sexta-feira, 30 de abril de 2010

FIM DA HISTORIA



Marcos 15 (42-47)

42 ¶ E, chegada a tarde, porquanto era o dia da preparação, isto é, a véspera do sábado,
43 Chegou José de Arimatéia, senador honrado, que também esperava o reino de Deus, e ousadamente foi a Pilatos, e pediu o corpo de Jesus.
44 E Pilatos se maravilhou de que já estivesse morto. E, chamando o centurião, perguntou-lhe se já havia muito que tinha morrido.
45 E, tendo-se certificado pelo centurião, deu o corpo a José;
46 O qual comprara um lençol fino, e, tirando-o da cruz, o envolveu nele, e o depositou num sepulcro lavrado numa rocha; e revolveu uma pedra para a porta do sepulcro.
47 E Maria Madalena e Maria, mãe de José, observavam onde o punham.

Segurando Sua Mão


Uma das alegrias de estar com crianças é segurar as suas mãos. Nós o fazemos para que estejam seguras quando atravessamos a rua ou para que não se percam numa multidão. E sempre que tropeçam e escorregam, nós agarramos suas pequeninas mãos com mais firmeza para evitar que caiam.
É isso o que Deus faz conosco. É inevitável que haja pedras e rachaduras que nos fazem tropeçar nas calçadas da vida. É por isso que podemos nos identificar facilmente com o salmista quando diz: "Quanto a mim, os meus pés quase tropeçaram" (Salmo 73:2).
Todos nós enfrentamos uma variedade de questões que ameaçam nos fazer tropeçar. Para o salmista Asafe, ver a prosperidade dos perversos fez com que ele questionasse a bondade de Deus. Mas Deus apertou a sua mão e assegurou-lhe que, segundo o julgamento de Deus, os perversos na realidade não prosperam. O salmista descobriu que verdadeira prosperidade se encontrava no fato de que Deus sempre estava com ele: "… tomas a minha mão direita e me susténs" (Salmo 73:23). E além disso, Deus lembrou-o que também o guiaria pela vida e por fim lhe daria as boas-vindas no lar celestial (Salmo 73:24). Como isso é bom!
Assim, da próxima vez que você tropeçar, lembre-se que a mão poderosa de Deus está segurando a sua mão e conduzindo-o pela vida – todo o caminho até o céu!
AUTOR DESCONHECIDO

Saudade...


Um dia a maioria de nós ira se separar.
Sentiremos saudades de todas as
conversas jogadas fora,
das descobertas que fizemos, dos sonhos que tivemos,
dos tantos risos e momentos que compartilhamos.
Saudades até dos momentos de lágrimas, da angústia,
vésperas de finais de semana, de finais de ano.
Enfim... do companheirismo vivido.
Em breve cada um vai pra seu lado, seja pelo destino, ou
por algum desentendimento, segue a tua vida.
Talvez continuemos a nos encontrar.
Quem sabe, nos e-mails trocados...
Podemos nos telefonar, conversar algumas bobagens...
Passarão dias, meses, anos... até este contato se tornar mais raro.
Vamos nos perder no tempo...
Um dia nossos filhos verão aquelas fotografias e perguntarão:
Quem são aquelas pessoas?
Diremos que eram nossos amigos.
E isso vai doer tanto...
A saudade vai apertar bem dentro do peito.
Vai dar uma vontade de ligar, ouvir aquelas vozes novamente...
Quando o nosso grupo estiver incompleto... nos reuniremos para um
último adeus de um amigo.
E, entre lágrimas nos abraçaremos.
Faremos promessas de nos encontrar mais vezes daquele dia em diante.
Por fim, cada um vai para o seu lado para continuar a viver a sua vida isolada do passado.
E nos perderemos no tempo mais uma vez.
Por isso, fica aqui um pedido deste humilde amigo:
“Não deixe que a vida passe em branco e que pequenas adversidades
sejam a causa de grandes tempestades...”
Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos
todos os seus amores, mas, enlouqueceria se morressem todos os meus amigos”

Vinicius de Morais

quinta-feira, 29 de abril de 2010

JESUS É FILHO DE DEUS


Marcos 15 (33-41)
33 ¶ E, chegada a hora sexta, houve trevas sobre toda a terra até a hora nona.
34 E, à hora nona, Jesus exclamou com grande voz, dizendo: Eloí, Eloí, lamá sabactâni? que, traduzido, é: Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?
35 E alguns dos que ali estavam, ouvindo isto, diziam: Eis que chama por Elias.
36 E um deles correu a embeber uma esponja em vinagre e, pondo-a numa cana, deu-lho a beber, dizendo: Deixai, vejamos se virá Elias tirá-lo.
37 E Jesus, dando um grande brado, expirou.
38 E o véu do templo se rasgou em dois, de alto a baixo.
39 E o centurião, que estava defronte dele, vendo que assim clamando expirara, disse: Verdadeiramente este homem era o Filho de Deus.
40 E também ali estavam algumas mulheres, olhando de longe, entre as quais também Maria Madalena, e Maria, mãe de Tiago, o menor, e de José, e Salomé;
41 As quais também o seguiam, e o serviam, quando estava na Galiléia; e muitas outras, que tinham subido com ele a Jerusalém.

Saibamos Ouvir


Uma alta funcionária de uma grande empresa e que conseguiu ser vitoriosa na área profissional disse:

“Ouvir na sala de reunião pode levar você à vitória”.

Realmente. Sabemos pela experiência que os melhores médicos, engenheiros, advogados, juízes, etc são os que ouviram melhor na sala de aula.

Ouvir bem é uma arte que todos nós precisamos aprender, isto em todas as áreas da vida.

Devemos estar atentos àquilo que nos ergue, que nos edifica, que nos anima, que nos transforma.

Se ouvir na área profissional nos faz tão bem, imagine se soubermos ouvir aquilo que vem de Deus.

Escute o que Deus tem a dizer, valorizando a leitura da Bíblia e as mensagens que de várias maneiras chegam até você a cada novo dia.

(Pr. Edilson Ramos)

SAIA DETRÁS DA ÁRVORE


Para sobreviver na floresta você terá que lutar.

Escondendo-se atrás de uma árvore, certamente você estará liquidado.

Os vitoriosos serão aqueles que descobriram a trilha; antes, encontrarão o caminho e finalmente estarão salvos.

Você sabia que a árvore, a trilha e a floresta são você mesmo?

Sendo egoístas, tímidos, inibidos e complexados, isto significa que estamos nos escondendo dentro de nós mesmos, como no exemplo acima, atrás da árvore.

E nessa situação seremos infelizes e faremos todos aqueles com quem convivemos.

Ao sairmos detrás da árvore, à procura da trilha, sabemos que será uma tarefa difícil, mas não impossível: precisaremos de um pouco de coragem e otimismo para o primeiro passo, mas se atentarmos que estamos irremediavelmente perdidos continuando escondido atrás da árvore, a solução real é procurar a trilha.

Como faremos?

Com um pouco de boa vontade iremos descobrir que existem muitas pessoas que querem nos ajudar, - o que será realmente uma surpresa, pois pensávamos que essas pessoas não existissem - iremos verificar que existem muitos fatos e coisas contribuindo para que a nossa caminhada seja agradável.

Na trilha aprenderemos o significado das coisas e das palavras e nos libertaremos: das palavras aprenderemos o que elas realmente exprimem e nos elucidaremos. Descobriremos a transitoriedade e a efemeridade das coisas e à medida que vamos tomando conhecimento de tudo isso, muito antes do final da trilha, começaremos a nos sentir felizes.

Descobriremos que a floresta (de pedra e cimento armado, na realidade) não é ruim e má como sempre imaginamos e ao percorrermos a trilha aprenderemos que a floresta irá melhorar, porque nós melhoramos e vamos envidar os nossos esforços para que ela seja cada vez melhor.

Na trilha descobriremos a prática de hábitos saudáveis, aprenderemos que a neurose é o resultado da inibição dos impulsos naturais, descobriremos, enfim, que enquanto estávamos escondidos atrás da árvore prejudicávamos a nossa felicidade.

Descobriremos que não teremos mais receios ao tomarmos decisões, amaremos ao próximo como a nós mesmos, compreenderemos os bem informados e nunca mais seremos infelizes.

Vamos, saia detrás da árvore, começa a sua trilha, a floresta da vida o aguarda, o mundo precisa de pessoas felizes, o mundo precisa urgentemente de VOCÊ!
PAULO NEVES DE A RIBEIRO

quarta-feira, 28 de abril de 2010

O VERDADEIRO MESSIAS


Marcos 15 (21-32)
21 E constrangeram um certo Simão, cireneu, pai de Alexandre e de Rufo, que por ali passava, vindo do campo, a que levasse a cruz.
22 ¶ E levaram-no ao lugar do Gólgota, que se traduz por lugar da Caveira.
23 E deram-lhe a beber vinho com mirra, mas ele não o tomou.
24 E, havendo-o crucificado, repartiram as suas vestes, lançando sobre elas sortes, para saber o que cada um levaria.
25 E era a hora terceira, e o crucificaram.
26 E por cima dele estava escrita a sua acusação: O REI DOS JUDEUS.
27 E crucificaram com ele dois salteadores, um à sua direita, e outro à esquerda.
28 E cumprindo-se a escritura que diz: E com os malfeitores foi contado.
29 E os que passavam blasfemavam dele, meneando as suas cabeças, e dizendo: Ah! tu que derrubas o templo, e em três dias o edificas,
30 Salva-te a ti mesmo, e desce da cruz.
31 E da mesma maneira também os principais dos sacerdotes, com os escribas, diziam uns para os outros, zombando: Salvou os outros, e não pode salvar-se a si mesmo.
32 O Cristo, o Rei de Israel, desça agora da cruz, para que o vejamos e acreditemos. Também os que com ele foram crucificados o injuriavam.

A VIDA É CHEIA DE BENÇÃOS!


Por que você esta

triste? Se a vida é tão bela!

Por que desistir? Se a vida é uma missão criada por Deus!

Por que lágrimas? Se a vida é repleta de bênçãos para sorrirmos!

Por que sentes amarguras? Se a vida é uma nova canção!

Por que sentes ódio? Se a Vida foi feita para amar!

Por que tantas intrigas? Se a vida é Paz!

Por que blasfemar? Se a vida foi feita para orar sem cessar!

Por que mentir? Se a vida é uma verdade!

Por que sentir-se pobre? Se a vida é uma riqueza!

Por que sofrer? Se a vida é superação!

Por que temer? Se a vida é feita de Fé!

Por que fracassos? Se a vida é uma grande vitória!

Por que ofender-se? Se a vida é perdão!

Por que ser infeliz? Se a vida é uma grande felicidade!

Por que problemas? Se a vida é uma grande solução!

Por que trevas? Se DEUS é a fonte Luz!

Amados de Deus!!

Mude seu PORQUE hoje, e não questione, mas use o “PARA QUE” em todas as situações!

Cada dia é um aprendizado e uma etapa, e se Deus permite que vivamos, é para nosso bem e crescimento NEle!!

Confie naquELe que jamais te desampara!!! ELE TE AMAAAAAAAAAAAA!!!!
AUTOR DESCONHECIDO

Boas Vibrações


Amanheça com o sabor da alegria.
Deslumbre um dia radioso e feliz.

Procure os lugares onde os sons tragam para dentro de você o esplendor de estar vivo.

Tenha nas tuas leituras o encontro perfeito da tua mente e de tua alma.

Não apague tuas derrotas com rancor ou desânimo,
elas proporcionam vitórias verdadeiras,
sem manchas em outros corações.

Dirija-se sempre na cautela de não passar por cima de nada que não te pertença, só assim não pisarás no que é teu de verdade.

Tuas conquistas serão sempre tuas, mas teus dissabores terão outros participantes e com certeza irás responder por isso, caso não tenhas ainda um pouco de bem querer dentro de ti.
AUTOR DESCONHECIDO

terça-feira, 27 de abril de 2010

O VERDADEIRO REI


Marcos 15 (16-20)

16 E os soldados o levaram dentro à sala, que é a da audiência, e convocaram toda a coorte.
17 E vestiram-no de púrpura, e tecendo uma coroa de espinhos, lha puseram na cabeça.
18 E começaram a saudá-lo, dizendo: Salve, Rei dos Judeus!
19 E feriram-no na cabeça com uma cana, e cuspiram nele e, postos de joelhos, o adoraram.
20 E, havendo-o escarnecido, despiram-lhe a púrpura, e o vestiram com as suas próprias vestes; e o levaram para fora a fim de o crucificarem.

Obrigada


Costumamos pensar que nada nessa vida é gratuito e, portanto, quanta beleza não recebemos gratuitamente cada dia e acolhemos isso com uma naturalidade tão grande que até nos esquecemos de agradecer.
O céu não nos cobra nada para nos mostrar as estrelas; o nascer e o pôr-do-sol são espetáculos onde o número de lugares é ilimitado e acessível a todos; os pássaros nunca cobram pelas lindas canções; as flores se oferecem voluntariamente com todas as suas variantes de cores, tamanhos e formas.
E quanto tempo gastamos da nossa vida para dizermos, nem que seja por uma vez, "graças, Senhor, por nos ter dado tanta beleza."
A verdade é que pedimos muito e agradecemos pouco da vida. Somos capazes de gastar horas, mesmo dias, em lamentações, mas somos muitas vezes incapazes de gastar um minuto para agradecimento. Faz parte da natureza egoísta de todo ser humano de pensar que tudo deve ser a ele.
Isso é uma balança muito desigual nos ombros de Deus. As pessoas jogam pedras demais e flores de menos. É tremendamente injusto!
Talvez se pudéssemos achar mais equilíbrio entre aquilo que pedimos e aquilo que agradecemos por ter, teríamos muito mais para agradecer.
Deus deu ao homem a terra e tudo o que nela há; se não podemos desfrutar disso, é porque ao longo dos anos os homens se esqueceram que o que se recebe de graça, de graça se dá. Tudo então ficou transformado e chegamos ao caos onde estamos.
Mas ainda é tempo de agradecer.
Se começarmos a fazer um exercício diário de agradecimento pelas inúmeras bênçãos que recebemos (e que passam quase sempre despercebidas!); se trocarmos isso por tudo o que queremos reclamar, tenho certeza que vamos ver a vida de uma outra maneira daqui pra frente.
Agradeço, Senhor, pelo dia de hoje!
Agradeço porque mais um dia se passa e continuamos de pé!
Agradeço porque ainda resta um pouco do paraíso e que ainda podemos desfrutar disso.
E agradeço porque meus amigos fazem parte desse resto de paraíso!

Letícia Thompson

segunda-feira, 26 de abril de 2010

JESUS OU BARRABÁS?


Marcos 15 (1-15)
1 ¶ E, logo ao amanhecer, os principais dos sacerdotes, com os anciãos, e os escribas, e todo o Sinédrio, tiveram conselho; e, ligando Jesus, o levaram e entregaram a Pilatos.
2 E Pilatos lhe perguntou: Tu és o Rei dos Judeus? E ele, respondendo, disse-lhe: Tu o dizes.
3 E os principais dos sacerdotes o acusavam de muitas coisas; porém ele nada respondia.
4 E Pilatos o interrogou outra vez, dizendo: Nada respondes? Vê quantas coisas testificam contra ti.
5 Mas Jesus nada mais respondeu, de maneira que Pilatos se maravilhava.
6 Ora, no dia da festa costumava soltar-lhes um preso qualquer que eles pedissem.
7 E havia um chamado Barrabás, que, preso com outros amotinadores, tinha num motim cometido uma morte.
8 E a multidão, dando gritos, começou a pedir que fizesse como sempre lhes tinha feito.
9 E Pilatos lhes respondeu, dizendo: Quereis que vos solte o Rei dos Judeus?
10 Porque ele bem sabia que por inveja os principais dos sacerdotes o tinham entregado.
11 Mas os principais dos sacerdotes incitaram a multidão para que fosse solto antes Barrabás.
12 E Pilatos, respondendo, lhes disse outra vez: Que quereis, pois, que faça daquele a quem chamais Rei dos Judeus?
13 E eles tornaram a clamar: Crucifica-o.
14 Mas Pilatos lhes disse: Mas que mal fez? E eles cada vez clamavam mais: Crucifica-o.
15 ¶ Então Pilatos, querendo satisfazer a multidão, soltou-lhe Barrabás e, açoitado Jesus, o entregou para ser crucificado.

O Espelho


Era uma vez, um homem que só via e realçava o mal em tudo o que fazia.
Um dia ele morreu e "partiu dessa para uma melhor".
Só que do lado de lá havia um companheiro que não largava do seu pé, e o acompanhava o tempo todo.
Era um verdadeiro "mala": egoísta, pessimista, mal-humorado, critiqueiro, mal-agradecido, e que só sentia-se bem quando estava mal.
O homem, não o suportando mais, foi a um anjo e implorou:

"Por favor, livra-me da companhia daquele sujeito, eu já não agüento mais..."
O anjo, entre admirado e compadecido, respondeu:

"Mas não há nenhum companheiro. Aqui só existe um sistema de espelhismo, que faz com que cada um veja e conviva com o que formou de si mesmo.

Depende somente de você libertar-se dele."
AUTOR DESCONHECIDO

O Caminho das Estrelas


Nunca abandone um sonho! Abandonar um sonho é o mesmo que abandonar você!
Um sonho é tão importante quanto seu braço ou sua perna.
Assim, abandonar um sonho é como que deixar para trás uma parte de você mesmo; e o que é pior, uma parte da sua alma.
Jamais desista de um sonho. Em caso de tropeço, saiba que eles acontecem para você conhecer o seu poder.
Avance sempre! Nem que seja um simples milímetro. E só pare quando puder comemorar sua vitória!
A vida é a doce arte de transformar o impossível em realidade. Sempre que você tiver uma meta muito difícil de realizar – como devem ser todas as boas metas – a maioria das pessoas vai dizer: "desista, isso é impossível!"...
Não acredite nisso; não deixe de cuidar bem dos seus sonhos e, principalmente, não permita que ninguém destrua os seus sonhos.
Vá atrás deles, pois eles definirão o tamanho da sua vida.
Avance no caminho das estrelas, fazendo, realizando, porque:
Querer não é poder!. Poder é fazer!
AUTOR DESCONHECIDO

domingo, 25 de abril de 2010

PEDRO CAI NA TENTAÇÃO


Marcos 14 (66-72)
66 ¶ E, estando Pedro embaixo, no átrio, chegou uma das criadas do sumo sacerdote;
67 E, vendo a Pedro, que se estava aquentando, olhou para ele, e disse: Tu também estavas com Jesus Nazareno.
68 Mas ele negou-o, dizendo: Não o conheço, nem sei o que dizes. E saiu fora ao alpendre, e o galo cantou.
69 E a criada, vendo-o outra vez, começou a dizer aos que ali estavam: Este é um dos tais.
70 Mas ele o negou outra vez. E pouco depois os que ali estavam disseram outra vez a Pedro: Verdadeiramente tu és um deles, porque és também galileu, e tua fala é semelhante.
71 E ele começou a praguejar, e a jurar: Não conheço esse homem de quem falais.
72 E o galo cantou segunda vez. E Pedro lembrou-se da palavra que Jesus lhe tinha dito: Antes que o galo cante duas vezes, três vezes me negarás. E, retirando-se dali, chorou.

Jesus chorou


Ao ver Jerusalém desolada, Jesus chorou. Ele poderia não ter se importado, ter olhado para outros lados. Mas Ele olhou, se importou, chorou...
A desolação, a maldade, crueldade, incredulidade, não podem deixar ninguém indiferente.
Com a velocidade com que as coisas caminham, eu pensei já ter visto tudo. Mas ainda coisas acontecem que arrancam meu coração do peito.
O desrespeito à vida tem tomado o lugar do amor e tem enchido o mundo de trevas, dessas mesmas que tentamos tanto fugir.
Poderíamos fazer como se nada tivesse acontecido. Poderíamos, como se diz a boa regra, pensar apenas nas coisas boas da vida. Mas isso não vai acalmar a dor das famílias ceifadas de um ente querido.
Fechar os olhos e o coração não vai resolver problemas, não vai acabar com a violência, não vai diminuir o mal e nem impedi-lo de atingir um dos nossos.
Ignorar a dor alheia é endurecer o coração. É se dar a si a falsa idéia de que tudo vai bem, quando na verdade há corações despedaçados e que poderiam perfeitamente ser nossos. Não gostaríamos que ignorassem nosso sofrimento e muitos carregando a mesma cruz a tornam mais leve.
Se nos calamos, nos expomos, nos despreparamos, tornamo-nos vulneráveis e acessíveis.
Sobretudo, se nos calamos, aceitamos o horror do irreparável, do absurdo. Se nos calamos, acatamos. E não temos esse direito... não podemos ter esse direito.
Uma só pessoa pode não fazer muito, mas uma nação inteira pode fazer alguma coisa, se cada qual toma sua parte de responsabilidade.
Não podemos devolver vidas, nem apagar acontecidos. Podemos, porém, tentar impedir que outras coisas aconteçam. Podemos continuar humanos, unidos na dor, mas, principalmente, unidos no amor.
Uma vela sozinha pode não acabar com a escuridão, mas milhões de velas acesas podem iluminar qualquer noite de lua minguante.

Letícia Thompson

Até no riso tem dor o coração


Por que até nos mais altos graus de felicidade o coração continua inquieto? Por que não podemos aceitar simplesmente a alegria e abraçá-la com todo nosso corpo e com toda a nossa alma?
A felicidade dá medo, não dela mesma, mas de não ser real, de ser demais, de ser um sonho... por isso tanta inquietação nos momentos que poderiam ser vividos como se os outros não mais existissem, por isso o olhar pra trás pra ver se a tristeza não seguirá o mesmo caminho, não virá estragar esse tão esperado bocado de alegria.
E por que ficamos nesse estado de expectativa é que não tomamos posse total daquilo que recebemos. Parte de nós se alegra e outra vigia, olha de lado, espera até, para que depois nos sintamos reconfortados no nosso desejo de ter razão.
Deus não nos dá presentes pela metade. Aquilo que nos oferece, oferece inteiramente e se não aproveitamos plenamente daquilo que recebemos é porque nós mesmos estragamos isso com nossas dúvidas e incertezas. Abrimos nosso coração e deixamos nele uma janela aberta para ver voar nossa alegria. E ainda nos consolamos depois dizendo que a vida é assim.
Não... a vida não é assim! Nós a fazemos!
As pessoas mais felizes são aquelas que bebem o riso e se sustentam desse momento presente como se amanhã nunca fosse chegar. Elas pegam de cada dia aquilo que recebem, selam cada noite e cada manhã com uma oração de agradecimento e bastam-se.
Devemos aprender que a vida não é uma fatalidade, embora existam momentos fatais. A alegria não é irmã gêmea da dor e o riso não dá a mão ao choro. Somos nós os responsáveis desse estado de espera, nós que atraímos pra dentro aquilo que repudiamos.
Aquele que quer ficar doente, fica doente, aquele que quer curar-se, cura-se. O que tem fé vai muito longe e o que aproveita da vida, come, bebe e dorme e ainda é coroado com lindos sonhos.

Letícia Thompson

sábado, 24 de abril de 2010

JESUS É O JUIZ


Marcos 14 (53-65)
53 ¶ E levaram Jesus ao sumo sacerdote, e ajuntaram-se todos os principais dos sacerdotes, e os anciãos e os escribas.
54 E Pedro o seguiu de longe até dentro do pátio do sumo sacerdote, e estava assentado com os servidores, aquentando-se ao lume.
55 E os principais dos sacerdotes e todo o concílio buscavam algum testemunho contra Jesus, para o matar, e não o achavam.
56 Porque muitos testificavam falsamente contra ele, mas os testemunhos não eram coerentes.
57 E, levantando-se alguns, testificaram falsamente contra ele, dizendo:
58 Nós ouvimos-lhe dizer: Eu derrubarei este templo, construído por mãos de homens, e em três dias edificarei outro, não feito por mãos de homens.
59 E nem assim o seu testemunho era coerente.
60 E, levantando-se o sumo sacerdote no Sinédrio, perguntou a Jesus, dizendo: Nada respondes? Que testificam estes contra ti?
61 Mas ele calou-se, e nada respondeu. O sumo sacerdote lhe tornou a perguntar, e disse-lhe: És tu o Cristo, Filho do Deus Bendito?
62 E Jesus disse-lhe: Eu o sou, e vereis o Filho do homem assentado à direita do poder de Deus, e vindo sobre as nuvens do céu.
63 E o sumo sacerdote, rasgando as suas vestes, disse: Para que necessitamos de mais testemunhas?
64 Vós ouvistes a blasfêmia; que vos parece? E todos o consideraram culpado de morte.
65 E alguns começaram a cuspir nele, e a cobrir-lhe o rosto, e a dar-lhe punhadas, e a dizer-lhe: Profetiza. E os servidores davam-lhe bofetadas.

ORAÇÃO DO PODER


Deus, Senhor de toda a força e poder, dá - me hoje a
Segurança do Teu temor e a certeza de que estás comigo.
Peço ajuda e Proteção nesta hora tão difícil de minha vida.
Preciso de Tua assistência, do Teu Amor e de Tua Misericórdia.
Tira de mim o medo, tira de mim esta dúvida, esclarecendo
O meu espírito abatido, com a luz que iluminou o Teu Divino
Filho Jesus Cristo, aqui na terra.
Que eu possa perceber toda a grandeza de Tua presença em mim
Soprando o teu Espírito dentro de mim, para que eu me sinta
Hora por hora, minuto por minuto.
Que eu sinta o Teu Espírito e Tua Voz dentro de mim e ao
meu redor.
Em minhas decisões e no decorrer deste dia, que eu sinta o Teu
maravilhoso poder pela oração e com este poder,
Espero pelos milagres que podes realizar em favor dos meus
problemas.
Não me deixe, levanta meu espírito, quando me encontrar
abatido.
Entrego - te neste dia a minha vida e a da minha família.
Livra - me de minhas moléstias ainda que seja por milagre,
Obrigado meu Mestre, meu Senhor, meu Irmão e meu Amigo.
Sei que vais me dar a solução de que tanto preciso e desejo
Amém!!!

Oração da Fé


Senhor, dá-me a esperança para vencer minhas ilusões, todas.
Plantai em meu coração a sementeira do amor e ajuda-me a fazer feliz o maior número da humanidade possível, para ampliar seus dias risonhos e resumir as noites tristonhas.

Transforma meus rivais em companheiros, meus companheiros em amigos e meus amigos em entes queridos.

Não me deixeis ser um cordeiro perante os fortes e nem um leão diante dos fracos.

Dá-me o sabor de saber perdoar e afastai de mim o desejo de vingança.

Senhor, iluminai meus olhos para que eu veja os defeitos de minha alma e vendai-os para que eu não comente os defeitos alheios.

Senhor, levai de mim a tristeza e não a entregueis a mais ninguém.

Enchei meu coração com a divina fé, para sempre louvar o vosso nome e arrancai de mim o orgulho e a presunção.

Deus, fazei de mim um homem realmente justo."
AUTOR DESCONHECIDO

É ASSIM QUE FUNCIONA


Cada dia é uma página em branco no diário da sua vida. A caneta está em suas mãos, mas as linhas não serão todas escritas da forma como você escolher.
Algumas virão do mundo e das circunstâncias que o envolvem. Mas, muitas coisas estão no seu controle e, sobre isso, há algo especial que você precisa saber.
Escreva o diário e preencha as páginas com palavras vindas do seu coração.
Siga seus sonhos.
Trabalhe com empenho.
Seja bom.
É tudo que alguém pode pedir.
Divirta-se.
Encontre força.

Seja verdadeiro.
Tenha fé.
Não se concentre, nem perca tempo, com as coisas que você não tem.
Dedique um espaço especial aos amigos.
Perceba que as pessoas são um tesouro na vida. Descreva, no seu diário, o que você faz de melhor.
Logo você vai descobrir como a vida é bela.
E, nem sempre, a gente percebe isso.
AUTOR DESCONHECIDO

sexta-feira, 23 de abril de 2010

FIDELIDADE ATÉ O FIM


Marcos 14 (43-52)

43 ¶ E logo, falando ele ainda, veio Judas, que era um dos doze, da parte dos principais dos sacerdotes, e dos escribas e dos anciãos, e com ele uma grande multidão com espadas e varapaus.
44 Ora, o que o traía, tinha-lhes dado um sinal, dizendo: Aquele que eu beijar, esse é; prendei-o, e levai-o com segurança.
45 E, logo que chegou, aproximou-se dele, e disse-lhe: Rabi, Rabi. E beijou-o.
46 E lançaram-lhe as mãos, e o prenderam.
47 E um dos que ali estavam presentes, puxando da espada, feriu o servo do sumo sacerdote, e cortou-lhe uma orelha.
48 E, respondendo Jesus, disse-lhes: Saístes com espadas e varapaus a prender-me, como a um salteador?
49 Todos os dias estava convosco ensinando no templo, e não me prendestes; mas isto é para que as Escrituras se cumpram.
50 Então, deixando-o, todos fugiram.
51 E um certo jovem o seguia, envolto em um lençol sobre o corpo nu. E lançaram-lhe a mão.
52 Mas ele, largando o lençol, fugiu nu.

Tenha Esperança


Porque enquanto houver a esperança, nenhum sonho está perdido!

Você faz idéia de como a sua vida está mudada? Você tem consciência que vive um momento rico, importante e intenso?

É porque na verdade, estamos presenciando um momento de transformação em todos os campos, principalmente no campo da informação, né? E o ritmo de mudança em nossa vida tem sido muito acelerado.

Estamos avançando velozmente para uma nova era de percepção e consciência e não nos damos conta disso.

Nada tem ficado fora dessa transformação. Ninguém sabe o que irá acontecer de um dia para outro. Como é que você está reagindo a estes tempos de mudanças cada vez mais rápidas?

Está se agarrando ao passado, ou acompanhando o fluxo das mudanças? Onde estão depositadas suas esperanças?

E apesar de todos os desencontros, de todos os obstáculos, das dificuldades... Apesar das portas fechadas, e que as vezes estão aparentemente fechadas, ainda sim é preciso manter a esperança que vive em você!

A esperança que amanhece com você e percorre o dia todo e se fortalece com as horas.

E quando estiver com os pensamentos confusos e com as idéias não muito claras, não desista! Quando seu caminho estiver tortuoso e sentir que suas chances estão diminuídas, lembre- se da esperança que deve ter sempre.

Afinal, esperança é a certeza de que algo de bom vai acontecer, certo? É a confiança que tudo vai dar certo!

Lembre-se sempre que a esperança move a sua vida, faz você andar pra frente, faz você se sentir gente! E gente importante! Por isso que é bom perguntar todos os dias quais são seus projetos de vida?

Por que e por quem você tem lutado tanto?

Desendureça o seu coração e abra mais a sua mente! Acolha as pessoas em sua vida! Deixe a fé brotar em sua vida. Tenha fé na vida, em você! Tenha fé em Deus! Tenha fé em realizações grandiosas, tá?

E pare de ter sonhos vagos e esperanças pequenas!

Desejo que você nunca desista, porque enquanto houver a esperança, nenhum sonho está perdido! Nenhum!

Bom Dia! Bom divertimento! Sucesso, Saúde e Paz!

"O amor está em você! E a esperança será sempre a sua aliada para libertar os seus medos, o seu orgulho"

Autor desconhecido

O Conhecimento e a Riqueza "


Era uma vez, num reino distante, um jovem que entrou numa floresta e disse ao seu mestre espiritual: Quero possuir riqueza ilimitada para poder ajudar o mundo. Por favor, conte-me, qual é o segredo para se gerar abundância?

O mestre espiritual respondeu: Existem duas deusas que moram no coração dos seres humanos. Todos são profundamente apaixonados por essas entidades supremas. Mas elas estão envoltas num segredo que precisa ser revelado, e eu lhe contarei qual é. Com um sorriso, ele prosseguiu:

Embora você ame as duas deusas, deve dedicar maior atenção a uma delas, a deusa do Conhecimento, cujo nome é Sarasvati. Persiga-a, ame-a, dedique-se a ela. A outra deusa, chamada Lakshmi, é a da Riqueza. Quando você dá mais atenção a Sarasvati, Lakshmi, extremamente enciumada, faz de tudo para receber o seu afeto. Assim, quanto mais você busca a deusa do Conhecimento, mais a deusa da Riqueza quer se entregar a você. Ela o seguirá para onde for e jamais o abandonará. E a riqueza que você deseja será sua para sempre.

Existe poder no conhecimento, no desejo e no espírito. E esse poder que habita em você é a chave para a criação da prosperidade.

(Autor desconhecido)

quinta-feira, 22 de abril de 2010

A GRANDE TENTAÇÃO


Marcos 14 (32-42)

32 ¶ E foram a um lugar chamado Getsêmani, e disse aos seus discípulos: Assentai-vos aqui, enquanto eu oro.
33 E tomou consigo a Pedro, e a Tiago, e a João, e começou a ter pavor, e a angustiar-se.
34 E disse-lhes: A minha alma está profundamente triste até a morte; ficai aqui, e vigiai.
35 E, tendo ido um pouco mais adiante, prostrou-se em terra; e orou para que, se fosse possível, passasse dele aquela hora.
36 E disse: Aba, Pai, todas as coisas te são possíveis; afasta de mim este cálice; não seja, porém, o que eu quero, mas o que tu queres.
37 E, chegando, achou-os dormindo; e disse a Pedro: Simão, dormes? não podes vigiar uma hora?
38 Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca.
39 E foi outra vez e orou, dizendo as mesmas palavras.
40 E, voltando, achou-os outra vez dormindo, porque os seus olhos estavam pesados, e não sabiam o que responder-lhe.
41 E voltou terceira vez, e disse-lhes: Dormi agora, e descansai. Basta; é chegada a hora. Eis que o Filho do homem vai ser entregue nas mãos dos pecadores.
42 Levantai-vos, vamos; eis que está perto o que me trai.

quarta-feira, 21 de abril de 2010

A FIDELIDADE DE JESUS AOS SEUS


Marcos 14 (26-31)

26 E, tendo cantado o hino, saíram para o Monte das Oliveiras.
27 E disse-lhes Jesus: Todos vós esta noite vos escandalizareis em mim; porque está escrito: Ferirei o pastor, e as ovelhas se dispersarão.
28 Mas, depois que eu houver ressuscitado, irei adiante de vós para a Galiléia.
29 E disse-lhe Pedro: Ainda que todos se escandalizem, nunca, porém, eu.
30 E disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que hoje, nesta noite, antes que o galo cante duas vezes, três vezes me negarás.
31 Mas ele disse com mais veemência: Ainda que me seja necessário morrer contigo, de modo nenhum te negarei. E da mesma maneira diziam todos também.

Nas Horas Mais Difíceis


Ainda quando te encontres caído sob o peso de grandes provações, levanta-te e caminha para a frente, cumprindo os teus deveres com fidelidade.
Ainda mesmo te sintas sozinho nas lutas de cada dia, não desertes do campo de batalha em que a vida te situa, atendendo às tuas necessidades evolutivas.
Ainda quando te percebas à beira do fracasso, semelhante a abismo que se escancare aos teus pés, não te creias sem forças para continuar, porquanto a Misericórdia Divina a ninguém desampara.
Ainda mesmo te vejas mergulhado em tristeza, qual se a própria existência carecesse de sentido aos teus olhos, deixa que a esperança prossiga te embalando os sonhos de felicidade.
Ainda quando te observes incompreendido pelos afetos mais queridos da alma, silencia e espera, aprendendo a renunciar agora para conquistar depois.
Ainda mesmo te consideres perdido no estranho labirinto dos problemas engendrados pela tua invigilância, não te entregues ao desespero, pedindo aos Céus que te auxiliem a solucioná-los com dignidade.
Haja o que houver e estejas como estiveres, não te precipites em tuas decisões, de vez que é nas horas mais difíceis que tens oportunidade de provar a ti mesmo o valor da própria fé.
AUTOR DESCONHECIDO

terça-feira, 20 de abril de 2010

A INSTITUIÇÃO DA EUCARISTIA



MARCOS 14 (22-25)


22 E, comendo eles, tomou Jesus pão e, abençoando-o, o partiu e deu-lho, e disse: Tomai, comei, isto é o meu corpo.
23 E, tomando o cálice, e dando graças, deu-lho; e todos beberam dele.
24 E disse-lhes: Isto é o meu sangue, o sangue do novo testamento, que por muitos é derramado.
25 Em verdade vos digo que não beberei mais do fruto da vide, até àquele dia em que o beber, novo, no reino de Deus.

DESCER DA ÁRVORE


Nesta Pregação, Padre Fábio de Melo, vai nos dizer, que sequeremos ser felizes, temos que descer da árvore que muitas vezes subimos, pois se ficamos só olhando de cima e não temos a coragem de descer para tocar na realidade, também não temos a coragem de assumir as mudanças que precisam ser feitas em nós, naquilo que somos.
Precisaria dizer e confessar que a canção da saudade que o Diácono Nelsinho Corrêa cantou há pouco já me emocionava ali no canto, porque eu acredito nisso: Deus nos dá o dom da saudade para preservar o amor em nós. Só tem saudade quem já amou. Existem muitos momentos da nossa história que a vida está passando por nós, mas nós não estamos passando pela vida.
Só ama de verdade quem é capaz de retirar o outro da mira do tempo; aquelas pessoas que não deixam a vida passar, mas passam pela vida, e fazem a experiência dela.
Eu não sei o que te trouxe aqui, eu não sei o por quê te interessa vir aqui na Canção Nova ou ter ligado a TV na Canção Nova, mas um psicólogo diz que a fonte de todo desejo é ser desejado. E desejo está intimamente ligado ao conceito de encontro. O que buscamos na vida?
Quantas oportunidades tivemos de estar com Deus e não O encontramos ainda, ou tivemos a oportunidade de estar com pessoas, mas não as encontramos. Por que isso? Porque você precisa acender a luz para enxergar essa pessoa.
Cada vez que amamos, a vida fica eterna em nós e também por quem passa por nós. Neste mundo marcado pela temporalidade, onde tudo é tão fugaz, nós estamos cansados de sermos olhados de qualquer jeito. Nós nos acostumamos a não acender a luz, e por isso não descobrimos a graça do encontro. Se o encontro é acender a luz, o desencontro é apagar a luz.
Nossa experiência com Deus pode ser marcada por vários desencontros, porque não acendemos a luz. Equivocamos-nos com pessoas que achamos concretas na nossa história, mas que são apenas "fantasmas".
Aquele que esbarra com alguém fica feliz só por um tempo, por isso é preciso ter um encontro. Na Sagrada Escritura muitas pessoas encontraram Jesus.
Esse é Jesus, um homem raro, um contraversor no seu tempo.
Zaqueu, de certo, vivia sua vida desregrada porque ainda não tinha ouvido falar de um Deus que queria estar perto dos pobres e miseráveis. Ele nunca tinha escutado alguém dizer que Deus preferia os que estão "à margem". Deus foi causa de desencontro na sua vida, porque Zaqueu foi educado a ter essa imagem de Deus. E por curiosidade ele sai de casa, por que conhecia a fama de Jesus, e sobe numa árvore. Há tanto significado nessa pequenez de Zaqueu, de subir na árvore, mas o gesto de descer dela foi maior ainda o significado.
Qualquer curiosidade nos faz subir na árvore, difícil é você descer e saber que a ‘festa’ vai acabar, mas Deus queria que ele descesse para ter um encontro com Ele. Como é que podemos acreditar que mesmo sendo nós do jeito que somos, e Deus do jeito que é, pode acontecer entre nós uma história de amor?
Eu sei que você cresceu e foi educado achando que o Papai do Céu era um Deus que amava apenas os certinhos. Jesus veio mostrar que é diferente!
Aquele que sobe na árvore é olhado nos olhos, e quando somos olhados nos olhos não dá para sermos os mesmos. Parece que fomos impactados por um poder de revelarmos a nós mesmos. Por isso Zaqueu desceu e viu que o lugar dele era lá embaixo. Jesus prendeu os olhos nos olhos de Zaqueu. E depois ele que foi olhado por Ele não teve como voltar mais para a sua vida velha.
Jesus disse para Zaqueu: "Desce, que hoje eu vou ficar na tua casa". Jesus não disse que iria dar uma passadinha na casa dele, disse que ia ficar. Não é apenas um encontro temporário, Aquele que veio, veio para ficar. E quando Deus fica na nossa vida, de fato, somos encontrados, e um processo de transformação http://i242.photobucket.com/albums/ff99/kilatesigor/recados/religiao/jesus/recados-jesus-gif-46.gifacontece em nós.
Se você quer de fato encontrar alguém, precisa criar habilidade para olhar nos olhos e viver uma história juntos. Não tem como ser amigos, ou marido e mulher, se não se olha nos olhos. A mentira cai no momento em que olhamos nos olhos, e só saber reconhecer a mentira olhando nos olhos daquele que já estabeleceu intimidade.
Assim como temos religião de espetáculo, tem amor de espetáculo, que é o que chamamos de paixão. O (a) apaixonado(a) não vê defeito em ninguém.
A paixão dura o tempo que você deixar essa luz apagada. O encontro só acontece quando acendemos a luz.
Você não tem que procurar a pessoa ideal, você tem que procurar a pessoa certa. A pessoa ideal é a sua imagem e semelhança. O mesmo acontece com Deus. Nós, muitas vezes, fantasiamos Deus; esse Deus que nós imaginamos, e por isso mesmo, por muitas vezes somos o deus do deus que imaginamos, o deus a quem eu mando na oração, que só pede o que acha melhor; damos ordens a Deus ao invés de obedecer. Não existe encontro quando você encontra imaginando.
O encontro é que marca o conhecimento. A mudança de Zaqueu se deu com o fato de Jesus ter olhado nos olhos dele. A caminhada com Jesus é que nos faz saber que conhecemos a Deus. É preciso conhecer Deus, caminhando com Ele. Se não caminhamos com Ele, O imaginamos como Ele é e como Ele agiria. Deixa Deus ser Deus na sua vida. Deixe que o encontro aconteça. Deixa que a vida te revele Deus!
Uma certeza: os infelizes querem encontrar a felicidade, os mentirosos desejam encontrar a verdade, os ladrões buscam encontrar a honestidade. Mas para que isso aconteça é preciso ir em busca desse encontro das coisas que acreditamos.
Eu não sei qual o motivo de você estar aqui, eu não sei como anda o seu coração e o que você espera de Deus. Eu não sei o que hoje você gostaria que acontecesse na sua história, ma tenho a certeza: errando ou acertando, a gente busca esse encontro.
Tem muita gente que precisa de um consolo, que precisa ser encontrada. Nossas dores são universais, porque precisamos, de fato, encontrar uma solução. Muitos de nós estamos perdidos, como no deserto, com a sensação de que o tempo está passando, que estamos perdendo tempo. Como que podemos corrigir a nossa vida? Descendo da árvore!
Não fique na árvore gritando o que você precisa, mas desça da árvore, e caminhe na direção de quem você precisa amar, pedir perdão. Perde tempo demais quem fica na árvore gritando as sua ingratidões, suas dores, seus males, suas necessidades. Desça da árvore!
Tem pessoas aqui que apenas precisam de um olhar amigo, encontrar um olhar que dispense de falar alguma coisa, quando não sabemos dizer o que sentimos. Às vezes, um olhar amigo é o tudo e o pouco que precisamos.
Buscar em Deus resolver os nossos conflitos. Todos nós trazemos conflitos, com perguntas do tipo: "O que eu devo fazer? Com quem devo ir?" Às vezes, ficamos na árvore com os nossos conflitos e não descemos para resolvê-los.
Todos nós temos uma tristeza a ser curada, um sentimento a ser aliviado. E nós sabemos que Deus nos ajuda a sair dessa, a voltar à realidade; de alguma forma já fomos encontrados. Jesus é o caminho, a verdade a vida!
Eu sei que nós, cristãos, vivemos uma pretensão maravilhosa: ter o nosso coração semelhante ao de Jesus. Mas para isso é preciso ir ao encontro d’Ele, porque Aquele que está te olhando está pedindo para você descer da árvore. Ele promete e cumpre: quer salvar o seu coração; quer que você desça da árvore. Quando você descer dessa árvore, fique só com Ele.

PADRE FABIO DE MELO

segunda-feira, 19 de abril de 2010

O NOVO CORDEIRO PASCAL


Marcos 14 (12-21)
12 ¶ E, no primeiro dia dos pães ázimos, quando sacrificavam a páscoa, disseram-lhe os discípulos: Aonde queres que vamos fazer os preparativos para comer a páscoa?
13 E enviou dois dos seus discípulos, e disse-lhes: Ide à cidade, e um homem, que leva um cântaro de água, vos encontrará; segui-o.
14 E, onde quer que entrar, dizei ao senhor da casa: O Mestre diz: Onde está o aposento em que hei de comer a páscoa com os meus discípulos?
15 E ele vos mostrará um grande cenáculo mobilado e preparado; preparai-a ali.
16 E, saindo os seus discípulos, foram à cidade, e acharam como lhes tinha dito, e prepararam a páscoa.
17 E, chegada a tarde, foi com os doze.
18 E, quando estavam assentados a comer, disse Jesus: Em verdade vos digo que um de vós, que comigo come, há de trair-me.
19 E eles começaram a entristecer-se e a dizer-lhe um após outro: Sou eu? E outro disse: Sou eu?
20 Mas ele, respondendo, disse-lhes: É um dos doze, que põe comigo a mão no prato.
21 Na verdade o Filho do homem vai, como dele está escrito, mas ai daquele homem por quem o Filho do homem é traído! Bom seria para o tal homem não haver nascido.

OS DOZES PRATOS


Um príncipe chinês orgulhava-se de sua coleção de porcelana, de rara quão antiga procedência, constituída por doze pratos magníficos por sua grande beleza artística e decorativa.
Certo dia, o seu zelador, em um momento infeliz, deixou que se quebrasse uma das peças. Tomando conhecimento do desastre e possuído pela fúria, o príncipe condenou à morte o dedicado servidor, que fora vítima de uma circunstância fortuita.
A notícia tomou conta do Império, e, às vésperas da execução do desafortunado servidor, apresentou-se um sábio bastante idoso, que se comprometeu a devolver a ordem à coleção, se o servo fosse perdoado.
Emocionado, o príncipe reuniu sua corte e aceitou a oferenda do venerando ancião. Este solicitou que fossem colocados todos os pratos restantes sobre uma toalha de linho, bordada cuidadosamente, e os pedaços da preciosa porcelana fossem espalhados em volta do móvel.
Atendido na sua solicitação, o sábio acercou-se da mesa e, num gesto inesperado, puxou a toalha com as porcelanas preciosas, atirando-as bruscamente sobre o piso de mármore, espatifando todas elas.
Ante o estupor que tomou conta do soberano e de sua corte, muito sereno, ele disse:
Aí estão, senhor, todos iguais conforme prometi. Agora podeis mandar matar-me. Desde que essas porcelanas valem mais do que as vidas e, considerando-se que sou idoso e já vivi além do que deveria, sacrifico-me em benefício dos que irão morrer no futuro, quando cada uma dessas peças for quebrada. Assim, com a minha existência, pretendo salvar doze vidas, já que elas, diante desses objetos nada valem.
AUTOR DESCONHECIDO

Felicidade não vem dos outros.


Felicidade não vem dos outros. Vem de Você. Só Você tem o dom de transformar sua vida. Se está esperando outras pessoas mudarem, fazerem ou trabalharem para sua felicidade, vai esperar eternamente, porque felicidade é obra somente sua.
Tudo que é valioso vem de dentro. A pérola está dentro da concha. O ouro está guardado dentro da terra ou dentro da água. O valor do livro está dentro das páginas. O tesouro está protegido dentro do cofre. Por que o reino do céu está fora? Fora de nós? O reino do céu está dentro de nós.

Buscamos sermos felizes por fora. Queremos aquela carreira profissional. Queremos aquele homem ou aquela mulher. Desejamos possuir um belo físico. Almejamos o carro do ano, o mais moderno do que o dos amigos. Queremos a roupa mais vistosa e, se possível, com marca famosa. Fazemos de tudo para sermos o mais popular entre os amigos ... Buscamos a felicidade por fora de nós. Por isso somos tão infelizes. Ninguém pode fazer o outro feliz. Só ele mesmo.

Não faça promessas impossíveis do tipo: benzinho farei você muito feliz! É muita responsabilidade. Podemos compartilhar felicidade com outra pessoa e não trabalhar dentro dela porque isso é obra individual. Nem Deus mexe com o interior do homem. Cada criatura é um universo único.

Não queira ser igual ao outro. Não queira copiar o outro, o que ele veste, o que ele faz ou o que ele fala. Seja Você mesmo. Não copie.

Não se prenda com as opiniões dos outros. Se Você acha que é assim diga "eu acho assim". Não se preocupe com as opiniões de fora, se preocupe com a sua opinião - de dentro de Você.
Claro que se fizer algo errado ou que ofenda ou machuque, procure se corrigir. Há leis que temos que respeitar, leis humanas e divinas. Seja sincero, se não quer ou não gosta de algo, diga: "não gosto". E se ouvir algo que não gostou, não se sinta infeliz. Não ligue. Não ligar é não se deixar ofender, magoar. Não é o outro que fez Você se magoar, é Você que se deixou magoar ou ofender. Você é que escolhe o que vai sentir e não a outra pessoa. Os outros não mexem em nosso sentimento, só nós. Eles estão fora, nós estamos dentro. Não se envergonhe daquilo que sentiu. Sentir é humano. Só as pedras não sentem raiva, orgulho, vaidade, amor, alegria ... Procure conhecer o grau dos seus sentimentos e assim, seja senhor deles, e não escravo. Não reprima aquele sentimento que o faz se envergonhar. Eduque-o. Reprimir um sentimento é reprimir todos. Repressão traz doenças na alma.

Assuma seus erros e se perdoe. O erro leva-nos ao acerto e o acerto nos leva à ascensão.

Outra coisa importante é sobre o apego. Não nos apeguemos às coisas, às pessoas ou situações. Um dia as coisas serão transferidas para outros "donos", as pessoas partirão e as situações se modificarão. Nada está parado no Universo. Os que param, estacionam. Mudança é progresso. As pessoas nascem sozinhas, morrem sozinhas e sozinhas viajam pela eternidade. Não fique na dependência do outro, deixe o outro livre para crescer também. Cada viajante carrega a sua própria mala e esta mala se chama experiência. A experiência é individual.

Não fique preso às coisas de fora. Ouçamos a voz que chama e ela está no nosso universo interno. Essa voz está nos convocando para entrar dentro de nós e nos pergunta: quem somos? Temos que saber a resposta.

Ligue-se consigo antes de se ligar às outras pessoas. A solidão que está reinando em toda humanidade nos dias atuais veio, justamente, para facilitar esse conhecimento. Quando estamos em lua de mel com nossos amores, amigos e família, não temos tempo para entrar no nosso reino do céu. O tempo urge e a urgência do auto-conhecimento do homem é para fazê-lo
Nascer. O nascimento é de dentro para fora. Conhece-te a ti mesmo. Quem és, de onde vens e para onde vais? AUTOR DESCONHECIDO

domingo, 18 de abril de 2010

O MESSIAS VAI SER MORTO


Marcos 14 (1-11)
1 ¶ E dali a dois dias era a páscoa, e a festa dos pães ázimos; e os principais dos sacerdotes e os escribas buscavam como o prenderiam com dolo, e o matariam.
2 Mas eles diziam: Não na festa, para que porventura não se faça alvoroço entre o povo.
3 E, estando ele em betânia, assentado à mesa, em casa de Simão, o leproso, veio uma mulher, que trazia um vaso de alabastro, com ungüento de nardo puro, de muito preço, e quebrando o vaso, lho derramou sobre a cabeça.
4 E alguns houve que em si mesmos se indignaram, e disseram: Para que se fez este desperdício de ungüento?
5 Porque podia vender-se por mais de trezentos dinheiros, e dá-lo aos pobres. E bramavam contra ela.
6 Jesus, porém, disse: Deixai-a, por que a molestais? Ela fez-me boa obra.
7 Porque sempre tendes os pobres convosco, e podeis fazer-lhes bem, quando quiserdes; mas a mim nem sempre me tendes.
8 Esta fez o que podia; antecipou-se a ungir o meu corpo para a sepultura.
9 Em verdade vos digo que, em todas as partes do mundo onde este evangelho for pregado, também o que ela fez será contado para sua memória.
10 E Judas Iscariotes, um dos doze, foi ter com os principais dos sacerdotes para lho entregar.
11 E eles, ouvindo-o, folgaram, e prometeram dar-lhe dinheiro; e buscava como o entregaria em ocasião oportuna.

Como as coisas são?


Como o ser humano enxerga as coisas?
Para isso existe uma resposta que o próprio coração proporciona!
Não vemos as coisas como elas são!
Vemos as coisas como nós somos!
O que significaria isso?
Se o ser humano possuir uma alma bondosa e livre, conseguira enxergar o mundo como ele é com suas virtudes e defeitos, pois o mundo não é só maravilhas!
Mas se o ser humano pendente não possuir uma alma boa e acima de tudo livre...
Só ira conseguir enxergar o lado negro do homem e do mundo e se esquecera de viver!
E não existe nada mais cruel e desumano do que o lado negro do ser humano.
Um lado ganancioso e cruel do qual não sente piedade de ninguém!
Só quer saber dele mesmo e ficar rico até não poder mais, até a cobiça e a ganância o levarem para um fim trágico em sua vida.
E é por causa desse lado negro que o mal desse mundo ainda perdura!
Vejamos como as coisas são...
Você ganha o dom da vida para poder aproveitá-la ao máximo, e alguém que não possui coração chega e tira esse dom, que nunca mais vai voltar, fazendo familiares, parentes e amigos sofrerem como nunca sofreram nas suas vidas!
E o que leva o ser humano a fazer isso? Raiva? Medo? Insegurança?
Talvez os três...
Mas nada justifica o fato do dom da vida ser simplesmente tirado de tal forma como se fosse uma coisa insignificante.
E não é.
Com a vida aprendemos a amar, conhecemos os sentimentos, e emoções!
Ninguém tem o direito de tirar isso tudo de uma pessoa...
Mas tira! Por isso nos olhos das pessoas só se enxerga medo e insegurança, estampados nos olhos de cada um, com medo de perder tudo isso!
Tudo isso porque?
Por que vivemos em um mundo de tolos que nos derrubam quando estamos em paz, fazendo em nossas vidas, momentos bons se transformarem em momentos horríveis!
Diante disso nós temos duas opções:
Jogue tudo pro alto e se esqueça de viver...
Ou ame e aprenda a amar cada dia mais!
Para aqueles que escolherem por deixarem tudo para trás e ficar num mundo de ilusões e mentiras...
Eu só posso lamentar por vocês e desejar sorte...
Para que o dia em que vocês acordem não seja tarde demais!
Para aqueles que escolherem amar...
De um sorriso, pois é com o sorriso de cada pessoa que retornaremos o mundo como ele era para ser, e não um lugar de que você só consegue enxergar mortes a cada momento, guerras acontecendo por causa de poder e dinheiro e políticos corruptos que querem ficar mais ricos do que já são e para isso, manipulam a cabeça da população, prometendo que irão mudar o país quando na verdade só o levam para baixo!
Quando cada um decidir amar, e dar as mãos quem sabe o mundo melhoraria?
Apesar de que o mal existente que aqui permanece já causou muitos estragos e alguns irreparáveis!
Mas nunca é tarde para começar de novo, e nunca é tarde para um sorriso!
Pois se o mundo foi criado para mais tarde ser destruído não tinha nenhum cabimento criá-lo!
Mas ele está aqui então acredito que existe uma razão para que ele tenha sido criado!
E diante disso ainda luto e acredito por um mundo melhor em que nele exista a palavra paz! E nisso tudo...
Se um dia você precisar de ajuda para sorrir ou para lutar contra este mundo sem glória, estou disposto a ajudá-la no que for preciso!
Pois eu quero que esse mundo mude, para que sejamos felizes e sorrirmos um sorriso de felicidade e não simplesmente sorrir por sorrir! Então juntos...
Quero que saiba que você poderá contar comigo sempre que precisar de ajuda para enxergar a verdade e também sempre que precisar de um conselho estarei ao seu lado para tudo!
Pois acredito que eu e você, não iremos conseguir mudar o mundo, porem poderemos salvar a vida de uma flor...
Que talvez no futuro já não exista mais!
E juntos poderemos ver novamente o alvorecer das flores e o amanhecer do sol...
No paraíso de sonhos onde todos desejariam estar!


Autor ( Guilherme )

Caridade


Caridade é, sobretudo, amizade.
Para o faminto -- é o prato de sopa.
Para o triste -- é a palavra consoladora.
Para o mau -- é a paciência com que nos compete auxiliá-lo.
Para o desesperado -- é o auxílio do coração.
Para o ignorante -- é o ensino despretensioso.
Para o ingrato -- é o esquecimento da ingratidão.
Para o enfermo -- é a visita pessoal.
Para o estudante -- é o concurso no aprendizado.
Para a criança -- é a proteção construtiva.
Para o velho -- é o braço irmão.
Para o inimigo -- é o perdão.
Para o amigo -- é o estímulo.
Para o transviado -- é o entendimento.
Para o orgulhoso -- é a humildade.
Para o colérico -- é a calma.
Para o preguiçoso -- é o trabalho.
Para o impulsivo -- é a serenidade.
Para o leviano -- é a tolerância.
Para o deserdado da Terra -- é a expressão de carinho.


Caridade é amor, em manifestação incessante e crescente.
É o sol de mil faces, brilhando para todos, e o gênio de mil mãos,
amparando, indistintamente, na obra do bem, onde quer que se encontre,
entre justos e injustos, bons e maus, felizes e infelizes,
porque, onde estiver o Espírito do Senhor aí se derrama a claridade constante dela,
a benefício do mundo inteiro
AUTOR DESCONHECIDO

sábado, 17 de abril de 2010

FIQUEM VIGIANDO


MARCOS 13 (28-37)

28 ¶ Aprendei, pois, a parábola da figueira: Quando já o seu ramo se torna tenro, e brota folhas, bem sabeis que já está próximo o verão.
29 Assim também vós, quando virdes sucederem estas coisas, sabei que já está perto, às portas.
30 Na verdade vos digo que não passará esta geração, sem que todas estas coisas aconteçam.
31 Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras não passarão.
32 Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos que estão no céu, nem o Filho, senão o Pai.
33 Olhai, vigiai e orai; porque não sabeis quando chegará o tempo.
34 E como se um homem, partindo para fora da terra, deixasse a sua casa, e desse autoridade aos seus servos, e a cada um a sua obra, e mandasse ao porteiro que vigiasse.
35 Vigiai, pois, porque não sabeis quando virá o senhor da casa; se à tarde, se à meia-noite, se ao cantar do galo, se pela manhã,
36 Para que, vindo de improviso, não vos ache dormindo.
37 E as coisas que vos digo, digo-as a todos: Vigiai.

Saiba Parar


É preciso saber parar, para poder usufruir tudo o que conquistou.

O intuito dessa reflexão não é ditar regras nem tão pouco apelar para que o homem realmente deixe de ser produtivo. Isso seria uma atitude insana e desequilibrada. O homem deve se preocupar com a diversidade de alternativas “produtivas” disponíveis para cada momento de sua existência.
A busca frenética pela conquista do “mais um pouco” tem sido a tônica contínua dos seres humanos. E para que serve ter um pouco mais. Muito das vezes, quando e se obtido, vira apenas e tão somente um valor adicional ao patrimônio.
Trabalhando, lutando, engordando a conta bancária, e a cada patamar conquistado estabelecendo um novo, e assim sucessivamente, acaba por esquecer-se de si mesmo e esquecer de parar.
Vez ou outra, algumas indagações conscientes se apresentam como fantasmas:
· Qual o momento certo para interromper as atividades profissionais?
· Quanto de dinheiro deverá estar alocado num fundo de investimento seguro e com boa rentabilidade?
· Como serão cobertas as necessidades financeiras do futuro?
· E quanto aos filhos, o que deixar como uma herança garantida?
Não espere encontrar respostas coerentes e consistentes para suas questões financeiras. Apenas viva fazendo o melhor. Pare e reflita sobre qual é sua verdadeira responsabilidade nesta roda da vida.
Quando atravessar a fronteira deste plano, nenhum bem terá qualquer valor. Daqui levará todo o aprendizado e experiências vividas e vivenciadas. Voltará a ser o que é, e mais nada.

Saiba respeitar aquilo que conquistou;
Saiba interromper a busca por coisas materiais;
Saiba desapegar-se pelo ter;
Saiba conviver dentro de uma vida simples;
Saiba amar com um amor incondicional;
Saiba refletir diante do todo;
Saiba parar para continuar vivendo e ascendendo.

Viva feliz e sorridente.
Gerson Ferrari

Se eu conversasse com alguém triste


Se eu conversasse com alguém triste, sem saber a causa, esta poderia ser nossa conversa: De onde vem sua tristeza? Vamos ver. Está com problemas no trabalho e em casa? Sem ponto de descanso? Enfrentando uma crise com a pessoa amada? Certamente um destes problemas traz aquela sensação de abandono de Deus. Falando dessa sensação de solidão, Jesus explicou que é semelhante à do filho pródigo. Saiu de casa, viveu a vida do seu jeito e, acabou na miséria. Um dia resolveu voltar para o pai. Aceitaria ser empregado. Só queria estar junto dele. Quando voltou, o pai disse: Este meu filho estava morto e voltou à vida; estava perdido e foi achado (Lc 15.24). Se você conhece as boas novas do Evangelho de Jesus, provou do amor de Deus, mas decidiu viver do seu jeito, e se afastou, percebe de onde vem sua tristeza? Distante do Pai, tristeza e desânimo são naturais! Você pode até estar bem financeiramente, mas na alma, está inseguro, sem esperança e desprotegido. Viver a vida do seu jeito, longe de Deus é como estar perdido, morto. Se quiser a alegria de ser tratado como filho ou filha, terá que voltar para Deus, e como na história, Deus, o Pai, receberá você com alegria. Imite o filho pródigo. Convença-se _esta é a única saída! Volte hoje mesmo! Inicie uma nova vida. Volte para casa e ouvirá as palavras maravilhosas de perdão, da restauração e da orientação de Deus para sua nova vida com Ele. Esta seria a conversa. Mas, certamente, este não é o seu caso, ou é?

Autor que eu desconheço

Sábio é aquele que permite descobrir;


Sábio é aquele que permite descobrir;
que reconhece a importância de aprender o novo,
que abre seu coração para sentir e ouvir...

Sábio é aquele que permanece em silêncio, observando os passos da mente, as fragrâncias,
os lugares escondidos dentro do seu ser...

Sábio é aquele que ouve antes de falar,
que sorri antes de chorar,
que permanece quieto para sentir
o frescor da noite em seu interior.

Sábio é aquele que diz sim para a vida,
que desperta o amor em si e em seu semelhante,
na intenção de criar um mundo melhor a todos nós.

Sábio é aquele que ama seu irmão que vê,

Como ama a Deus que não vê.

Sábio é aquele que vive e sabe viver!
AUTOR DESCONHECIDO

sexta-feira, 16 de abril de 2010

A HISTÓRIA E O FIM DOS TEMPOS


Marcos 13 (24-27)
24 ¶ Ora, naqueles dias, depois daquela aflição, o sol se escurecerá, e a lua não dará a sua luz.
25 E as estrelas cairão do céu, e as forças que estão nos céus serão abaladas.
26 E então verão vir o Filho do homem nas nuvens, com grande poder e glória.
27 E ele enviará os seus anjos, e ajuntará os seus escolhidos, desde os quatro ventos, da extremidade da terra até a extremidade do céu.

Tenha a leveza dos pássaros



“Apesar de todas indiferenças, não guardo rancor e jamais guardarei e continuarei amando o meu próximo como sempre. Amei”.
Não temas as fantasias nem os desejos mais profundos.
A melhor expressão da energia do amor e da confiança em qualquer relação é quando se pode falar e demonstrar tudo o que sente.
Apesar das inquietações que a vida provoca sempre há a necessidade de manter a calma para resolver tudo o que for necessário.
Quando conhecemos novos lugares, fazemos novas amizades à alma se renova, parece que aquela tristeza que incessante que está dentro de nós se dissipa por algumas horas.
Se for possível, ficar por alguns minutos sozinho terá a oportunidade de resolver muitos problemas que muitas vezes são provocadas por nós mesmos.
Faça uma caminhada e admire a natureza.
Isso nos faz bem porque, nos divertimos um pouco mais, paramos de pensar somente em trabalho ou em outros problemas que nos angustia.
Fique longe das provocações e nem pretenda convencer as pessoas sobre seus pontos de vista.
Procure encarar as opiniões alheias com mais aceitação.
Ouça mais opinando menos.
Traga um pouco mais de romantismo e amor para sua vida...
Especialistas dizem que o abraço é um ato que não gasta energia e ajuda a nos aproximar de quem amamos e admiramos.
Então...
Faça isso sempre que tiver oportunidade.
E quando te oferecerem todos espinhos da rosa receba-as sem queixumes.
E retribua sua parte oferecendo a rosa sem os espinhos.
Tenha a leveza dos pássaros...
Colocando em sua alma, a beleza, a pureza e a liberdade.
Traga para o seu coração a alegria de viver e a infinita paz de espírito.

Autor ( S.Bernardelli )

Tenha dó de você!


Desistiu de tudo? Vai parar mesmo?
Você realmente acredita que é o fim, ou é apenas uma maneira de mostrar ao mundo o quanto a sua dor é grande, grande não, grande é a dos outros, a sua dor é ENORME.

Vai ficar trancado no quarto, vai? Quantos dias? O que você pretende?
É bom fazer um planejamento antes de isolar-se do mundo, coloque na balança tudo o que você pode perder, e o que pode ganhar, para não ser apanhado de surpresa.

Você tem certeza que o que você esta pensando é real e
verdadeiro, ou é apenas a sua verdade? Onde estão os seus sonhos?
Se você responder que "tal pessoa destruiu" ou "tal situação terminou com qualquer esperança", você esta no caminho errado, o caminho da felicidade é do outro lado. Volta que você está pegando o ônibus errado. Sabe, tem gente que fala qualquer coisa e não pensa no que esta dizendo, depois sofre. Você já ouviu alguém dizer que "de graça até injeção na testa"?, pois é, tem gente que fala isso, mas se oferecerem a injeção (benzetacil) grátis na testa, eu quero ver o maluco aceitar.

E, tem gente que faz coisas sem pensar, e não mede as conseqüências dos seus atos, por isso sofre. Já viu alguém trancado em um quarto encontrar a felicidade? Você já viu o amor cair na cabeça de alguém?
O bom emprego telefonar para a sua casa? Você já viu alguém vencer um medo ficando trancado com mais medo?

O trem da felicidade passa amanhã cedo na porta da sua casa, você vai embarcar nele ou vai ficar trancado esperando a dor secar? Levante-se, arrume as malas, jogue fora as coisas do passado, as tranqueiras mentais que te empurraram. Coloque na sua mala somente coisas boas, o amor que você tem de sobra, o seu carinho, a sua doçura e boa viagem!

Lições de Vida


Cada dia em nossas vidas nos ensina lições que muitas vezes nem percebemos.
Desde o nosso primeiro piscar de olhos, desde cada momento em que a fome bate, desde cada palavra que falamos.
Passamos por inúmeras situações, na maioria delas somos protegidos, até que um dia a gente cresce e começamos a enfrentar o mundo sozinhos.
Escolher a profissão, ingressar numa faculdade, conseguir um emprego...
Essas são tarefas que nem todos suportam com um sorriso no rosto ou nem todos fazem por vontade própria.
Cada um tem suas condições de vida e cada qual será recompensado pelo esforço, que não é em vão.
Às vezes acontecem coisas que a gente nem acredita.
Às vezes, dá tudo, tudo errado!
Você pensa que escolheu a profissão errada, que você mão consegue sair do lugar, ás vezes você sente que o mundo todo virou as costas...
Parece que você caiu e não consegue levantar...
Está a ponto de perder o ar...
Talvez você descubra que quem dizia ser seu amigo, nunca foi seu amigo de verdade e talvez você passe a vida inteira tentando descobrir quem são seus inimigos e nunca chegue a uma conclusão.
Mas nem tudo pode dar errado ao mesmo tempo, desde que você não queira.
E aí... Você pode mudar a sua vida!
Se tiver vontade de jogar tudo pro alto, pense bem nas conseqüências, mas pense no bem que isso poderá proporcionar.
Não procure a pessoa certa, porque no momento certo aparecerá.
Você não pode procurar um amigo de verdade ou um amor como procura roupas de marca no shopping e nem mesmo encontra as qualidades que deseja como encontra nas cores e tecidos ou nas capas dos livros.
Olhe menos para as vitrines, mas tente conhecer de perto o que está sendo exibido.
Eu poderia estar falando de moda, de surf, de tecnologia ou cultura, mas hoje, escolhi falar sobre a vida!
Encontre um sentido para a sua vida, desde que você saiba guiá-la com sabedoria.
Não deixe tudo nas mãos do destino, você nem sabe se o destino realmente existe...
Faça acontecer e não espere que alguém resolva os seus problemas, nem fuja deles.
Encare-os de frente. Aceite ajuda apenas de quem quer o seu bem, pois embora não possam resolver os seus problemas, quem quer o seu bem te dará toda a força necessária pra que você possa suportar e...
Confie! Entenda que a vida é bela, mas nem tanto...
Mas você deve estar bem consigo mesmo pra que possa estar bem com a vida.
Costumam dizer por aí que quem espera sempre alcança, mas percebi que quem alcança é quem corre atrás...
Não importa a tua idade, nem o tamanho de seu sonho...
A sua vida está em suas próprias mãos e só você sabe o que fazer com ela...


Autor ( Lilian Roque de Oliveira )

quinta-feira, 15 de abril de 2010

ESTEJAM PREVINIDOS!


Marcos 13 (14-23)
14 ¶ Ora, quando vós virdes a abominação do assolamento, que foi predito por Daniel o profeta, estar onde não deve estar (quem lê, entenda), então os que estiverem na Judéia fujam para os montes.
15 E o que estiver sobre o telhado não desça para casa, nem entre a tomar coisa alguma de sua casa;
16 E o que estiver no campo não volte atrás, para tomar as suas vestes.
17 Mas ai das grávidas, e das que criarem naqueles dias!
18 Orai, pois, para que a vossa fuga não suceda no inverno.
19 Porque naqueles dias haverá uma aflição tal, qual nunca houve desde o princípio da criação, que Deus criou, até agora, nem jamais haverá.
20 E, se o Senhor não abreviasse aqueles dias, nenhuma carne se salvaria; mas, por causa dos eleitos que escolheu, abreviou aqueles dias.
21 E então, se alguém vos disser: Eis aqui o Cristo; ou: Ei-lo ali; não acrediteis.
22 Porque se levantarão falsos cristos, e falsos profetas, e farão sinais e prodígios, para enganarem, se for possível, até os escolhidos.
23 Mas vós vede; eis que de antemão vos tenho dito tudo.

Sussurro de Deus!


Conta-se que um amigo levou um índio para passear
no centro de São Paulo.
Seus olhos não conseguiam acreditar na altura dos
edifícios e ele mal conseguia acompanhar o ritmo frenético das pessoas indo e vindo.
Espantava-se com o barulho ensurdecedor das sirenes,
dos automóveis, as pessoas falando em voz alta.
De repente o índio falou:
Ouço um grilo…
O amigo espantado retrucou:
* Impossível ouvir um inseto tão pequeno nessa confusão!
O índio insistiu que ouvia o cantar de um grilo.
Tomando o seu cicerone pela mão, levou-o até um
canteiro de plantas.
Afastando as folhas, apontou para o pequeno inseto:
* Como? -Perguntou o amigo, ainda sem crer.
O índio pediu-lhe algumas moedas, e então jogou-as
na calçada.
Quando elas caíram e se ouviu o tilintar do metal,
muita gente se voltou:
* Escutei o grilo porque o meu ouvido está acostumado
com este tipo de barulho.
As pessoas aqui ouvem o dinheiro caindo no chão porque
foram condicionados a reagirem a esse tipo de estímulo.
Depois arrematou:
* A gente ouve o que está acostumado ou treinado a ouvir.
Vivemos em um mundo materialista.
A vida nos impõem que sejamos muitas vezes duros.
Acabamos nos tornando céticos.
A voz de Deus não é ouvida senão por aqueles
que tem o ouvido sensível.
Muitas vezes a correria da vida e as agitações da nossa
alma inquieta não nos permitem perceber o Divino.
Treinamos os nossos sentidos para reagir apenas aos
impulsos da sobrevivência, mas há realidades que só
se percebem com o espírito.
Aqueles que aquietam o coração e se deixam tocar pelo
Eterno, escutam o sussurro de DEUS.
Desejo a todos, que consigamos,
apesar do tumulto que nos cerca,
escutar o sussurro de “Deus”.
AUTOR DESCONHECIDO

Tempestades


Aos olhos de quem assiste de longe,
depois da tempestade que sacudiu a vila,
restou apenas os escombros de uma vida,
restos de uma história que agora jazem no chão.
Fotografias, eletrodomésticos, móveis,
tudo destruído e embolados pela lama.
Lágrimas…
Mas, para o dono da casa existe algo mais,
em cada canto de parede uma história,
emoções que não contam no censo,
lutas, conquistas, celebrações,
derrotas, contratempos e decepções,
tudo embolado com a lama.
Mas ninguém vê.
Sentimentos…
Eis o que resta de toda vida,
as emoções vividas, o bom combate travado,
o que sentimos e guardamos na alma.
Sempre:
o cheiro da nossa fronha, não o travesseiro,
a sensação da nossa cama, não o colchão,
o conforto da nossa roupa, não a etiqueta da calça,
a proteção do nosso calçado, não a origem do sapato.
o amor que sentimos, não o que esperamos de alguém.
Certezas…
Tudo pode estar no chão agora,
podem ter roubado tudo de você,
a sua paz, o seu chão, até a sua liberdade,
só não deixe que roubem as suas certezas,
o que você já tem em seu interior,
o conhecimento, a vivência, o amor.
São esses os materiais que você precisa agora e sempre,
para reconstruir a sua “casa” depois do furacão,
e enquanto todos enxergam destroços,
você, com esperança e certeza,
vai enxergar a vida que se abre para “o reconstruir”,
e tudo começa agora, com essa vontade louca
de ser feliz!
Não desista de você!
AUTOR DESCONHECIDO

quarta-feira, 14 de abril de 2010

A CORAGEM DO TESTEMUNHO


Marcos 13 (9-13)

9 Mas olhai por vós mesmos, porque vos entregarão aos concílios e às sinagogas; e sereis açoitados, e sereis apresentados perante presidentes e reis, por amor de mim, para lhes servir de testemunho.
10 Mas importa que o evangelho seja primeiramente pregado entre todas as nações.
11 Quando, pois, vos conduzirem e vos entregarem, não estejais solícitos de antemão pelo que haveis de dizer, nem premediteis; mas, o que vos for dado naquela hora, isso falai, porque não sois vós os que falais, mas o Espírito Santo.
12 E o irmão entregará à morte o irmão, e o pai ao filho; e levantar-se-ão os filhos contra os pais, e os farão morrer.
13 E sereis odiados por todos por amor do meu nome; mas quem perseverar até ao fim, esse será salvo.

Se Deus tivesse


Se Deus tivesse uma geladeira, seu retrato estaria nela !
Se Deus tivesse uma carteira levaria sua foto nela.
Ele te manda flores em toda primavera
Ele te manda o nascer do sol a cada manhã
A qualquer momento que você quiser conversar, Ele escuta.
Ele pode morar em qualquer lugar do universo,
mas Ele escolheu seu coração.
Encare isso, meu amigo(a) - Ele é louco por você !
Deus não prometeu dias sem dor, risos sem sofrimento,
Sol sem chuva, mas Ele prometeu força para o dia,
Conforto para as lágrimas e luz para o caminho.
AUTOR DESCONHECIDO

TUDO TEM SEU TEMPO CERTO...


Em toda vida humana surge um momento supremo ...
um dia, uma noite, uma manhã, uma tarde,
uma hora decisiva, um instante oportuno...
uma fresta através da qual
a pessoa vislumbra coisas maravilhosas e sublimes...
Um quase nada na balança, cujos pratos são:
O DEMASIADO CEDO
O DEMASIADO TARDE

Feliz é quem sabe esperar...
e que de pé, à proa da barca da vida,
trabalha e vigia pronto a aproveitar o momento
em que a ocasião estender a sua mão,
quando no relógio do destino soar o
AGORA
"Tudo tem o seu tempo determinado,
e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.
Maria Townseand

terça-feira, 13 de abril de 2010

O FIM AINDA NÃO CHEGOU


Marcos 13 (1-8)
1 ¶ E, saindo ele do templo, disse-lhe um dos seus discípulos: Mestre, olha que pedras, e que edifícios!
2 E, respondendo Jesus, disse-lhe: Vês estes grandes edifícios? Não ficará pedra sobre pedra que não seja derrubada.
3 E, assentando-se ele no Monte das Oliveiras, defronte do templo, Pedro, e Tiago, e João e André lhe perguntaram em particular:
4 Dize-nos, quando serão essas coisas, e que sinal haverá quando todas elas estiverem para se cumprir.
5 ¶ E Jesus, respondendo-lhes, começou a dizer: Olhai que ninguém vos engane;
6 Porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganarão a muitos.
7 E, quando ouvirdes de guerras e de rumores de guerras, não vos perturbeis; porque assim deve acontecer; mas ainda não será o fim.
8 Porque se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá terremotos em diversos lugares, e haverá fomes e tribulações. Estas coisas são os princípios das dores.