que reclamam o tempo todo...tem gente que faz de seu dia um depósito de reclamações,
quando vcs encontrarem uma dessas pessoas, mostrem pra elas que existem problemas muito maiores do que o delas...
ajude essas pessoas a enxergarem isso, quando elas começarem a ver que talvez um próprio conhecido tenha um problemão e nem por isso deixou de sorrir e nem por isso fica o tempo todo reclamando....
talvez assim comece a perceber as bençãos que Deus lhe deu, ...pense nisso!

AUTOR DESCONHECIDO

segunda-feira, 16 de abril de 2012

A RESTAURAÇÃO DE UM POVO


Isaías 11:10-16

10-E acontecerá naquele dia que a raiz de Jessé, a qual estará posta por estandarte dos povos, será buscada pelos gentios; e o lugar do seu repouso será glorioso.

11-E há de ser que naquele dia o Senhor tornará a pôr a sua mão para adquirir outra vez o remanescente do seu povo, que for deixado, da Assíria, e do Egito, e de Patros, e da Etiópia, e de Elã, e de Sinar, e de Hamate, e das ilhas do mar.

12-E levantará um estandarte entre as nações, e ajuntará os desterrados de Israel, e os dispersos de Judá congregará desde os quatro confins da terra.

13-E afastar-se-á a inveja de Efraim, e os adversários de Judá serão desarraigados; Efraim não invejará a Judá, e Judá não oprimirá a Efraim.

14-Antes voarão sobre os ombros dos filisteus ao ocidente; juntos despojarão aos do oriente; em Edom e Moabe porão as suas mãos, e os filhos de Amom lhes obedecerão.

15-E o SENHOR destruirá totalmente a língua do mar do Egito, e moverá a sua mão contra o rio com a força do seu vento e, ferindo-o, dividi-lo-á em sete correntes e fará que por ele passem com sapatos secos.

16-E haverá caminho plano para o remanescente do seu povo, que for deixado da Assíria, como sucedeu a Israel no dia em que subiu da terra do Egito.

Aquele que Brilha


Aquele que Brilha

Eu me debrucei numa das pontas da Lua Crescente
e vi na outra Aquele que Brilha.
Abaixo de nós estavam as montanhas e os vales
e uma porção de pessoas.
Perguntei para Aquele que Brilha:
- Quem são essas pessoas?
- São os filhos e as filhas de Deus.
Prestei atenção e vi que as pessoas brigavam
e espezinhavam-se umas às outras. Perguntei:
- São mesmo filhos de Deus?
E Aquele que Brilha respondeu:
- São.
Continuei observando e vi que as pessoas
pareciam procurar alguma coisa freneticamente,
empurrando-se e parecendo inumanas:
- O que elas procuram?
- Felicidade – disse Aquele que Brilha.- Alguém já encontrou?
- Algumas vezes eles pensam que encontraram.
Vi uma mulher carregando um bebê
e um homem passou brutalmente por ela,
fazendo com que ela caísse e o bebê rolasse no chão;
o homem parecia estar procurando a Felicidade.
Meus olhos ficaram enevoados e indaguei:
- Será que eles encontrarão a Felicidade algum dia?
- Encontrarão.
Tornei a olhar o que as pessoas faziam entre as montanhas
e os vales e correram lágrimas dos meus olhos, e perguntei?
- É da vontade de Deus
ou do Demônio que os homens procurem a Felicidade?
- É da vontade de Deus.
- Mas parece uma coisa do Demônio.
Aquele que Brilha sorriu inescrutavelmente. Gritei:
- Por que eles têm que procurar a Felicidade
e causar tanta desgraça uns aos outros?
- Eles estão aprendendo a Vida e o Amor.
Lá embaixo um homem maltratava cruelmente outro homem,
mas de repente um vento forte arrancou-lhe as roupas
e deixou-o nu entre desconhecidos
e foi a sua vez de ser espezinhado. Bati palmas:
- Ótimo! Ótimo! Ele recebeu o que merecia!
Aquele que Brilha tornou a sorrir:
- Eles sempre recebem o que merecem.
Recebem aquilo que lhes mostrará
o verdadeiro caminho para a Felicidade.
Fiquei observando as pessoas maltratando-se
e vendo que de vez enquanto vinha um vento forte
e jogavam-nas para algum lugar para continuarem a Procura.
- O vento forte sempre os atira nesses vales e montanhas?
- Nem sempre.
- Onde, estão?
- Olhe pra cima de você.
Acima de mim estava a Via Láctea e suas estrelas brilhantes.
Suspirei: Ah...
- E o vento não se engana?
- Não se engana.
- O vento sempre os coloca em algum lugar
para que eles recebam o que merecem?
- Sempre.
Então o meu coração que estava esmagado iluminou-se
e descobri que podia olhar as crueldades
e ter pena dos cruéis.
E quanto mais eu olhava mais crescia a minha compaixão. Falei:
- Eles agem como pessoas atormentadas
- Eles são atormentados – respondeu Aquele que Brilha.
- E o que os atormenta?
- O desejo.
Gritei, passionalmente:
- O desejo é uma coisa má.
E Aquele que Brilha respondeu duramente:
- O desejo não é uma coisa má.
Tremi e fechei meu coração,
até que tive forças de dizer:
- É o desejo que atormenta os homens
para eles aprenderem as lições que Deus mandou?
- É o desejo.
- As lições da vida e do Amor?
- Sim, as lições da vida e do Amor.
Então não vi mais as pessoas como cruéis,
vi apenas que elas estavam aprendendo.
E olhei-as com profundo amor e compaixão,
até que uma a uma o vento forte levou-as para longe.

AUTOR DESCONHECIDO

domingo, 15 de abril de 2012

UMA SOCIEDADE IDEAL


Isaías 11 (1-9)

1-Porque brotará um rebento do tronco de Jessé, e das suas raízes um renovo frutificará.

2-E repousará sobre ele o Espírito do SENHOR, o espírito de sabedoria e de entendimento, o espírito de conselho e de fortaleza, o espírito de conhecimento e de temor do SENHOR.

3-E deleitar-se-á no temor do SENHOR; e não julgará segundo a vista dos seus olhos, nem repreenderá segundo o ouvir dos seus ouvidos.

4-Mas julgará com justiça aos pobres, e repreenderá com eqüidade aos mansos da terra; e ferirá a terra com a vara de sua boca, e com o sopro dos seus lábios matará ao ímpio,

5-E a justiça será o cinto dos seus lombos, e a fidelidade o cinto dos seus rins.

6-E morará o lobo com o cordeiro, e o leopardo com o cabrito se deitará, e o bezerro, e o filho de leão e o animal cevado andarão juntos, e um menino pequeno os guiará.

7-A vaca e a ursa pastarão juntas, seus filhos se deitarão juntos, e o leão comerá palha como o boi.

8-E brincará a criança de peito sobre a toca da áspide, e a desmamada colocará a sua mão na cova do basilisco.

9-Não se fará mal nem dano algum em todo o meu santo monte, porque a terra se encherá do conhecimento do SENHOR, como as águas cobrem o mar.

A QUALIDADE DA MISERICÓRDIA


Nós gostaríamos de discursar sobre a qualidade da Misericórdia. O que a qualidade da misericórdia abrange? Misericórdia é a habilidade de amar o outro e perdoá-lo, mesmo quando ele lhe feriu de algum modo que é difícil para você perdoá-lo.
Quando aqueles que foram injustos com vocês, demonstrarem arrependimento, fazendo qualquer coisa que consigam fazer para lhes restituir, devido a dor que eles causaram, e vocês demonstrando a eles, bondade, apesar das feridas, isso abrange a qualidade da misericórdia. Junto com ela, a qualidade de compaixão – aquela leveza, aquela ternura do coração também acontece, pois a misericórdia e compaixão andam lado a lado, de mão dadas.
Misericórdia permite que a energia do Amor flua livremente com graça de novo e estabeleça um caminho de cura, das pessoas e da situações.
Misericórdia é um atributo do Amor Superior, Amor Divino, que chega direto da Fonte, do Nosso Criador.
Misericórdia dá dignidade e respeito a todas as almas envolvidas em uma situação desagradável e triste. A partir daí, então, a misericórdia pode alterar as situações em volta por uma melhor, quando ela está presente na intenção e na atitude daquele que foi injuriado.
Misericórdia vem de um lugar representando uma resposta a uma reação e por causa disso, a auto disciplina e auto controle são necessários, como também, a sabedoria deve ser usada sob um ponto de vista superior.
Essa qualidade de Amor deixa passar as transgressões dos outros e vê apenas o que é bom no interior daquela pessoa, com o entendimento que nós todos cometemos erros à medida que nós crescemos, aprendemos e evoluímos para uma perspectiva superior de entendimento.
No interior do coração existe uma grande energia para efetuar mudanças poderosas de crescimento. A qualidade da Misericórdia permite que esse grande poder flua com maior facilidade e graça, tornando assim, a aceitação um pelo outro, acontecer de modo mais fácil.
Frequentemente, a pratica de se imaginar colocando-se nos sapatos do outro, nos ajuda a generalizar o sentimento de misericórdia e compaixão; ensinado-nos que todos nós viemos da mesma Fonte, merecedores de termos outra chance, outra renovação de fé e de Amor.
Amor é a força mais poderosa existente em todos os Universos e quando esse poder é empregado com as qualidades de misericórdia e de compaixão, muitas transformações maravilhosas podem acontecer no interior das pessoas e das situações que as estão necessitando. No sentido de sentir e evocar essas duas qualidades, a pessoa precisa conectar-se com o seu espaço interno no coração e sentir empatia pelo outro.
Frequentemente, o recipiente da misericórdia e da compaixão é transformado e mudado para um Amor Superior, em um sentimento de gratidão, por se estar dando para o outro a chance dele fazer as coisas direito e para ele restaurar a Ordem Divina em sua vida diária.
Aqueles que empregam as qualidade da misericórdia e da compaixão para si e para os outros, pode-se dizer que têm uma evolução maior em seu progresso espiritual, do que aqueles que reagem frente às situações com raiva e que têm necessidade de uma revanche.
Isso lhes leva à Maestria das emoções ao se empregar a Misericórdia em situações dolorosas e requer que ela venha do interior de um lugar onde contenha silencio interior. A prática do silencio interior e da meditação é uma ferramenta de muita ajuda, como também o é, o de se praticar a manutenção do estado de equilíbrio em tais situações de mudanças. Lembrem-se, nós estamos todos juntos nisso, Meus Amados, assim sejam misericordiosos em suas interações uns com os outros, nesses tempos de mudanças.
Ponderem essas qualidades até o nosso próximo Discurso, Meus Amados, e saibam que nós estamos sempre perto para lhes ajudar, tudo o que precisam fazer é pedirem.
EU SOU Arcanjo Gabriel

Misericórdia


Tenha misericórdia.
Ter misericórdia é compadecer-se da desgraça,
da miséria moral do próximo, e tudo fazer para amenizá-la.
Todos nós estamos sujeitos às dores deste mundo,
e por isso disse o Cristo,
que tenhamos misericórdia para com os outros,
a fim de que depois eles e Deus a tenham para conosco:
"Bem-aventurados os misericordiosos,
porque alcançarão misericórdia".
Manifestamos nossa misericórdia pela beneficência,
e pela benevolência, socorrendo aos que sofrem,
por meio da ajuda material e do conforto espiritual:
o pão para os que têm fome, a água para os que têm sede,
as roupas para os que estão desnudos;
a visita aos enfermos e encarcerados,
a palavra de estímulo e a solidariedade ao caído,
o desejo do bem a todos os seres,
e trabalho incessante para que eles alcancem esse bem.

sábado, 14 de abril de 2012

DEMONSTRAÇÃO DE FORÇA


Isaías 10:29-34

28-Já passaram o desfiladeiro, já se alojam em Geba; já Ramá treme, e Gibeá de Saul vai fugindo.

29-Clama alto com a tua voz, ó filha de Galim! Ouve, ó Laís! O tu pobre Anatote!

30 Madmena já se foi; os moradores de Gebim vão fugindo em bandos.

31-Ainda um dia parará em Nobe; acenará com a sua mão contra o monte da filha de Sião, o outeiro de Jerusalém.

32-Mas eis que o Senhor, o SENHOR dos Exércitos, cortará os ramos com violência, e os de alta estatura serão cortados, e os altivos serão abatidos.

33-E cortará com ferro a espessura da floresta, e o Líbano cairá à mão de um poderoso.

Caminhos


A vida é feita de caminhos...
caminhos que levam,
caminhos que trazem,
sonhos,
alegrias,
tristezas,
amores, esperanças...

De qualquer forma, nada vem ou vai sem caminho.
O caminho é parte integrante de nossas vidas.
já buscávamos percorrer caminhos.
Nossos primeiros passos foram treinados...
e aperfeiçoados
para conquistar caminhos.
...outros se perdem pelo caminho.
Uns tiveram tudo para caminhar...
Outros, muita dificuldade para chegar.
E chegaremos ao ponto final.
Certamente fomos feitos
para abrir caminhos,
romper barreiras,
ultrapassar limites e vencer.
Deus, na sua infinita misericórdia,
não nos abandonaria num deserto de incertezas.
Não nos deixaria à beira do caminho,
condenando-nos a um fim sem propósitos.
Ele nos preparou um caminho
que nos levará de volta para casa...

“Eu sou o caminho, a verdade e vida,
ninguém vem ao Pai, senão por mim.”
(Jesus - João cap. 14 verso 6)


O autor desta frase, é o autor da Vida...

É o Alfa e o Omega.
O Princípio e o Fim.

O único caminho que tem o poder para mudar
O rumo da nossa história.

É fonte de Vida para os que Nele confiam.
Siga os passos daquele
que pode te conduzir para um caminho de paz...
O autor da Vida.

Jesus Cristo