quarta-feira, 30 de setembro de 2009

VIVA A PALAVRA DE DEUS

Este é o meu Filho amado


Mateus 3
1 ¶ E, naqueles dias, apareceu João o Batista pregando no deserto da Judéia,
2 E dizendo: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus.
3 Porque este é o anunciado pelo profeta Isaías, que disse: Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, Endireitai as suas veredas.
4 E este João tinha as suas vestes de pelos de camelo, e um cinto de couro em torno de seus lombos; e alimentava-se de gafanhotos e de mel silvestre.
5 Então ia ter com ele Jerusalém, e toda a Judéia, e toda a província adjacente ao Jordão;
6 E eram por ele batizados no rio Jordão, confessando os seus pecados.
7 ¶ E, vendo ele muitos dos fariseus e dos saduceus, que vinham ao seu batismo, dizia-lhes: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira futura?
8 Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento;
9 E não presumais, de vós mesmos, dizendo: Temos por pai a Abraão; porque eu vos digo que, mesmo destas pedras, Deus pode suscitar filhos a Abraão.
10 E também agora está posto o machado à raiz das árvores; toda a árvore, pois, que não produz bom fruto, é cortada e lançada no fogo.
11 E eu, em verdade, vos batizo com água, para o arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu; cujas alparcas não sou digno de levar; ele vos batizará com o Espírito Santo, e com fogo.
12 Em sua mão tem a pá, e limpará a sua eira, e recolherá no celeiro o seu trigo, e queimará a palha com fogo que nunca se apagará.
13 ¶ Então veio Jesus da Galiléia ter com João, junto do Jordão, para ser batizado por ele.
14 Mas João opunha-se-lhe, dizendo: Eu careço de ser batizado por ti, e vens tu a mim?
15 Jesus, porém, respondendo, disse-lhe: Deixa por agora, porque assim nos convém cumprir toda a justiça. Então ele o permitiu.
16 E, sendo Jesus batizado, saiu logo da água, e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito de Deus descendo como pomba e vindo sobre ele.
17 E eis que uma voz dos céus dizia: Este é o meu Filho amado, que muito me agrada.

Somos todos espelhos


Nascemos todos, certo, com uma enorme bagagem genética. Carregamos em nós traços, expressões, modos de ser daqueles que nos antecederam. Mas à partir daí, saímos em busca de identidade.
Nossos primeiros espelhos são nossos pais, a família, aos quais nos jogamos de braços abertos, sem questões. É a confiança que se instala desde a mais pequena idade. Julgamos que se nossos pais fazem, podemos fazer, pois eles devem saber o que é bom ou não. Crianças imitam, quando ainda não sabem construir sozinhas. A linguagem é a maior prova disso.
Nem todo mundo tem essa consciência e nem se dá conta do peso da responsabilidade que ela acarreta. Achamos que a vida forma as pessoas, mas nos esquecemos que somos os primeiros espelhos nos quais elas se refletem.
E nós que queremos o melhor para os nossos filhos, que sejam bons, grandes e bem sucedidos na vida, somos a pedra fundamental do que eles serão mais tarde. Nossas atitudes em relação à família, nossos valores, nossa maneira de gerir os problemas e aprender a lidar com eles, tudo isso vai ficando naqueles pelos quais somos responsáveis. É como se fôssemos adiante, com uma lanterninha, mostrando o caminho, que eles seguem, misturando assim o que vêem a essa bagagem que já vêm carregando e formam assim a própria personalidade.
Depois, vêm os amigos, a escola, o meio em que se freqüenta. Tudo isso vai espelhando e formando o eu de cada um e isso continua vida à fora, mesmo na idade adulta.
Somos todos pessoas importantes para outras pessoas e podemos influenciá-las positiva ou negativamente. Amigos são grandes espelhos.
Daí a importância de sermos pessoas boas, honestas, pacientes, corajosas, espelhos nos quais outros poderão se olhar e se encontrar.
É preciso refletir sobre isso: que tipo de espelho estamos sendo para nossos filhos, nossos grupos de amigos, trabalho e sociedade em que freqüentamos? Somos do tipo "faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço?" Bom é lembrar que muito mais que de palavras e conselhos, as pessoas ouvem e vêm exemplos.
Cristo deveria ser o maior espelho de toda a humanidade. Ele falou sim, mas muito mais que isso, viveu, calou, mostrou, fez. Nos refletindo nEle, evitaríamos muitos dos desastres pelos quais atravessamos. Seríamos, assim, espelhos refletindo o bem, para o bem daqueles que amamos.

Letícia Thompson

O GRANDE TEMPORAL



Quando o missionário Hudson Taylor e sua esposa viajavam para a China a bordo de um navio cargueiro. Foram surpreendidos por um violento temporal, que açoitou o barco como se fosse uma casca de noz. O convés se encheu d’água; os barris, tinas, fardos, engradados, caixotes, tábuas e a bagagem dos passageiros tiveram as suas amarras partidas, ficando soltos e transformando-se, com o apavorante balanço do navio, em poderosas armas de arremesso. Face àquela ameaça que se aproximava da morte, Hudson e sua dedicada esposa recolheram-se ao camarote, e ele disse: “Querida, só nos resta um recurso - vamos orar!” - A embarcação esteve prestes a soçobrar; os marinheiros em pânico deixaram o navio à deriva, mas aos poucos, as ondas foram se acalmando e tudo voltou a uma inesperada serenidade. Mais tarde Hudson escrevendo a um missionário relatando o episódio, assim se expressou: “Apesar da grande aflição por que passamos e dos elevados prejuízos materiais, com a destruição de nossas bagagens com instrumentos para o nosso campo de trabalho, o primeiro pensamento que me ocorreu foi o emocionante Salmo de Habacuque: “Todavia, eu me alegrarei no Senhor e exultarei no Deus da minha salvação!”
(W. B. Knight).
Lendo este relato, fiquei pensando em nossas vidas que tantas vezes são sobressaltadas por tempestades que são as adversidades que nos sobrevém. Então “só nos resta um recurso – vamos orar!” Quando falamos com Deus através da oração temos uma ligação íntima com Ele e, diz a Bíblia, “Deus é nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia” (Salmo 46.1). Lembre-se sempre: Você não está só,
Deus está presente!

terça-feira, 29 de setembro de 2009

ESTRELA NO ORIENTE


Mateus 2
1 ¶ E, tendo nascido Jesus em Belém de Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que uns magos vieram do oriente a Jerusalém,
2 Dizendo: Onde está aquele que é nascido rei dos judeus? porque vimos a sua estrela no oriente, e viemos a adorá-lo.
3 E o rei Herodes, ouvindo isto, perturbou-se, e toda Jerusalém com ele.
4 E, congregados todos os príncipes dos sacerdotes, e os escribas do povo, perguntou-lhes onde havia de nascer o Cristo.
5 E eles lhe disseram: Em Belém de Judéia; porque assim está escrito pelo profeta:
6 E tu, Belém, terra de Judá, De modo nenhum és a menor entre as capitais de Judá; Porque de ti sairá o Guia Que há de apascentar o meu povo de Israel.
7 Então Herodes, chamando secretamente os magos, inquiriu exatamente deles acerca do tempo em que a estrela lhes aparecera.
8 E, enviando-os a Belém, disse: Ide, e perguntai diligentemente pelo menino e, quando o achardes, participai-mo, para que também eu vá e o adore.
9 ¶ E, tendo eles ouvido o rei, partiram; e eis que a estrela, que tinham visto no oriente, ia adiante deles, até que, chegando, se deteve sobre o lugar onde estava o menino.
10 E, vendo eles a estrela, regozijaram-se muito com grande alegria.
11 E, entrando na casa, acharam o menino com Maria sua mãe e, prostrando-se, o adoraram; e abrindo os seus tesouros, ofertaram-lhe dádivas: ouro, incenso e mirra.
12 E, sendo por divina revelação avisados em sonhos para que não voltassem para junto de Herodes, partiram para a sua terra por outro caminho.
13 ¶ E, tendo eles se retirado, eis que o anjo do Senhor apareceu a José em sonhos, dizendo: Levanta-te, e toma o menino e sua mãe, e foge para o Egito, e demora-te lá até que eu te diga; porque Herodes há de procurar o menino para o matar.
14 E, levantando-se ele, tomou o menino e sua mãe, de noite, e foi para o Egito.
15 E esteve lá, até à morte de Herodes, para que se cumprisse o que foi dito da parte do Senhor pelo profeta, que diz: Do Egito chamei o meu Filho.
16 Então se cumpriu o que foi dito pelo profeta Jeremias, que diz:
17 Em Ramá se ouviu uma voz, Lamentação, choro e grande pranto: Raquel chorando os seus filhos, E não querendo ser consolada, porque já não existem.
18 ¶ Morto, porém, Herodes, eis que o anjo do SENHOR apareceu num sonho a José no Egito,
19 Dizendo: Levanta-te, e toma o menino e sua mãe, e vai para a terra de Israel; porque já estão mortos os que procuravam a morte do menino.
20 Então ele se levantou, e tomou o menino e sua mãe, e foi para a terra de Israel.
21 E, ouvindo que Arquelau reinava na Judéia em lugar de Herodes, seu pai, receou ir para lá; mas avisado em sonhos, por divina revelação, foi para as partes da Galiléia.
22 E chegou, e habitou numa cidade chamada Nazaré, para que se cumprisse o que fora dito pelos profetas: Ele será chamado Nazareno.

PALAVRA QUE PERMANECE

Crescer é ...



Ser cada dia um pouco mais nós mesmos. ...
Dar espontaneamente sem cobrar inconscientemente. ...
Aprender a ser feliz de dentro para fora. ...
Buscar no próximo um meio de nos prolongarmos. ...
Sentir a vida na natureza. ...
Entender a morte como natural da vida. ...
Conseguir a calma na hora do caos. ...
Ter sempre uma arma para lutar e uma razão para ir em frente. ...
Saber a hora exata de parar e buscar um algo novo. ...
Não devanear sobre o passado, mas trabalhar em cima dele para o futuro. ...
Reconhecer nossos erros e valorizar nossas virtudes. ...
Conseguir a liberdade com equilíbrio para não sermos libertinos. ...
Exigir dos outros, apenas o que nós damos a eles. ...
Realizar sempre algo edificante. ...
Ser responsável por nossos atos e por suas conseqüências. ...
Entender que temos o espaço de uma vida inteira para crescer. ...
Nos amarmos para que possamos amar os outros como nós mesmos. ...
Assumir que nunca seremos grandes,
mas que o importante é estar sempre em crescimento.
AUTOR DESCONHECIDO

DEUS É CONTIGO

Deu um jeito que é só seu...




Há um jeito que é só seu, de semear o bem.

Se tem sabedoria para falar, fale!

Há pessoas precisando de quem lhes rasgue novos horizontes.

Se tem o dom de ouvir, ouça!

Há pessoas precisando falar para reorganizar os pensamentos e sentimentos.

Se tem o dom de enxergar os talentos alheios, enalteça-os!

Há pessoas que desabrocham por conta de alguém que lhes reconheça um dom.

Se tem discernimento o bastante para fazer uma observação construtiva, faça-a!

Há pessoas persistindo no mesmo erro, por falta de alguém que as alerte com carinho e firmeza.
Se você não tem vocação para engajar-se em movimentos filantrópicos de grande alcance, tenha em mente que o maior bem a ser semeado começa dentro do seu lar.

Oferte a sua canção, a sua poesia, a sua hospitalidade, aquele prato que ninguém sabe fazer igual.

Oferte a sua diplomacia, a sua liderança ou a sua capacidade de atuar em segundo plano para o bem comum.

Oferte o seu talento para contar piadas e fazer rir...

A sua ternura natural no trato com crianças, idosos ou animais.

A sua capacidade de manter o sangue frio nas horas de crise, quando todos em sua volta desabam.

A sua santa paciência de permanecer num hospital ao lado de um enfermo terminal, ou de varar a noite num velório, naquela hora crítica em que todos vão embora.
Há um jeito que é só seu e todo seu, mesmo que seja ofertar uma flor sem ser dia de nada.

Mesmo que seja afagar as folhas de uma árvore, cantar junto com o seu canarinho, alisar o pelo de seu bichinho de estimação, aquele que você salvou da enxurrada.

Mesmo que seja uma prece sincera feita no silêncio do seu quarto.

Na contabilidade divina, pouco importa se o seu jeito de semear o bem alcançar uma criatura ou milhões de criaturas.

Você está fazendo a sua parte, de um jeito que é só seu.

É só isto que realmente importa!
Fátima Irene Pinto

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

O NASCIMENTO DE JESUS!


Mateus 1


1 ¶ Livro da geração de Jesus Cristo, filho de Davi, filho de Abraão.
2 Abraão gerou a Isaque; e Isaque gerou a Jacó; e Jacó gerou a Judá e a seus irmãos;
3 E Judá gerou, de Tamar, a Perez e a Zerá; e Perez gerou a Esrom; e Esrom gerou a Arão;
4 E Arão gerou a Aminadabe; e Aminadabe gerou a Naassom; e Naassom gerou a Salmom;
5 E Salmom gerou, de Raabe, a Boaz; e Boaz gerou de Rute a Obede; e Obede gerou a Jessé;
6 E Jessé gerou ao rei Davi; e o rei Davi gerou a Salomão da que foi mulher de Urias.
7 E Salomão gerou a Roboão; e Roboão gerou a Abias; e Abias gerou a Asa;
8 E Asa gerou a Josafá; e Josafá gerou a Jorão; e Jorão gerou a Uzias;
9 E Uzias gerou a Jotão; e Jotão gerou a Acaz; e Acaz gerou a Ezequias;
10 E Ezequias gerou a Manassés; e Manassés gerou a Amom; e Amom gerou a Josias;
11 E Josias gerou a Jeconias e a seus irmãos na deportação para babilônia.
12 E, depois da deportação para a babilônia, Jeconias gerou a Salatiel; e Salatiel gerou a Zorobabel;
13 E Zorobabel gerou a Abiúde; e Abiúde gerou a Eliaquim; e Eliaquim gerou a Azor;
14 E Azor gerou a Sadoque; e Sadoque gerou a Aquim; e Aquim gerou a Eliúde;
15 E Eliúde gerou a Eleázar; e Eleázar gerou a Matã; e Matã gerou a Jacó;
16 E Jacó gerou a José, marido de Maria, da qual nasceu JESUS, que se chama o Cristo.
17 De sorte que todas as gerações, desde Abraão até Davi, são catorze gerações; e desde Davi até a deportação para a babilônia, catorze gerações; e desde a deportação para a babilônia até Cristo, catorze gerações.
18 ¶ Ora, o nascimento de Jesus Cristo foi assim: Estando Maria, sua mãe, desposada com José, antes de se ajuntarem, achou-se ter concebido do Espírito Santo.
19 Então José, seu marido, como era justo, e a não queria infamar, intentou deixá-la secretamente.
20 E, projetando ele isto, eis que em sonho lhe apareceu um anjo do Senhor, dizendo: José, filho de Davi, não temas receber a Maria, tua mulher, porque o que nela está gerado é do Espírito Santo;
21 E dará à luz um filho e chamarás o seu nome JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados.
22 Tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que foi dito da parte do Senhor, pelo profeta, que diz;
23 Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, E chamá-lo-ão pelo nome de EMANUEL, Que traduzido é: Deus conosco.
24 E José, despertando do sono, fez como o anjo do Senhor lhe ordenara, e recebeu a sua mulher;
25 E não a conheceu até que deu à luz seu filho, o primogênito; e pôs-lhe por nome Jesus.

TROQUE A TELEVISÃO PELA BÍBLIA

Reciclagem de vida




Não sei se a vida se recicla. Não, talvez não. Mesmo se após um tempo de reflexão decidimos mudar nossa vida, seremos sempre nós mesmos no fim. Mudados, mas nós. Com todas as marcas e cicatrizes para que não nos esqueçamos do que fomos.
Sabemos que jamais poderemos recolar os pedaços das coisas vividas e construir novas. Colchas de retalhos são muito bonitas, mas não passam de colchas de retalhos. Remenda-se panos, recola-se papel ou vidro, mas não se remenda vidas, não se recola momentos passados, coisas que deixamos pra trás.
Recomeçar? Sim. Recomeçar é possível, mesmo (e felizmente!) se já não somos os mesmos. Aprendemos, à custa de dor, mas aprendemos. Não cometeremos duas vezes os mesmos erros, não beberemos a mesma água.
Durante anos vivemos como se não tivéssemos outras alternativas. A vida é assim, é o destino. Mas nosso destino, nós fazemos. Nossas prioridades, escolhemos e aprendemos a viver com elas. E só depois, mais tarde, é que nos questionamos sobre o fundamento das nossas escolhas. Há pessoas que acham que é tarde demais para mudar e continuam na mesma linha, mesmo se conscientes de que talvez esse não tenha sido o melhor caminho. Homens e mulheres que se mataram a vida toda para ganhar dinheiro terminam muitas vezes a vida sozinhos, cheios de dinheiro, vazios de amor.
E felizes há aqueles que descobrem que ainda é tempo para fazer alguma coisa. E que podem redefinir as próprias prioridades e assumi-las. Vai doer, mas vai valer a pena, porque no fim das contas vamos ter a consciência tranqüila de que tentamos. Um dos piores sentimentos que existem é o de não poder recapturar um momento que gostaríamos que tivesse sido diferente. O eu de hoje não teria feito isso ou aquilo, mas o que eu era ontem não sabia o que sei agora. Se soubesse, teria cometido menos erros. Mas temos um Deus tão bom e tão grande que Ele está sempre nos oferecendo a opotunidade de nos redimir e fazer novas escolhas.
E agora? Agora sabemos. Não vamos pegar atalhos. Eles podem ser atraentes, mas nos impedirão talvez de aproveitar as belezas da jornada. O caminho da vida é bonito, apesar de ser mais difícil para uns que para outros. Mas é bonito se sabemos tirar o máximo do que é bom. Noites escuras podem nos fazer ver mais claramente as estrelas. Só veremos o nascer do sol se acordarmos cedo. Coisas simples que a natureza nos ensina.
Reciclagem de vida? Talvez sim. Talvez sejamos, no fim das contas, uma colcha de retalhos da vida. Mas que sejamos então uma bela colcha nova enfeitando um quarto, um coração, talvez mesmo muitos corações e muitas vidas, a começar por nós mesmos.
Letícia Thompson

DESCANSA...


Que o tempo é momentos de preparação
para algo maior e muito melhor!

ELE sempre tem o melhor para sua vida.

ESPERE...
Que o tempo traz todas as bênçãos
que são presentes de Deus para VOCÊ!

NÃO CORRA...
Porque nosso PAI manda sempre esperar.

CONFIE...
Que no tempo, na hora, no exato momento,
o teu pedido é respondido, tua oração é atendida.

Você confia Nele e ELE O IMPOSSÍVEL FARÁ,
ELE É NOSSO REFÚGIO...

DESCANSE...
Deixa DEUS cuidar do seu tempo,
pois Ele não falha, ELE não chega atrasado,
e tudo é perfeito no tempo de DEUS!

QUE ESSE SEJA O TEMPO DE DEUS PRA SUA VIDA...
AUTOR DESCONHECIDO

domingo, 27 de setembro de 2009

CREIA, E TENHA VIDA ETERNA

Educação


O colunista, Sydney Harris, acompanhava um amigo à banca de jornal. O amigo cumprimentou o jornaleiro amavelmente, mas como retorno recebeu um tratamento rude e grosseiro.

Pegando o jornal que foi atirado em sua direção, o amigo de Sydney sorriu atenciosamente e desejou ao jornaleiro um bom final de semana.

Quando os dois amigos desciam pela rua, o colunista perguntou:

-- Ele sempre te trata com tanta grosseria?

-- Sim, infelizmente é sempre assim.

-- E você é sempre tão atencioso e amável com ele?

-- Sim, sou.

-- Por que você é tão educado, já que ele é tão rude com você?

-- Porque não quero que ele decida como eu devo agir.

Nós somos nossos ´próprios donos´.

Não devemos nos curvar diante de qualquer vento que sopra, nem estar à mercê do mau humor, da mesquinharia, da impaciência e da raiva dos outros.

Não são os ambientes que nos transformam, e sim nós que transformamos os ambientes.

NINGUÉM PODE ESTRAGAR O SEU DIA, A MENOS QUE VOCÊ PERMITA!
AUTOR DESCONHECIDO

DESCOBRIR O AMOR


Se queres descobrir o amor em teu ser, primeiro observa o nascimento das flores sobre as pedras, o nascimento da borboleta em seu casulo tão limitado...

Observa o sol nascendo e iluminando o que há pouco era só escuridão...

Se queres conhecer o amor, observa o movimento gracioso dos ventos por entre as flores e vê as sementes sendo lançadas para outros solos, transformando-os, delicadamente, sem pressa...

Observa a generosidade com que a natureza te acolhe, mostrando com seus movimentos a importância de te sentires como ela te sente.

Se queres sentir amor, olha para os teus irmãos com a disposição de, sem julgamento, vê-los como eles são...

Olha para ti e aceita o que vem do teu coração, banhando teu ser de luz e confiança...

Se queres compartilhar o amor, apenas estende tua intenção, e ela chegará ao mundo e a ti retornará, trazendo-te as bênçãos dAquele que sorri com tua conduta.

Se queres prosseguir com o amor, procura viver de acordo com as dádivas que te foram dadas...

Apenas caminha por entre os percursos que para ti já estão preparados e vai; vai com tua luz, iluminando o que parece ser escuro, respeitando cada ser que o teu caminho acolher, compartilhando o teu conhecer, a tua alegria e a tua integridade enquanto filho de Deus.
AUTOR DESCONHECIDO

sábado, 26 de setembro de 2009

EU SOU O TEU DEUS

Gargalhada de um amigo


Quando alguém de sua família criticar algo que existe em você, não esqueça de sorrir, porque Deus jamais enviará um de seus filhos para um lar errado...
Quando algo modificar a paz do seu dia, não esqueça de sorrir, porque todo sereno sorri diante de uma ofensa sem motivo...
Quando alguém comentar de modo desfavorável seu aspecto físico, não esquece de sorrir, porque apenas a beleza da alma é fundamental...
Quando uma doença atacar seu organismo, não esqueça de sorrir, porque Deus é um médico que sempre saberá- com justiça- o remédio adequado ou o dia da nossa partida...
Quando você for abatida por uma tristeza, não esqueça de sorrir, porque toda a tristeza foi motivada pela necessidade de melhorar nossas almas...
Quando você sentir que perdeu um amor, quero que saiba que o verdadeiro amor não se perde e nem se transforma, por isso não deve esquecer de sorrir...
Quando uma lágrima sair de seu olho, meus olhos abrirão as comportas para passagem de lágrimas sorridentes, pela alegria de saber que sua sensibilidade é capaz de transformar o mundo...
Quando alguém tocar seu coração com generosidade, saiba que estarei sorrindo, em algum lugar do Universo, porque a justiça divina estará sendo exercida...
Quando você estiver pensando que um problema não tem saida, eu estarei sorrindo, porque sei que seu maior problema sempre será a sede de fazer caridade...
Quando você achar que muitas coisas do mundo não são justas, eu estarei sorrindo, porque você estará iniciando seu tempo de amar ao próximo como a si mesma...
Quando você pensar que não sou amigo suficientemente pra amá-la, quero que saiba que apenas uma de suas palavras proferidas é capaz de despertar amor em qualquer coração petrificado, portanto, estarei sorrindo...
Quando você imaginar que a saudade causa dor, saiba que minha alma estará ao seu lado para representar a amizade desinteressada, por isso deverá sorrir...
Quando você quiser a minha amizade, deixarei de sorrir, porque mulheres com sua beleza da alma não merecem sequer perceber a pobreza de meus atos...
Quando você imaginar que meu espírito ficará pobre, vou lhe falar que já tenho os seguintes motivos para sorrir: conheço quase todas as belezas que existe em você, tenho seu carinho, tenho seus melhores pensamentos, sei que mulher como você tem beleza rara, por isso você jamais sairá da minha lembrança enquanto eu puder sorrir, pois em todo sorriso que eu oferecer ao mundo, sempre terá uma porção destinada ao seu coração...
Luis Gualter Cavalcante de Castro

ALEGRIA DE VIVER

ELA É MINHA AMIGA


Numa aldeia vietnamita, um orfanato dirigido por um grupo de missionários
foi atingido por um bombardeio.
Os missionários e duas crianças tiveram morte imediata e as restantes
ficaram gravemente feridas.
Entre elas, uma menina de oito anos, considerada em pior estado.
Era necessário chamar ajuda por um rádio e, ao fim de algum tempo, um
médico e uma enfermeira da Marinha dos EUA chegaram ao local.
Teriam que agir rapidamente, senão a menina morreria, devido aos
traumatismos e à perda de sangue.
Era urgente fazer uma transfusão, mas como?
Reuniram as crianças e, entre gesticulações, arranhadas no idioma,tentavam
explicar o que estava acontecendo e que precisariam de um voluntário para
doar o sangue.
Depois de um silêncio sepulcral, viu-se um braço magrinho levantar-se
timidamente.
Era um menino chamado Heng.
Ele foi preparado às pressas, ao lado da menina agonizante, e espetaram-lhe
uma agulha na veia.
Ele se mantinha quietinho e com o olhar fixo no teto.
Passado algum momento, ele deixou escapar um soluço e tapou o rosto com a
mão que estava livre.
O médico lhe perguntou se estava doendo, e ele negou. Mas não demorou muito
a soluçar de novo, contendo as lágrimas. O médico ficou preocupado e voltou
a lhe perguntar, e novamente ele negou.
Os soluços ocasionais deram lugar a um choro silencioso, mas ininterrupto.
Era evidente que alguma coisa estava errada.
Foi então que apareceu uma enfermeira vietnamita vinda de outra aldeia. O
médico pediu então que ela procurasse saber o que estava acontecendo com
Heng.
Com a voz meiga e doce, a enfermeira foi conversando com ele e explicando
algumas coisas. E o rostinho do menino foi se aliviando. Minutos depois ele
estava novamente tranqüilo.
A enfermeira então explicou aos americanos:
- Ele pensou que ia morrer, não tinha entendido o que vocês disseram e
estava achando que ia dar todo o seu sangue para a menina não morrer.
O médico aproximou-se dele e, com a ajuda da enfermeira, perguntou:
-Mas, se era assim, porque então que você se ofereceu a doar seu sangue
E o menino respondeu, simplesmente:
ELA É MINHA AMIGA...
AUTOR DESCONHECIDO

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

BÍBLIA: LUZ PARA SUA VIDA

Do outro lado da cerca




Há quanto tempo você está esperando a resposta de Deus para alguma coisa? E Ele ainda não respondeu e você se diz que é só ter paciência? Ou então você já perdeu a mesma, se dizendo que Deus te abandonou?

Ah, Deus nunca nos abandona!!!

Ele nos deu uma vida, uma personalidade, uma alma e deseja que sejamos pessoas ricas em possibilidades.

Habite numa casa que te foi oferecida e em uma que você constuiu, tijolo por tijolo, com suas próprias mãos e você vai sentir uma grande diferença.

Cada vitória que você alcança na história da sua vida, sua família, seus amigos, levará para sempre um pouco de você.

Você se orgulha quando seu filho começa a dar os primeiros passos, a dizer as primeiras palavras ou quando faz algo interessante pela primeira vez? E depois, quando grande, torna-se uma pessoa boa, madura e com condições de tocar o barco da vida? Assim é Deus conosco.

Faça, por favor, um resumo da sua vida, veja o que fez, por onde andou e o que viu, as oportunidades que teve, as que aproveitou e as que deixou passar.

Muitas e muitas vezes quando pensamos que Deus não nos respondeu, a resposta veio há muito, mas como não era a que esperávamos, preferimos ignorá-la, fechar os olhos e continuar esperando.

Há uma casa perto daqui que deve estar lá há muitos anos. Mas nunca tinha visto e um dia me surpreendi, como se ela tivesse aparecido de uma hora para outra. Certamente ela não foi plantada lá da noite para o dia, o que acontecia era que tinha uma grande cerca na frente que encobria completamente a visão.

Talvez com um pouquinho de tempo e olhos mais atentos, eu pudesse tê-la percebido antes. Mas a cerca estava lá e eu só via a cerca...

Assim é com Deus, com as coisas que pedimos, com as respostas que esperamos. Vemos o que está bem mais próximo e deixamos de olhar além, nos esquecemos dos detalhes, porque não foi colocado à nossa frente, de maneira clara e visível o que queríamos.

Vemos os tijolos, mas nos esquecemos de colocá-los um em cima do outro, sempre esperando e esperando que nossos sonhos se construam...

Deus não trabalha à nossa maneira, nem ao nosso ritmo e nem sob nosso querer.

Ele possui também seus detalhes e deseja que aprendamos a trabalhar com nossas mãos, que aprendamos a tirar a venda dos olhos, que abramos nosso coração. Ele nos ajuda, mas com nossa ajuda, nosso esforço, nossa parte de responsabilidade.

Dobrar os joelhos num quarto fechado é muito bom, mas laborar um campo que precisa de cultura é igualmente precioso.

Se Deus não mandou a chuva que você pediu, te deu forças nos braços para trabalhar e se alegrará por você que verá o fruto do próprio trabalho.

Trabalhe a terre, semeie, plante, espere a chuva... mas se ela não vier, regue você mesmo. E regue quantas vezes for necessário.

Há certamente do outro lado da cerca uma bela casa, com um lindo jardim, mas você nunca vai saber se não chegar perto o bastante, se a cerca não for tirada, se não aprender a olhar a vida com os olhos do coração.

Letícia Thompson

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Essa tal felicidade...



Procuramos a felicidade a cada momento de nossos dias. E sempre
a imaginamos como algo difícil de ser alcançado.
Vivemos uma vida e nunca acreditamos tê-la encontrado.
Ou, se a encontramos, muitas vezes sequer percebemos; e a
deixamos escapar por entre nossos dedos.
Reter a felicidade é como reter água em nossas mãos. Se fecharmos
com força as mãos, ela escapa. Mas, se relaxarmos os dedos,
poderemos conservá-la.
É preciso que aprendamos a identificá-la quando nos depararmos com ela.
Pois, a felicidade, nem sempre está nas grandes coisas, nos grandes momentos.
Ela, muitas vezes, se esconde na simplicidade do cotidiano;
num jardim florido, numa manhã de sol.
Procurar a felicidade é um direito de todos, mas, saber identificá-la é
quase que uma obrigação de cada um.

AUTOR DESCONHECIDO

ESPERANÇA

CAIXINHA DE PROMESSAS



Eu não afirmei que
apoiaria teus passos,
Mas dei-te discernimento
para escolher os teus caminhos.

Eu não te disse
que só terias alegrias,
Mas dei-te força
para superar as dores.

Eu não te prometi
riquezas materiais,
Mas dei-te potenciais
para alcançar a fortuna.

Eu não te garanti
familiares sempre dóceis e afáveis,
Mas coloquei em ti a exercitável tolerância.

Eu não te presenteei
com um mundo de paz,
Mas dei-te voz
para levá-la aos
quatro cantos dele.

Eu não falei que o egoísmo
não te abateria,
Mas dei-te o pão
para ser dividido.

Eu não te imunizei
contra vícios,
Mas dei-te competência
para escolher o que te beneficia.

Eu não reservei para ti
apenas fiéis amigos,
Mas pus em ti capacidades
de compreensão e de perdão.

Eu não te assegurei
que serias saudável sempre,
Mas te tangi com a Fé
que pode sanar os males.

Eu não bradei que protegeria
os teus pensamentos,
Mas deixei-te a inteligência para escolhê-los.

Eu não te dei garantias
de sucesso nem de fama,
Mas apliquei em ti talentos para alcançá-los.

Eu não declarei que
não terias decepções,
Mas dei-te o dom
de intuir suspeitas intenções.

Eu não te deixei a ilusão
de que todos te amariam:
Eu disse que EU te amaria
para sempre
e incondicionalmente.

Eu não te prometo
que terás tudo que posso dar-te,
Mas tudo te será dado
se antes tu fizeres
a tua parte.
JESUS
AUTOR DESCONHECIDO

Benditas sejam as mãos ...




Benditas sejam as mãos Que tecem os fios da vida...

Mãos que oram e pedem;

Mãos que oferecem guarida;

Mãos que aproximam E mãos que agradecem;

Mãos que a dor aliviam E mãos que curam feridas;

Mãos que aplaudem E mãos que acariciam;

Mãos que escrevem sábios dizeres E mãos que pintam poesia;

Mãos que tocam as cordas Sensíveis do coração;

Mãos que trabalham e suam,

Mãos que plantam o trigo,

Mãos que fazem o pão...

Benditas sejam, ó mãos, que regem A grande orquestra da Vida!

Alencar Medeiros

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

PALAVRA DE DEUS,LUZ PARA SEU COMINHO

Dialogando com Deus...



Na beleza de uma flor, existe uma partícula oculta da expressão de Deus.

Muitas vezes buscamos no interior dos templos de pedra, através de uma prece ou de uma oração, aliviar nossa aflição, ou ainda pedir ajuda, para acalmar o nosso já sofrido coração.

Se buscarmos entender a voz oculta de uma flor, ouviremos a voz de Deus e com Ele podemos conversar.

Sim, digo-lhe que com Ele podemos conversar.

A flor é apenas a intermediária, a interprete de sua voz.

No diálogo com Deus através de uma flor, não é necessário que haja sons vocálicos, basta apenas irmos calmos ao interior do nosso coração, onde existe uma extensa plantação de amor, cultivada e germinada e nascida na quietude de nossa emoção.
Quando lá chegarmos, se abrirá a porta secreta da plantação do amor, então ouviremos a voz de Deus a nos dizer:

Vem alma minha, conhece teu criador, dou-me a conhecer a ti, através de uma flor.

Descansa em mim tua aflição, do coração extirparei a tua dor.

Vem que eu sou o invisível, sempre terno e eterno amor.

Vem comigo conversar através de uma flor, vem dialogar com teu eterno salvador.

Vem que eu estou a te esperar...

Vem que eu vou te ensinar o que é amar e aliviar a tua dor com o meu intenso amor.
Edmen

Descobrindo a vontade de Deus



Ceder: Precisamos ceder, ou dar lugar ao propósito de Deus na nossa vida. Uma vontade que não se rende é o mais sério de todos os obstáculos para se descobrir a vontade de Deus. Deus não revela a sua vontade a quem não está disposto a acreditar nela.

Orar: Entregar com desconfiança, não é suficiente. É preciso esperar em oração e ser sustentado por ela. "Pedi e dar-se-vos-á", Jesus ensinou.

Falar: Não devemos tomar todas as nossas decisões sozinhos, pois "com os que se aconselham se acha a sabedoria" Pv 13.10. Portanto devemos ser humildes o suficiente para falar uns com os outros.

Pensar: Deus também nos guia por meio da mente que nos deu e que nos possibilita pesar cuidadosamente, em cada situação, os prós e os contras.

Esperar: É um erro apressar-se e ficar impaciente com Deus. Ele levou oitenta anos preparando Moisés para o trabalho de sua vida. Penso que o que Deus disse a José e Maria ao enviá-los ao Egito com o menino Jesus serve também para nós: "Permanece lá até que eu te avise" Mt 2:13. Em minha experiência cometem-se muito mais erros por causa de precipitação do que de protelação.
Salmos 40:2
“Também me tirou duma cova de destruição, dum charco de lodo; pôs os meus pés sobre uma rocha, firmou os meus passos.”


Neste verso do Salmo 40, seu autor atribui ao Senhor Deus o livramento de uma condição de insegurança, de horror, de perigo de morte, de iminência de destruição total.

O salmista estaria passando por uma situação de risco, sem conseguir sair dela por si mesmo, pois estava num “charco de lodo”, num “tremedal de lama”, como que em areia movediça, terreno em que os pés se afundam e vão gradativamente se prendendo mais e mais, situação em que os problemas vão se agravando um após outro e, se não houver um socorro externo, de alguém, não há chances nem esperança de salvar-se.

O verdadeiro cristão atribui somente a Deus todas as boas dádivas, incluindo entre elas o socorro e o livramento de situações em que não vislumbra qualquer saída ou solução, ainda quando esse socorro e livramento vêem através de pessoas que sequer temem a Deus.

E há situações nas quais não conseguimos ver como passaremos por elas e continuaremos a viver, mas para o Senhor Deus, Todo Poderoso, não há impossíveis: “Respondeu-lhes: As coisas que são impossíveis aos homens são possíveis a Deus.” (Lucas 18:27)

Mas nosso Deus, além de nos dar o socorro e o livramento, também coloca nossos pés sobre uma rocha e firma os nossos passos, isto é, coloca-nos em terreno firme, nos dá segurança, estabilidade interior no meio das incertezas desta vida, de forma que conseguimos superar a dificílima situação, saindo do outro lado fortalecidos em Deus, sabendo cada vez mais que Ele jamais nos abandona.

“Quando passares pelas águas, eu serei contigo; quando pelos rios, eles não te submergirão; quando passares pelo fogo, não te queimarás, nem a chama arderá em ti.” Isaías 43:2
AUTOR DESCONHECIDO

terça-feira, 22 de setembro de 2009

QUER SER SÁBIO, PEÇA A DEUS SABEDORIA

A viagem



Dia desses, li um livro que comparava a vida a uma viagem de trem.
Uma comparação, extremamente interessante, quando bem interpretada.
Interessante, porque nossa vida é como uma viagem de trem,
cheia de embarques e desembarques, de pequenos acidentes pelo
caminho, de surpresas agradáveis com alguns embarques
e de tristezas com os desembarques...
Quando nascemos, ao embarcarmos nesse trem,
encontramos duas pessoas que, acreditamos que farão conosco
a viagem até o fim:
”nossos pais”.
Não é verdade.
Infelizmente, em alguma estação eles desembarcam,
deixando-nos órfãos de seus carinhos, proteção, amor e afeto.
Mas isso não impede que, durante a viagem,
embarquem pessoas interessantes que virão a ser especiais para nós:
nossos irmãos, amigos e amores.
Muitas pessoas tomam esse trem a passeio.
Outras fazem a viagem experimentando somente tristezas.
E no trem há, também, outras que passam
de vagão em vagão, prontas para ajudar quem precisa.
Muitas descem e deixam saudades eternas.
Outros tantos viajam no trem de tal forma que,
quando desocupam seus assentos,
ninguém sequer percebe.
Curioso é considerar que alguns passageiros que nos são tão caros
acomodam-se em vagões diferentes do nosso.
Isso nos obriga a fazer essa viagem serparados deles. Mas isso
não nos impede de, com grande dificuldade,
atravessarmos nosso vagão e chegarmos até eles.
O difícil é aceitarmos que não podemos sentar ao seu lado,
pois, outra pessoa estará ocupando esse lugar.
Essa viagem é assim:
cheia de atropelos, sonhos, fantasias, esperas,
embarques e desembarques.
Sabemos que esse trem jamais volta.
Façamos essa viagem da melhor maneira possível,
tentando manter um bom relacionamento com todos,
procurando em cada um o que tem de melhor, lembrando sempre que,
em algum momento do trajeto poderão fraquejar, e, provavelmente,
precisaremos entender isso.
Nós mesmos fraquejamos algumas vezes.
E, certamente, alguém nos entenderá.
O grande mistério é que não sabemos em qual parada desceremos.
E fico pensando:
quando eu descer desse trem sentirei saudades?
Sim.
Deixar meus filhos viajando sozinhos será muito triste. Separar-me
dos amigos que nele fiz, do amor da minha vida, será para mim dolorido.
Mas me agarro na esperança de que, em algum momento, estarei na
estação principal, e terei a emoção de vê-los chegar com sua bagagem,
que não tinham quando embarcaram.
E o que me deixará feliz é saber que, de alguma forma, eu colaborei para
que essa bagagem tenha crescido e se tornado valiosa.
Agora, nesse momento, o trem diminui sua velocidade para que
embarquem e desembarquem pessoas.
Minha expectativa aumenta, à medida que o trem vai diminuindo
sua velocidade...
Quem entrará? Quem sairá?
Eu gostaria que você pensasse no desembarque do trem,
não só como a representação da morte, mas, também, como o término
de uma história, de algo que duas ou mais pessoas construíram e que,
por um motivo ínfimo, deixaram desmoronar.
Fico feliz em perceber que certas pessoas como nós, têm a capacidade
de reconstruir para recomeçar.
Isso é sinal de garra e de luta, é saber viver,é tirar o melhor de
”todos os passageiros”.
Agradeço muito por você fazer parte da minha viagem, e por mais
que nossos assentos não estejam lado a lado,
com certeza, o vagão é o mesmo.
AUTOR DESCONHECIDO

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

A PALAVRA DE DEUS É VIVA.

PARA REFLETIR


Se pudéssemos ter consciência
do quanto nossa vida é efêmera,
talvez pensássemos duas vezes
antes de jogar fora as oportunidades que temos
de ser e de fazer os outros felizes...
Muitas flores são colhidas cedo demais.
Algumas, mesmo ainda em botão!!!
Há sementes que nunca brotam
e há aquelas flores que vivem a vida inteitra
até que, pétala por pétala, tranqüilas, vividas,
se entregam ao vento...
Mas a gente não sabe adivinhar...
A gente não sabe por quanto tempo
estará enfeitando esse Éden
e tampouco aquelas flores que foram plantadas
ao nosso redor...
E descuidamos.
Cuidamos pouco. De nós, dos outros...
Entristecemo-nos por coisas pequenas
e perdemos minutos e horas preciosas...
Perdemos dias, às vezes anos...
Calamo-nos quando deveríamos falar
e falamos demais quando deveríamos ficar em silêncio...
Não damos o abraço que tanto nossa alma pede
porque algo em nós impede essa aproximação...
Não damos um beijo carinhoso
"porque não estamos acostumados com isso"...
E não dizemos que gostamos
porque achamos que o outro
sabe automaticamente o que sentimos.
E passa a noite e chega o dia,
o Sol nasce e adormece e continuamos os mesmos,
fechados em nós!!!
Reclamamos do que não temos,
ou achamos que não temos o suficiente.
Cobramos...
Dos outros, da vida, de nós mesmos...
Consumimo-nos.
Costumamos comparar nossas vidas
com as daqueles que possuem mais que a gente.
E se experimentássemos comparar
com aqueles que possuem menos?
Isso faria uma grande diferença...
E o tempo passa...
Passamos pela vida, não vivemos...
Sobrevivemos, porque não sabemos fazer outra coisa...
Até que, inesperadamente,
acordamos e olhamos para trás...
E então nos perguntamos: e agora?
Agora, hoje, ainda é tempo de reconstruir alguma coisa,
de dar o abraço amigo...
de dizer uma palavra carinhosa...
de agradecer pelo que temos...
Nunca se é velho demais ou jovem demais para amar,
dizer uma palavra gentil ou fazer um gesto carinhoso...
Não olhe para trás...
O que passou, passou...
O que perdemos, perdemos...
Olhe para frente...
Ainda é tempo de apreciar as flores
que estão inteiras ao nosso redor...
Ainda é tempo de voltar-se para Deus e agradecer pela vida,
que mesmo efêmera, ainda está em nós...
Pense!!!
Não o perca mais!!!

(Autor desconhecido)

Para refletir...


Tudo coopera para o bem dos que amam a Deus, esta é uma verdade que você jamais deve esquecer.

As suas dificuldades, os tropeços, os problemas, os erros são, no fundo, os maiores agentes de seu progresso, sem eles, você não exercita a força de vontade, fica estagnado.

Benditas as suas dificuldades, através delas, você se esclarece, dinamiza-se, aumenta a fé em Deus, descobre a força que possui.

Por isso, louve a Deus, tudo agradeça, trabalhe confiante.

Os bens da vida se multiplicam naqueles que amam.
Lourival Lopes

domingo, 20 de setembro de 2009

PALAVRA DE DEUS LUZ PARA SUA VIDA

A caixinha...



Há certo tempo atrás, um homem castigou sua filhinha de 3 anos por desperdiçar um rolo de papel de presente dourado.

O dinheiro andava escasso naqueles dias, razão pela qual o homem ficou furioso ao ver a menina envolvendo uma caixinha com aquele papel dourado e colocá-la debaixo da árvore de Natal.

Apesar de tudo, na manhã seguinte, a menininha levou o presente a seu pai e disse :

"Isto é pra você, paizinho !".

Ele sentiu-se envergonhado da sua furiosa reação, mas voltou a "explodir" quando viu que a caixa estava vazia.

Gritou, dizendo :

"Você não sabe que quando se dá um presente a alguém, a gente coloca alguma coisa dentro da caixa ?
A pequena menina olhou para cima com lágrima nos olhos e disse:

"Oh, Paizinho, não está vazia, eu soprei beijos dentro da caixa, todos para você, Papai."

O pai quase morreu de vergonha, abraçou a menina e suplicou que ela o perdoasse.

Dizem que o homem guardou a caixa dourada ao lado de sua cama por anos e sempre que se sentia triste, chateado, deprimido, ele tomava da caixa um beijo imaginário e recordava o amor que sua filha havia posto ali.

De uma forma simples, mas sensível, cada um de nós humanos temos recebido uma caixinha dourada, cheia de amor incondicional e beijos daqueles que nos amam.
AUTOR DESCONHECIDO

Reflexão



Diz a lenda que o Senhor, após criar o homem e não tendo mais nada sólido para construir a mulher, tomou um punhado de ingredientes delicados e contraditórios, tais como timidez e ousadia, ciúme e ternura, paixão e ódio, paciência e ansiedade, alegria e tristeza e assim fez a mulher e a entregou ao homem como sua companheira. Após uma semana, o homem voltou e disse: -Senhor, a criatura que você me deu faz a minha vida infeliz. Ela fala sem cessar e me atormenta de tal maneira que nem tenho tempo para descansar. Ela insiste em que lhe dê atençao o dia inteiro... e assim as minhas horas sao desperdiçadas. Ela chora por qualquer motivo. Facilmente fica emburrada e fica às vezes muito tempo ociosa. Vim devolvê-la porque não posso viver com ela. Depois de uma semana o homem voltou ao Criador e disse: -Senhor, minha vida é tão vazia desde que eu trouxe aquela criatura de volta! Eu sempre penso nela: em como ela dançava e cantava, como era graciosa, como me olhava, como conversava comigo e como se achegava a mim. Ela era agradável de se ver e de se acariciar. Eu gostava de ouvi-la rir. Por favor, dê-me de volta. -Está bem, disse o Criador. E a devolveu. Mas, três dias depois, o homem voltou e disse: -Senhor, eu não sei. Eu não consigo explicar, mas depois de toda esta minha experiência com esta criatura, cheguei à conclusão que ela me causa mais problemas do que prazer. Peço-lhe, tomá-la de novo! Não consigo viver com ela! O Criador respondeu: Mas também não pode viver sem ela. E virou as costas para o homem e continuou o seu trabalho. O homem desesperado disse: -Como é que eu vou fazer? Não consigo viver com ela e não consigo viver sem ela. E arremata o Criador: Achei que, com as tentativas, você já tivesse descoberto: Amor é um sentimento a ser aprendido: É tensão e satisfação. É desejo e hostilidade. É alegria e dor. Um não existe sem o outro. A felicidade é apenas uma parte integrante do amor. Isto é o que deve ser aprendido. O sofrimento também pertence ao amor. Este é o grande mistério do amor. A sua própria beleza e o seu próprio fardo. Em todo o esforço que se realiza para o aprendizado do amor é preciso considerar sempre a doação e o sacrifício ao lado da satisfação e da alegria. A pessoa terá sempre que abdicar alguma coisa para possuir ou ganhar uma outra coisa. Terá que desembolsar algo para obter um bem maior e melhor para sua felicidade. É como plantar uma árvore frente a uma janela. Ganha sombra, mas perde uma parte da paisagem. Troca o silêncio pelo gorjeio da passarada ao amanhecer. É preciso considerar tudo isto quando nos dispomos a enfrentar o aprendizado do amor.
AUTOR DESCONHECIDO

sábado, 19 de setembro de 2009

BÍBLIA:A PALAVRA QUE PRODUZ VIDA

Jesus, o amigo forte


É bom ter um amigo
Alguém para brincar e dar risada.
Às vezes precisamos de um amigo muito forte.
Quando temos coisa difícil para fazer.
Quando estamos com medo ou estamos doentes.
Quando ficamos tristes porque fizemos alguma coisa errada.
Onde achar um amigo forte?

Jesus pode ser seu amigo
Jesus não quer ver as crianças sofrendo.
Jesus ama a todas as crianças.
E Ele quer ficar junto das crianças para ser
o maior amigo.
Você pode falar sempre com Ele.
Conte tudo que está no seu coração.
Ele vai te ajudar.

Veja o que Jesus disse:
“Deixai vir a mim os meninos, e não os impeçais, porque dos tais é o reino de Deus.” (Lucas 18:16)

Jesus pode ser seu amigo agora
Feche os olhos e fale com Ele.
Fale o que você quiser.
Falou? Pronto, agora, Jesus é o seu
amigo forte.
Ande sempre com Ele.
AUTOR DESCONHECIDO

Deus existe?



- A história da Páscoa é um mito, dizia o professor de ciências de uma escola a seus alunos, alguns dias antes da Páscoa. Jesus não saiu do túmulo," continuou, "mas, primeiramente, não existe nenhum Deus no céu que possa permitir que seu filho seja crucificado.
- Senhor, eu acredito em Deus", Jimmy protestou. "E eu acredito que ele ressuscitou!"

- Jimmy, você pode acreditar no que você quiser, é claro, o professor respondeu. Porém, no mundo real não existe a possibilidade de tais milagres, como a ressurreição. Ninguém que acredite em milagres pode respeitar a ciência.
- Deus não é limitado pela ciência, Jimmy respondeu. Ele criou a ciência!

Incomodado com o modo como Jimmy defendia sua fé, o professor propôs um experimento cientifico. Foi até a geladeira e pegou um ovo de galinha.
- Eu vou deixar este ovo cair no chão, começou o professor. A gravidade vai fazer com que ele caia no chão e se despedace.

Olhando fixamente para Jimmy, ele continuou:
- Agora, Jimmy, eu quero que você faça uma oração e peça ao seu deus para que quando eu soltar este ovo ele não caia no chão e se quebre. E se ele conseguir fazer isto, você terá provado que Deus existe, e eu terei que admitir isso.

Após pensar por um momento sobre o desafio, Jimmy lentamente começou sua oração.
- Querido Pai celeste, eu peço que quando o meu professor soltar este ovo ... ele caia no chão e se quebre em uma centena de pedaços! E também, Senhor, eu peço que quando este ovo quebrar, meu professor tenha um ataque cardíaco fulminante e morra. Amém.

Após os cochichos da classe, veio um silêncio fúnebre.
Por um momento o professor não fez nada. E por fim ele olhou
para o Jimmy e depois para o ovo. E, sem dar uma palavra, ele cuidadosamente devolveu o ovo na geladeira.
- A aula acabou, disse o professor enquanto pegava suas coisas.

O professor aparentemente acreditava mais em Deus do que ele mesmo imaginava.

Muitas pessoas são como este professor, negam que Deus existe, mas correm para ele nos momentos difíceis. Porém questionam, e o atacam todas as vezes que tem chance. Jimmy sabia que Deus não iria matar o seu professor naquele momento, mas também sabia que seu professor não apostaria sua vida por um ovo.

Quando sua vida está em jogo a idéia de que Deus existe parece fazer mais sentido.
AUTOR DESCONHECIDO

Deus está no controle de tudo


Mesmo que a resposta não parece ser boa, pode ter certeza que Deus te deu o melhor que tinha para você
Emy era uma linda menina de 3 aninhos de idade...Ela morava em algum lugar dos EUA, em frente ao mar. Sua família era cristã e eles iam todos os domingos à igreja e realizavam o culto doméstico...Emy era muito feliz!

Ela amava sua família e admirava os olhos azuis de seu pai, sua mãe e seus irmãos... Todos na casa de Emy tinham olhos azuis...todos...MENOS... Emy!

O sonho de Emy era ter olhos azuis como o mar...Ah! Como Emy desejava isso!!!!

Um dia, na escola dominical, ouviu a "tia" dizer: "DEUS RESPONDE A TODAS AS ORAÇÕES!" Emy passou o dia todo pensando nisso...à noite, na hora de dormir, ajoelhou ao lado da sua cama e orou: "Papai do Céu, muito obrigada porque você criou o mar que é tão bonito! Muito obrigada pela minha família. Muito obrigada pela minha vida! Gosto muito de todas as coisas que você fez e faz! Mas...gostaria de pedir...por favor...quando eu acordar amanhã, quero ter olhos azuis como os da mamãe ! Em nome de Jesus, amém."

Ela teve fé. A fé pura e verdadeira de uma criança. E, ao acordar, no dia seguinte, correu para o espelho. Olhou...e qual era a cor de seus olhos?...CONTINUAVAM CASTANHOS !!

Por que Deus não ouviu Emy? Por que não atendeu ao seu pedido? Isso teria fortalecido sua fé? Bem...naquele dia, Emy aprendeu que um NÃO também era resposta ! A menininha agradeceu a Deus do mesmo modo... mas... não entendia...só confiava.

Anos depois, Emy foi ser missionária na Índia. Ela "comprava crianças para Deus" (as crianças eram vendidas por suas famílias - que passavam fome - para serem sacrificadas no templo, e Emy as "comprava" para libertá-las desse sacrifício).

Para poder entrar nos "templos" da Índia, sem ser reconhecida como estrangeira, precisou se disfarçar de indiana; passou pó de café na pele, cobriu os cabelos, vestiu-se como as mulheres do local e entrava livremente nos locais de venda de crianças.Emy podia caminhar tranqüila em todo mercado infantil", pois aparentava ser uma indiana.

Um dia, uma amiga missionária olhou para ela disfarçada e disse: Puxa, Emy! Você já pensou como você faria para se disfarçar se tivesse olhos claros como os de todos da sua família ? Que Deus inteligente nós servimos!...Ele lhe deu olhos bem escuros, pois sabia que isso seria essencial para a missão que lhe confiaria depois !!!"

Essa amiga não sabia o quanto Emy havia chorado na infância por não ter olhos azuis...Emy pôde, enfim, entender o porquê daquele não de Deus há tantos anos.

Bem...o que eu queria dizer com essa longa e bonita história ?

Apenas dizer que DEUS ESTÁ NO CONTROLE DE TUDO!!!

Ele conhece cada lágrima que já rolou do canto dos seus olhos...

Ele sabe que, talvez, você quisesse olhos de outra cor...

Ele ouve, sim, TODAS as orações...

Mas Ele as responde de modo sábio!

DEUS TEM O CONTROLE DE TUDO!!!
AUTOR DESCONHECIDO

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

COM A BÍBLIA EU APRENDO A ESCUTAR O QUE DEUS QUER ME FALAR

...A coruja e a águia...


Conta uma fábula portuguesa que a
coruja encontrou a águia, e disse-lhe:

- Oh águia, se vires uns passarinhos muito lindos em um ninho, com uns biquinhos muito bem feitos, olha lá não os coma, que são os meus filhos!

A águia prometeu-lhe que não os comeria; foi voando e encontrou numa árvore um ninho, e comeu todos filhotes.

Quando a coruja chegou e viu que lhe tinham comido os filhos, foi ter com a águia, muito aflita:

- Oh águia, tu foste-me falsa, porque prometeste que não me comias meus filhinhos, e mataste-os todos!


Diz a águia:

- Eu encontrei uns pássaros pequenos num ninho, todos depenados, sem bico, e com os olhos tapados, e comi-os; e como tu me disseste que os teus filhos eram muito lindos e tinham os biquinhos bem feitos entendi que não eram esses.

- Pois eram esses mesmos, disse a coruja.

- Pois então queixa-te de ti, que é que me enganaste com a tua cegueira.

Essa fábula é atribuída ao surgimento da expressão "Mãe Coruja", pois aos olhos das mães, os filhos são sempre perfeitos e lindos, o coração de uma mãe é o lugar mais seguro do mundo e se precisar até sangra por um filho.
Autor desconhecido

Um Grande espetáculo...


Durante a noite toda
a chuva caiu do céu,
lavando a terra,
carregando sementes
que com certeza
vão germinar e florescer
nas margens dos rios.

De manhã o sol apareceu timidamente
para dar brilho a uma aquarela de cores
que cortava o céu de norte a sul...

Um grandioso espetáculo da natureza
está provando que depois da tempestade
vem a bonança.

Quem viu o dia amanhecer colorido,
a terra lavada, as flores se abrindo,
sentiu a presença de Deus,
de um Deus que está presente em tudo
e sabe exatamente onde montar
o seu espetáculo.

A natureza é o nosso Deus vivo!

Esse cheiro de terra molhada entrando
pela minha janela, esse arco-íris tingindo o céu
me faz acreditar que a vida é sobrenatural,
ultrapassa os poderes da natureza...
e temos de agradecer por ela,

Minuto a Minuto.

Olimpiadas de seattle




Há alguns anos atrás, nas Olimpíadas Especiais de Seattle, nove participantes, todos com deficiência mental ou física, alinharam-se para largada da corrida dos 100 metros rasos.
Ao sinal, todos partiram, não exatamente em disparada, mas com vontade de dar o melhor de si, terminar a corrida e ganhar.

Todos, com exceção de um garoto, que tropeçou no asfalto, caiu rolando e começou a chorar.
Os outros oito ouviram o choro. Diminuíram o passo e olharam para trás. Então eles viraram e voltaram. Todos eles.
Uma das meninas, com Síndrome de Down, ajoelhou, deu um beijo no garoto e disse:
"Pronto, agora vai sarar".


E todos os nove competidores deram os braços e andaram juntos até a linha de chegada.
O estádio inteiro levantou e os aplausos duraram muitos minutos. E as pessoas que estavam ali, naquele dia, continuam repetindo essa história até hoje.

Talvez os atletas fossem deficientes mentais... Mas, com certeza, não eram deficientes da sensibilidade... Por que? Porque, lá no fundo, todos nós sabemos que o que importa nesta vida é mais do que ganhar sozinho.

O que importa nesta vida é ajudar os outros a vencer, mesmo que isso signifique diminuir o passo e mudar de curso.

Autor desconhecido

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

NINGUÉM VIVE SEM A PALAVRA DE DEUS

Onde Deus quer que estejamos.



Como é difícil sabermos onde Deus quer que estejamos, quais os caminhos a trilhar. Muitas vezes os anseios, desejos, projetos que idealizamos, apesar de perfeitos perante os mandamentos de Deus, muitas vezes não é a Sua vontade. E como é difícil muitas vezes chegarmos a essa compreensão, a esse entendimento. Achamos que se estamos andando na justiça de Deus, todos os nossos projetos serão abençoados, porém, não é essa a regra, e enquanto seres humanos, apesar de espirituais, é difícil muitas vezes entendermos o porque que algo ``as vezes tão perfeito não se realiza, algo tão buscado, tão trabalhado.Essa perfeição está somente para os nossos olhos, mas não para os olhos de Deus. Se Deus impede alguma realização, algum sonho nosso, é porque de alguma forma isso nos traria infelicidade, insatisfação, ou então, poderá até trazer realização financeira, por exemplo, mas com certeza será um projeto que irá nos afastar da Presença de Deus, e ele não nos quer longe, assim como um pai zeloso não quer ver o seu filho longe de si.Se algo na tua vida não ocorreu, não se formatou da maneira que projetás-te, não se entristeça porque Deus tem sempre algo muito melhor para aqueles que o amam, e não será diferente com você. Hoje poderá ser difícil de entender, mas com certeza à frente você entenderá os propósitos de Deus.Oração: Amado Deus, em nome de Jesus, eu te peço Senhor que me ensine a reconhecer a tua vontade para a minha vida, entender os teus propósitos e aceitá-los, sempre na certeza de que o Senhor tem o melhor para a minha vida, pois a tua Palavra diz:"Vós os que temeis ao Senhor, confiai no Senhor; ele é seu auxílio e seu escudo"Sl115:11. Obrigada Senhor, pela tua Presença na minha vida, nada sou sem o teu amor e a tua misericórdia.
AUTOR DESCONHECIDO

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

TODA PALAVRA DE DEUS É PURA.

DEFICIÊNCIAS



'Deficiente' é aquele que não consegue modificar sua vida, aceitando as imposições de outras pessoas ou da sociedade em que vive, sem ter consciência de que é dono do seu destino. 'Louco' é quem não procura ser feliz com o que possui. 'Cego' é aquele que não vê seu próximo morrer de frio, de fome, de miséria, e só tem olhos para seus míseros problemas e pequenas dores. 'Surdo' é aquele que não tem tempo de ouvir um desabafo de um amigo, ou o apelo de um irmão. Pois está sempre apressado para o trabalho e quer garantir seus tostões no fim do mês. 'Mudo' é aquele que não consegue falar o que sente e se esconde por trás da máscara da hipocrisia. 'Paralítico' é quem não consegue andar na direção daqueles que precisam de sua ajuda. 'Diabético' é quem não consegue ser doce. 'Anão' é quem não sabe deixar o amor crescer. E, finalmente, a pior das deficiências é ser miserável, pois: 'Miseráveis' são todos que não conseguem falar com Deus. ' A amizade é um amor que nunca morre. '

Mário Quintana

terça-feira, 15 de setembro de 2009