segunda-feira, 31 de outubro de 2011

AS ARMAS DA VIDA


1 Tessalonicenses 5(4-11)

4 Mas vós, irmãos, já não estais em trevas, para que aquele dia vos surpreenda como um ladrão;

5 Porque todos vós sois filhos da luz e filhos do dia; nós não somos da noite nem das trevas.

6 Não durmamos, pois, como os demais, mas vigiemos, e sejamos sóbrios;

7 Porque os que dormem, dormem de noite, e os que se embebedam, embebedam-se de noite.

8 Mas nós, que somos do dia, sejamos sóbrios, vestindo-nos da couraça da fé e do amor, e tendo por capacete a esperança da salvação;

9 Porque Deus não nos destinou para a ira, mas para a aquisição da salvação, por nosso Senhor Jesus Cristo,

1O Que morreu por nós, para que, quer vigiemos, quer durmamos, vivamos juntamente com ele.

11 Por isso exortai-vos uns aos outros, e edificai-vos uns aos outros, como também o fazeis.

Por que ir à igreja 2 ?


Por que ir à igreja 2 ?
Numa época onde as opções de consumo religioso são abundantes, sem que seja necessário sair de casa, muitas pessoas se perguntam por que ir à uma igreja. Pergunta muito justa. Por que ir à igreja se posso cultivar minha espiritualidade sozinho? Sozinhos, nós podemos adorar a Deus (em espírito e em verdade), ler a Bíblia e bons livros, orar em nosso quarto, cantar louvores, evangelizar as pessoas e até mesmo contribuir para causas e pessoas necessitadas. O problema é que igreja não é cinema, onde vamos para assistir alguma coisa e voltar para casa. Na realidade, o fator mais importante da igreja é a comunhão. Uma igreja cristã é uma reunião de pessoas em nome de Cristo para o exercício dos dons espirituais. Assim, o objetivo da reunião é encontrar pessoas com as quais teremos relacionamento. Sozinhos, não teremos comunhão com ninguém. A comunhão é a razão de ser da igreja. A comunhão é abase de tudo. Pela comunhão nós nos expomos ao outro, nós nos envolvemos com o outro. E através deste encontro fraterno e amoroso, Deus nos motiva, nos adverte, nos molda segundo Seu caráter. Quem inventou a igreja foi Deus e o objetivo da igreja foi nos ajudar, nos amparar, nos motivar, nos disciplinar, nos julgar. Na verdade, nós precisamos muito mais dela do que ela de nós. Não deixe de participar de uma boa igreja cristã! Pense nisso.

Pastor Roberto

POR QUE IR À IGREJA?


Um freqüentador de Igreja escreveu para o editor de um jornal e reclamou que não faz sentido ir à Igreja todos os domingos.

Eu tenho ido à Igreja por 30 anos, ele escreveu, e durante este tempo eu ouvi uns 1.500 sermões. Mas por minha vida, eu não consigo lembrar nenhum sequer deles...

Assim, eu penso que estou perdendo meu tempo e os padres estão desperdiçando o tempo deles pregando sermões!"
Esta carta iniciou uma grande controvérsia na coluna "Cartas ao Editor", para prazer do Editor em Chefe do jornal.

Isto foi por semanas, recebendo e publicando cartas no assunto, até que alguém escreveu este argumento:

Eu estou casado já há 30 anos. Durante este tempo minha esposa deve ter cozinhado umas 20.000 refeições.
Mas, por minha vida, eu não consigo me lembrar do cardápio de nenhuma destas 20.000 refeições.

Mas de uma coisa eu sei ...

Todas elas me nutriram e me deram à força que eu precisava para fazer o meu trabalho.

Se minha esposa não tivesse me dado estas refeições, eu estaria hoje fisicamente morto.

Da mesma maneira, se eu não tivesse ido à Igreja para alimentar minha fome espiritual, eu estaria hoje morto espiritualmente.

Quando a gente está resumido ao NADA... DEUS está POR CIMA DE TUDO!

Fé vê o invisível, acredita no inacreditável, e recebe o impossível!

Graças a Deus por nossa nutrição física e espiritual!
AUTOR DESCONHECIDO

domingo, 30 de outubro de 2011

QUANDO SERÁ O FIM DO MUNDO?


1 Tessalonicenses 5(1-3)

1 Mas, irmãos, acerca dos tempos e das estações, não necessitais de que se vos escreva;

2 Porque vós mesmos sabeis muito bem que o dia do Senhor virá como o ladrão de noite;

3 Pois que, quando disserem: Há paz e segurança, então lhes sobre-virá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida, e de modo nenhum escaparão.

Começando o dia...


O homem acordou pela manhã e recordou-se de uma recomendação que tinha lido num
livro de mensagens. A recomendação era a seguinte: ¿comece o dia na luz da
oração. O amor de Deus nunca falha¿.

Então iniciou sua oração dizendo: senhor, hoje, até o momento, me comportei bem.

Não fofoquei. Não me zanguei. Não fui ganancioso, mal-humorado, precipitado ou
egoísta. Estou realmente satisfeito com isso.

Mas, em poucos minutos, senhor, vou me levantar, e daí em diante, provavelmente
vou precisar de muito mais ajuda. Obrigado.

Assim deve ser a nossa prece. Um diálogo franco com a divindade, expondo a
intimidade da própria alma.

Não há necessidade de longas frases, nem de palavras ensaiadas. É o que a alma
sente e deixa transbordar.

Um pedido simples, mas profundo. Um pedido de quem reconhece que a necessidade
maior reside em si mesmo, nas suas deficiências morais. Um exame de consciência
e um pedido de socorro.

A resposta é exatamente a fortaleza para vencer, gradativamente as dificuldades
íntimas e ir vivendo melhor a cada dia, conquistando a paz.

Quem se devota ao trabalho, sem se ficar observando os defeitos alheios e muito
menos comentando-os, semeia-se tranqüilidade no ambiente profissional.

Não se envolvendo nas teias do nervosismo, da inquietação, os problemas vão
sendo solucionados um a um, na medida em que surjam.

Sem desejar possuir em demasia, usufruindo todos os prazeres que os bens
terrenos oferecem, o homem se entrega às lutas do cotidiano, sereno e confiante.

Não se permitindo o mau-humor por coisa nenhuma, seja por um contratempo no
trânsito, um defeito mecânico no carro, um funcionário que não atende aos
deveres. Desta forma a criatura distribui serenidade onde se encontra.

Sem precipitação, ouve o seu semelhante até o fim, antes de dar respostas que
nem sempre atendem ao que o outro deseja.

Deixando de lado o egoísmo, o homem se sente feliz em compartilhar o que possui
e se torna uma pessoa amiga e prestativa.

Compartilhar coisas pequenas, simples, como oferecer uma carona a um vizinho,
emprestar um livro, indicar uma boa leitura.

Compartilhar o que detenhamos inclui os valores intrínsecos do ser, que tem a
ver com a vida e os seus objetivos.

Portanto, compartilhe a sua certeza da existência de Deus, da imortalidade da
alma com aqueles que se debatem no mundo, sem fé, sem rumo, sem objetivos.

E guarde a certeza de que, se você roga a Deus que o auxilie, ele estará com
você, auxiliando-o nessas pequenas grandes auto-conquistas diárias, que somente
redundarão em felicidade para você mesmo.


Cada dia é um presente especial que Deus concede aos homens.

Cada dia é, de tal forma, único, que nunca se repete. Observe que o sol rompe a
treva da noite, trazendo a manhã radiante, sempre com um novo colorido.

As flores de ontem não estão exatamente iguais hoje. As gotas da chuva que caem
em abundância não são aquelas que rolaram em dias anteriores.

Tudo é novo a cada dia. Esta é a grande mensagem de Deus para os homens: a
renovação da oportunidade de crescer, melhorar-se e ser feliz.
AUTOR DESCONHECIDO

sábado, 29 de outubro de 2011

TODOS REUNIDOS NA VINDA DO SENHOR



1 Tessalonicenses 4:13-18

13 Não quero, porém, irmãos, que sejais ignorantes acerca dos que já dormem, para que não vos entristeçais, como os demais, que não têm esperança.

14 Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem, Deus os tornará a trazer com ele.

15 Dizemo-vos, pois, isto, pela palavra do Senhor: que nós, os que ficarmos vivos para a vinda do Senhor, não precederemos os que dormem.

16 Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro.

17 Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor.

18 Portanto, consolai-vos uns aos outros com estas palavras.

C e d e r


Por que será que nos lamentamos tanto quando nos decepcionamos, perdemos e erramos?

O mundo não acaba quando nos enganamos; ele muda, talvez, de direção.

Mas precisamos tirar partido dos nossos erros.

Por que tudo teria que ser correto, coerente, sem falhas?

As quedas fazem parte da vida e do nosso aprendizado dela.

Que dói, dói.

Ah! Isso não posso negar!

Dói no orgulho, principalmente.

E quanto mais gente envolvida, mais nosso orgulho dói.

Portanto, o humilhante não é cair, mas permanecer no chão enquanto a vida continua seu curso.

O problema é que julgamos o mundo segundo nossa própria maneira de olhar e nos esquecemos que existem milhões e milhões de olhares diferentes do nosso.

Mas não está obrigatoriamente errado quem pensa diferente da gente só porque pensa diferente.

E nem obrigatoriamente certo.

Todo mundo é livre de ver e tirar suas próprias conclusões sobre a vida e sobre o mundo.

Às vezes acertamos, outras erramos.

E somos normais assim.

Então, numa discussão, numa briga, pare um segundo e pense:

'e se eu estiver errado?'

É uma possibilidade na qual raramente queremos pensar.

Nosso 'eu' nos cega muitas vezes.

Nosso ciúme, nosso orgulho e até, por que não, nosso amor?

Não vemos o lado do outro e nem queremos ver.

E somos assim, muitas vezes injustos tanto com o outro quanto com a gente mesmo, já que nos recusamos a oportunidade de aprender alguma coisa com alguém.

E é porque tanta gente se mantém nessa posição que existem desavenças, guerras, separações.

Ninguém cede e as pessoas acabam ficando sozinhas.

E de que adianta ter sempre razão, saber de tudo, se no fim o que nos resta é a solidão?

Vida é partilha.

E não há partilha sem humildade, sem generosidade, sem amor no coração.

Na escola, só aprendemos porque somos conscientes de que estamos lá porque não sabemos ainda;

na vida é exatamente a mesma coisa.

Se nos fecharmos, se fecharmos nossa alma e nosso coração, nada vai entrar.

E será que conseguiremos nos bastar a nós mesmos?

Eu duvido.

Não andamos em cordas bambas o tempo todo, mas às vezes é o único meio de atravessar.

Somos bem mais resistentes do que julgamos; a própria vida nos ensina a sobreviver, viver sobre tudo e sobretudo.

Nunca duvide do seu poder de sobrevivência!

Se você duvida, cai.

Aprenda com o apóstolo Pedro que, enquanto acreditou, andou sobre o mar, mas começou a afundar quando sentiu medo.

Então, afundar ou andar sobre as águas?

Depende de nós, depende de cada um em particular.

Podemos nos unir em força na oração para ajudar alguém, mas só esse alguém pode decidir a ter fé, força e coragem para continuar essa maravilhosa jornada da vida.
AUTOR DESCONHECIDO

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

UMA QUESTÃO DE HORA


1 Tessalonicenses 4(9-12)

9 Quanto, porém, ao amor fraternal, não necessitais de que vos escreva, visto que vós mesmos estais instruídos por Deus que vos ameis uns aos outros;

10 Porque também já assim o fazeis para com todos os irmãos que estão por toda a macedônia. Exortamo-vos, porém, a que ainda nisto aumenteis cada vez mais.

11 E procureis viver quietos, e tratar dos vossos próprios negócios, e trabalhar com vossas próprias mãos, como já vo-lo temos mandado;

12 Para que andeis honestamente para com os que estão de fora, e não necessiteis de coisa alguma.

Te agradeço Senhor!


Se um dia eu estiver " cheio da vida" ,
com vontade de sumir, de morrer,
insatisfeito comigo e com o mundo em torno
de mim ... - Pergunta-me apenas se eu quero
trocar a luz pelas trevas ...
- Pergunta-me se eu quero trocar a fartura
da mesa posta pelos restos que tantos
buscam no lixo ..
- Pergunta-me se eu quero trocar meus pés
por uma cadeira de rodas ..
- Pergunta-me se eu quero trocar minha
voz pelos gestos ...
- Pergunta-me se eu quero trocar o
mundo maravilhoso dos sons pelo
silêncio dos que nada ouvem ...
- Pergunta-me se eu quero trocar o
jornal que leio e depois jogo no lixo
pela miséria dos que vão buscá-lo para
fazer dele seu cobertor...
- Pergunta-me se eu quero trocar minha
saúde pelas doenças incuráveis de tanta
gente ...- Pergunta-me também, até quando
não reconhecerei as Tuas bençãos, a fim
de fazer de minha vida um hino de louvor
e gratidão e dizer, todos os dias,
do fundo de mim:

- Obrigado, Senhor!
AUTOR DESCONHECIDO

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

RESPEITAR O CORPO HUMANO



1 Tessalonicenses 4(1-8)

1 Finalmente, irmãos, vos rogamos e exortamos no Senhor Jesus, que assim como recebestes de nós, de que maneira convém andar e agradar a Deus, assim andai, para que possais progredir cada vez mais.

2 Porque vós bem sabeis que mandamentos vos temos dado pelo Senhor Jesus.

3 Porque esta é a vontade de Deus, a vossa santificação; que vos abstenhais da prostituição;

4 Que cada um de vós saiba possuir o seu vaso em santificação e honra;

5 Não na paixão da concupiscência, como os gentios, que não conhecem a Deus.

6 Ninguém oprima ou engane a seu irmão em negócio algum, porque o Senhor é vingador de todas estas coisas, como também antes vo-lo dissemos e testificamos.

7 Porque não nos chamou Deus para a imundícia, mas para a santificação.

8 Portanto, quem despreza isto não despreza ao homem, mas sim a Deus, que nos deu também o seu Espírito Santo.

NÃO SEJA MOLE


O recado é para o seu 'espírito de luta', que vive e habita em você e as vezes, parece que sumiu!
É isso! Por vezes sofremos demais com situações que nem eram para estar em nossas vidas.
Fazemos corpo mole diante das dificuldades e as vezes nem percebemos.
Assim, o regime da segunda-feira dura até quarta, as vezes quinta.
A procura do novo emprego dura o tempo exato de folhear 2 páginas do jornal.
Aquela mudança de visual prometida, a faxina no quartinho de casa, a promessa que você fez ano passado e ainda não pagou vai tudo ficando para trás.
Tem gente que sente calafrios só de pensar no trabalho que vai ter que fazer para fazer a faxina em casa!!!
Santa preguiça Batman!
E pior: ainda tem gente que bota a culpa no diabo pela vidinha ruim que anda levando.
É sempre culpa de alguém, de outra pessoa: é o sócio que deu tombo, é a vizinha que roubou o marido, é a esposa que é fria...
Cada uma que nem Deus quer ouvir!
Gente, é hora de despertar para a verdade: nós temos o livre arbítrio, que significa responsabilidade pelo que nos acontece.
Somos responsáveis pela nossa felicidade e ponto!
Você já ouviu dizer que alguém plantou maracujá e colheu manga?
Não existe isso. Ou é ou não é.
Ou faz ou não faz.
Sabe aquela expressão: é mais fácil que empurrar bêbado em ladeira?
Ela se aplica muito bem em pessoas que não se esforçam para nada.
Mexa-se!
Precisa andar, se movimentar.
Não tem emprego, vende sorvete de porta em porta.
O Samuel Klein começou as Casas Bahia vendendo colchão de porta em porta em cima de uma carroça.
São pessoas determinadas que mudam a sua história e a história do mundo.
É preciso que você determine a sua mudança e com chuva ou sol, com dor ou sem dor, com calor ou frio, siga no caminho que você escolheu como melhor.
Podem até discutir se é bom ou não, mas é o que você escolheu, por isso, NÃO FAÇA CORPO MOLE.
Dê uma banana para os Bananas!
Seja vitoriosa(o), como o Deus que você crê que existe e que caminha com você.
Não espere acontecer, faça!
Isso vale para tudo na vida.
AUTOR DESCONHECIDO

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

A VIVÊNCIA DO AMOR


1 Tessalonicenses 3(11-13)

11 Ora, o mesmo nosso Deus e Pai, e nosso Senhor Jesus Cristo, encaminhe a nossa viagem para vós.

12 E o Senhor vos aumente, e faça crescer em amor uns para com os outros, e para com todos, como também o fazemos para convosco;

13 Para confirmar os vossos corações, para que sejais irrepreensíveis em santidade diante de nosso Deus e Pai, na vinda de nosso Senhor Jesus Cristo com todos os seus santos.

Em todas as direções


"Quando estiver em dificuldade e pensar em desistir, lembre-se dos obstáculos que já superou.
Olhe para trás.
Se tropeçar e cair, levante, não fique prostrado, esqueça o passado.
Olhe para a frente.
Ao sentir-se orgulhoso por alguma realização pessoal, sonde suas motivações.
Olhe para dentro.
Antes que o egoísmo o domine, enquanto seu coração é sensível, socorra aos que o cercam. Olhe para os lados.
Na escalada rumo às altas posições, no afã de concretizar seus sonhos, observe se não está pisando em alguém.
Olhe para baixo.
Em todos os momentos da vida, seja qual for sua atividade, busque a aprovação de Deus. Olhe para cima".

Reação


Quer vencer os desafios?
- Confie em Deus.
Quer ser bom no que faz?
- Pratique!
Quer alcançar o objetivo?
- Jamais desista!
Quer crescer?
- Tenha raízes.
Quer ver resultados?
- Persevere.
Quer ser feliz?
- Esqueça o passado.
Quer falar bem?
- Escute melhor.
Quer aprender?
- Persista em ler.
Quer realização pessoal?
- Sirva!
Quer fazer diferença?
- Pague o preço.

Aqueles que nada fazem e esperam algum
tipo de vitória estão enganados.
A vitória é dos que lutam, dos que agem,
dos que saem do porto.
A vitória é dos que se arriscam
para alcançar o alto da montanha.

(Desconhecido)

terça-feira, 25 de outubro de 2011

EVANGELIZAÇÃO É TAREFA CONTÍNUA


1Tessalonicenses3(1-10)

1 Por isso, não podendo esperar mais, achamos por bem ficar sozinhos em Atenas;

2 E enviamos Timóteo, nosso irmão, e ministro de Deus, e nosso cooperador no evangelho de Cristo, para vos confortar e vos exortar acerca da vossa fé;

3 Para que ninguém se comova por estas tribulações; porque vós mesmos sabeis que para isto fomos ordenados,

4 Pois, estando ainda convosco, vos predizíamos que havíamos de ser afligidos, como sucedeu, e vós o sabeis.

5 Portanto, não podendo eu também esperar mais, mandei-o saber da vossa fé, temendo que o tentador vos tentasse, e o nosso trabalho viesse a ser inútil.

6 Vindo, porém, agora Timóteo de vós para nós, e trazendo-nos boas novas da vossa fé e amor, e de como sempre tendes boa lembrança de nós, desejando muito ver-nos, como nós também a vós;

7 Por esta razão, irmãos, ficamos consolados acerca de vós, em toda a nossa aflição e necessidade, pela vossa fé,

8 Porque agora vivemos, se estais firmes no Senhor.

9 Porque, que ação de graças poderemos dar a Deus por vós, por todo o gozo com que nos regozijamos por vossa causa diante do nosso Deus,

10 Orando abundantemente dia e noite, para que possamos ver o vosso rosto, e supramos o que falta à vossa fé?

Oração da Criança



Certa vez, uma mãe viu seu filhinho sentado em um canto da sala, recitando alto as letras do alfabeto: a, b, c, d, e, f, g...
Intrigada, ela se aproximou e lhe perguntou: filho, o que você está fazendo?


Mamãe, você me disse para eu orar sempre a Deus. Acontece que eu não sei como fazer. Então resolvi ir dizendo o alfabeto inteiro para Deus, pedindo que faça uma boa oração com essas letras.
O fato poderia ser tomado como uma dessas coisas de criança se não houvesse tanta fé na simplicidade do gesto. Simplicidade que esquecemos muitas vezes.

Quantas vezes dizemos que não sabemos orar ou como nos dirigir ao Criador. Chegamos a pedir a outros que orem por nós, pelas nossas necessidades, pelos nossos afetos, porque não sabemos como orar.

E é tão simples. Orar é dialogar com quem é o maior responsável pela nossa vida, por tudo que somos, desde que nos originamos da sua vontade: Deus.

Não há necessidade de palavras difíceis, rebuscadas ou decoradas. A oração deve ser espontânea, gerada pela necessidade do momento. Ou por um momento de intensa alegria, uma conquista concretizada, um objetivo alcançado.

Já nos ensinou o Mestre Galileu em seu tempo: não creiais que por muito falardes, sereis ouvidos. Não é pela multiplicidade das palavras que sereis atendidos.

E sabiamente ainda ensinou Jesus que se devia orar ao Pai em secreto. Portanto, existem muitas preces que nem chegam a ser proferidas. Explodem da alma para os céus sem que os lábios tomem parte, sem que as cordas vocais sejam acionadas.

Deus vê o que se passa no fundo dos corações. Lê o pensamento dos seus filhos.
A oração pode se tomar incessante em nossas vidas sem que haja necessidade de tomarmos qualquer postura especial. A prece pode ser de todos os instantes, sem nenhuma interrupção dos nossos trabalhos.

Pode consistir no ato de reconhecimento a Deus quando escapamos de um acidente que poderia ser fatal. Pode ser um momento de êxtase pela beleza do oceano que joga suas ondas contra as rochas, desejando arrebatá-las para o seu seio.

Ou, ainda, ante o espetáculo de cores do arco-íris após a tormenta que despetalou as rosas.
Sem fórmulas prontas, sem palavras encomendadas ou de difícil pronúncia.
Rogar, agradecer. Exatamente como a criança que ganha um brinquedo, pula no colo do pai, e diz sorrindo: obrigado, papai. Adorei.

Ou, quando, súplice, pede: papai compra um sorvete? Ah, por favor. Compra, papai.
Singeleza, simplicidade. É assim que devemos dialogar com Deus, nosso Pai.
Deus, em sua infinita misericórdia, criou um canal especial de comunicação para que a qualquer hora, em qualquer lugar, todo ser pensante pudesse falar com ele.

Este canal chama-se prece. Acessível ao pobre, ao abastado, ao letrado e ao desprovido de recursos intelectuais. À criança e ao adulto; a quem crê e até mesmo a quem não crê mas que um dia se dá conta que é muito confortador ter um Pai que escuta sempre, atende e socorre.
Não se esqueça de usar o seu canal especial de comunicação.
AUTOR DESCONHECIDO

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

GLÓRIA E ALEGRIA DO AGENTE DE PASTORAL


1 Tessalonicenses 2(17-20)
17 Nós, porém, irmãos, sendo privados de vós por um momento de tempo, de vista, mas não do coração, tanto mais procuramos com grande desejo ver o vosso rosto;

18 Por isso bem quisemos uma e outra vez ir ter convosco, pelo menos eu, Paulo, mas Satanás no-lo impediu.

19 Porque, qual é a nossa esperança, ou gozo, ou coroa de glória? Porventura não o sois vós também diante de nosso Senhor Jesus Cristo em sua vinda?

20 Na verdade vós sois a nossa glória e gozo.

USE O AMBIENTE A SEU FAVOR


Se você coloca uma pessoa num barco, a leva para o alto-mar e a joga na água, o que ela vai fazer? Com certeza tentará nadar para se salvar. Mas em pânico! Vai ficar lutando contra a água. Quanto mais ela lutar, mais energias gastará, e acabará se afogando!Agora, coloque um nadador profissional na mesma situação. Ele vai relaxar e descansar, boiando na água, para se manter salvo. Ele procurará identificar na costa um ponto fixo de destino e vai começar a nadar nesta direção num ritmo razoável, mantendo sempre em mira seu objetivo, usando sempre o meio ambiente. Sempre que abandonamos nosso objetivos, começamos afogar, porque perdemos a tranquilidade e criatividade para enxergar as oportunidades em vez de problemas.
AUTOR DESCONHECIDO

domingo, 23 de outubro de 2011

AUTORIDADE DA COMUNIDADE CRISTÃ



1 Tessalonicenses 2(13-16)

13 Por isso também damos, sem cessar, graças a Deus, pois, havendo recebido de nós a palavra da pregação de Deus, a recebestes, não como palavra de homens, mas (segundo é, na verdade), como palavra de Deus, a qual também opera em vós, os que crestes.

14 Porque vós, irmãos, haveis sido feitos imitadores das igrejas de Deus que na Judéia estão em Jesus Cristo; porquanto também padecestes de vossos próprios concidadãos o mesmo que os judeus lhes fizeram a eles,

15 Os quais também mataram o Senhor Jesus e os seus próprios profetas, e nos têm perseguido; e não agradam a Deus, e são contrários a todos os homens,

16 E nos impedem de pregar aos gentios as palavras da salvação, a fim de encherem sempre a medida de seus pecados; mas a ira de Deus caiu sobre eles até ao fim.
1 Tessalonicenses 2:13-16

Em caso de despressurização ...


Eu estava dentro de um avião, prestes a decolar, e pela milionésima vez na vida escutava a orientação da comissária:
"Em caso de despressurização da cabine, máscaras cairão automaticamente à sua frente. Coloque primeiro a sua e só então auxilie quem estiver ao seu lado."
E a imagem no monitor mostrava justamente isso, uma mãe colocando a máscara no filho pequeno, estando ela já com a dela.
É uma imagem um pouco aflitiva, porque a tendência de todas as mães é primeiro salvar o filho e depois pensar em si mesma.
Um instinto natural da fêmea que há em nós. Mas a orientação dentro dos aviões tem lógica: como poderíamos ajudar quem quer que seja estando desmaiadas, sufocadas, despressurizadas?
Isso vem ao encontro de algo que sempre defendi, por mais que pareça egoísmo: se quer colaborar com o mundo, comece por você.
Tem gente à beça fazendo discurso pela ordem e reclamando em nome dos outros, mas mantém a própria vida desarrumada.
Trabalham naquilo que não gostam, não se esforçam para manter uma relação de amor prazerosa, não cuidam da própria saúde, não se interessam por cultura e informação e estão mais propensos a rosnar do que a aprender.
Com a cabeça assim minada, vão passar que tipo de tranqüilidade adiante? Que espécie de exemplo? E vão reivindicar o quê?
Quer uma cidade mais limpa, comece pelo seu quarto, seu banheiro e seu jardim.

Quer mais justiça social, respeite os direitos da empregada que trabalha na sua casa.
Um trânsito menos violento, é simples: avalie como você mesmo dirige.
E uma vida melhor para todos? Pô, ajudaria bastante pôr um sorriso nesse rosto, encontrar soluções viáveis para seus problemas, dar uma melhorada em você mesmo.
Parece simplório, mas é apenas simples. Não sei se esse é o tal "segredo" que andou circulando pelos cinemas e sendo publicado em livro, mas o fato é que dar um jeito em si mesmo já é uma boa contribuição para salvar o mundo, essa missão heróica e tão bem intencionada.

Claro que não é preciso estar com a vida ganha para ser solidário. A experiência mostra que as pessoas que mais se sensibilizam com os dilemas alheios são aquelas que ainda têm muito a resolver na sua vida pessoal. Por outro lado, elas não praguejam, não gastam seu latim à toa: agem. A generosidade é seu oxigênio.

Tudo o que nos acontece é responsabilidade nossa, tanto a parte boa quanto a parte ruim da nossa história, salvo fatalidades do destino e abandonos sociais. E, mesmo entre os menos afortunados, há os que viram o jogo, ao contrário daqueles que apenas viram uns chatos. Portanto, fazer nossa parte é o mínimo que se espera.

Antes de falar mal da "Caras", pense se você mesmo não anda fazendo muita fofoca. Coloque sua camiseta pró-ecologia, mas antes lembre-se de não jogar lixo na rua e nem de usar o carro desnecessariamente. Reduza o desperdício na sua casa.

Uma coisa está relacionada com a outra: você e o universo. Quer mesmo salvá-lo? Analise seu próprio comportamento. Não se sinta culpado por pensar em si próprio. Cuide do seu espírito, do seu humor. Arrume seu cotidiano. Agora sim, estando quite consigo mesmo, vá em frente e mostre aos outros como se faz.

Chris Degaut

sábado, 22 de outubro de 2011

O COMPORTAMENTO DO AGENTE DE PASTORAL


1 Tessalonicenses 2(1-12)

1 Porque vós mesmos, irmãos, bem sabeis que a nossa entrada para convosco não foi vã;

2 Mas, mesmo depois de termos antes padecido, e sido agravados em Filipos, como sabeis, tornamo-nos ousados em nosso Deus, para vos falar o evangelho de Deus com grande combate.

3 Porque a nossa exortação não foi com engano, nem com imundícia, nem com fraudulência;

4 Mas, como fomos aprovados de Deus para que o evangelho nos fosse confiado, assim falamos, não como para agradar aos homens, mas a Deus, que prova os nossos corações.

5 Porque, como bem sabeis, nunca usamos de palavras lisonjeiras, nem houve um pretexto de avareza; Deus é testemunha;

6 E não buscamos glória dos homens, nem de vós, nem de outros, ainda que podíamos, como apóstolos de Cristo, servos pesados;

7 Antes fomos brandos entre vós, como a ama que cria seus filhos.

8 Assim nós, sendo-vos tão afeiçoados, de boa vontade quiséramos comunicar-vos, não somente o evangelho de Deus, mas ainda as nossas próprias almas; porquanto nos éreis muito queridos.

9 Porque bem vos lembrais, irmãos, do nosso trabalho e fadiga; pois, trabalhando noite e dia, para não sermos pesados a nenhum de vós, vos pregamos o evangelho de Deus.

10 Vós e Deus sois testemunhas de quão santa, e justa, e irrepreensivelmente nos houvemos para convosco, os que crestes.

11 Assim como bem sabeis de que modo vos exortávamos e consolávamos, a cada um de vós, como o pai a seus filhos;

12 Para que vos conduzísseis dignamente para com Deus, que vos chama para o seu reino e glória.

O pato e a esponja.


Por acaso você já observou o que acontece com os patos quando dão seus mergulhos na lagoa? Eles simplesmente não se molham.
Suas penas são cobertas com uma camada de óleo, tornando a ave impermeável. Ele retira cuidadosamente o óleo, da glândula uropigial, com o bico e o espalha por todo o corpo.
 
Se você lavar um pato com detergente, ele se afogará no primeiro mergulho. Mas o pato não é a única ave privilegiada com esta proteção. Praticamente metade das aves possuem a tal glândula.
Ao liderar pessoas difíceis é fundamental desenvolver um mecanismo de proteção parecido com o do pato. De alguma maneira, é preciso que fiquemos “impermeáveis”.
O grande erro é deixar que o temperamento difícil de uma pessoa se torne referência para você e para todos ao redor.
Se alguém fala alto demais em seu ambiente de trabalho, não vai demorar muito para que todos comecem a se comunicar aos berros. Será a vitória do erro.
É preciso que aprendamos a nos tornar um pouco surdos, mantendo um jeito sereno de falar. Impermeáveis. O silêncio falará mais alto que os gritos, e a serenidade será a referência determinante para aquele ambiente.
O problema é que, além de não sermos "patos", muitas vezes, nos comportamos como verdadeiras "esponjas".
Temos a trágica capacidade de absorver tudo. Se alguém vomita num lugar público, logo buscamos um balde d'água para limpar o lugar. Porque não fazemos o mesmo com as pessoas que vomitam mau humor, inveja e raiva?

Absorver estes sentimentos como uma esponja é tão asqueroso e prejudicial quanto absorver o vômito alheio.
Se pensássemos desta maneira, não ficaríamos com tanta facilidade nos remoendo em ressentimentos. Prestou atenção nesta palavra? Vou repetir "re-sentimento".
É sentir de novo o que já fez mal da primeira vez. Recebemos uma ofensa, basta a dor uma vez só. Mas preferimos comentar sobre o fato ressentidamente com alguém, depois com outro e mais outro... Ao final do dia já "re-sentimos" a mesma dor várias vezes.
Jogue um balde d'água nessa sujeira! O perdão é o melhor remédio.
Seja pato.. não seja esponja !
 
Chris Degaut

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

O ANÚNCIO PROVOCA CONVERSÃO


1 Tessalonicenses(1-10)
ENDEREÇO E SAUDAÇÕES
1 Paulo, e Silvano, e Timóteo, à igreja dos tessalonicenses em Deus, o Pai, e no Senhor Jesus Cristo: Graça e paz tenhais de Deus nosso Pai e do Senhor Jesus Cristo.
AGRADECIMENTOS:A VIDA CRISTÃ
2 Sempre damos graças a Deus por vós todos, fazendo menção de vós em nossas orações,

3 Lembrando-nos sem cessar da obra da vossa fé, do trabalho do amor, e da paciência da esperança em nosso Senhor Jesus Cristo, diante de nosso Deus e Pai,
O ANÚNCIO PROVOCA CONVERSÃO
4 Sabendo, amados irmãos, que a vossa eleição é de Deus;

5 Porque o nosso evangelho não foi a vós somente em palavras, mas também em poder, e no
Espírito Santo, e em muita certeza, como bem sabeis quais fomos entre vós, por amor de vós.

6 E vós fostes feitos nossos imitadores, e do Senhor, recebendo a palavra em muita tribulação, com gozo do Espírito Santo.

7 De maneira que fostes exemplo para todos os fiéis na macedônia e Acaia.

8 Porque por vós soou a palavra do Senhor, não somente na macedônia e Acaia, mas também em todos os lugares a vossa fé para com Deus se espalhou, de tal maneira que já dela não temos necessidade de falar coisa alguma;

9 Porque eles mesmos anunciam de nós qual a entrada que tivemos para convosco, e como dos ídolos vos convertestes a Deus, para servir o Deus vivo e verdadeiro,

10 E esperar dos céus a seu Filho, a quem ressuscitou dentre os mortos, a saber, Jesus, que nos livra da ira futura.

Não posso viver sem você


"Não posso viver sem você. Você é toda a minha vida."

Sonhamos todos ouvir coisas assim. Sonhamos todos com um amor imenso e incondicional. Ter alguém que nos olhe com olhos cheios de amor e nos diga coisas que nosso coração anseia, coisas que nos façam sentir únicos e especiais.

Mas por detrás de tudo o que é dito há sempre uma realidade implícita. Alguém que diz ao outro frases como essas não só dá ao outro o poder sobre sua felicidade ou infelicidade, como joga nos seus ombros uma enorme responsabilidade.

Dizer a alguém: "não posso viver sem você" equivale a dizer: "se você não mais me quiser, não quero mais viver, vou me deixar morrer." Mas e se o amor dessa outra pessoa diminui, se ele acaba, se ele encontra em outros braços o que ele precisa para ser feliz? Se levar a sério o que ouviu, vai se sentir na obrigação de ficar junto de quem não pode viver sem ela. Porém, viver junto sem amor é um fardo que pode ser muito pesado a carregar. Significa renunciar à própria vida para satisfazer ao outro. E como dar felicidade se não temos a mesma para oferecer?

Não podemos dar e nem exigir da outra pessoa um amor incondicional, porque não somos eternos e a outra pessoa também não. Podemos fazer com que fiquem conosco, mas não podemos exigir que nos amem. O amor deve ser um sentimento livre e liberto. As pessoas devem ficar juntas porque se escolhem mutuamente e não porque o outro exerce pressão sobre ele de forma ou de outra.

Ninguem pode e nem deve ser a vida de ninguém, que sejam namorados, pais, filhos... porque quando essa se vai de um, o outro precisa e deve continuar vivendo, o outro precisa se reconstruir. Se uma pessoa faz da outra a sua vida e ela a perde... ela perde tudo!

Não somos todos Romeus e Julietas da vida. Embora aos nossos olhos pareça bonito um amor assim, ele não é realista e nem deve ser para nós. Quando o outro parte, que seja da vida, que seja para novas direções, devemos nós procurar continuar nossa vida e nos preparar para acolher outro amor que a vida nos reserva. Precisamos nos preparar para a eventualidade de uma nova felicidade.

Ser independente de quem amamos não significa amar menos, mas amar o bastante para respeitar que este possa respirar sem nós e nós sem ele. E render graças a Deus se essa pessoa decide compartilhar nossa vida, voluntária e feliz.

Ninguém morre sem ninguém, mas todos sobrevivem, embora cheios de marcas do vivido.

Letícia Thompson

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

SALDADÕES FINAIS


Colossenses 4(10-18)

10 Aristarco, que está preso comigo, vos saúda, e Marcos, o sobrinho de Barnabé, acerca do qual já recebestes mandamentos; se ele for ter convosco, recebei-o;

11 E Jesus, chamado Justo; os quais são da circuncisão; são estes unicamente os meus cooperadores no reino de Deus; e para mim têm sido consolação.

12 Saúda-vos Epafras, que é dos vossos, servo de Cristo, combatendo sempre por vós em orações, para que vos conserveis firmes, perfeitos e consumados em toda a vontade de Deus.

13 Pois eu lhe dou testemunho de que tem grande zelo por vós, e pelos que estão em Laodicéia, e pelos que estão em Hierápolis.

14 Saúda-vos Lucas, o médico amado, e Demas.

15 Saudai aos irmãos que estão em Laodicéia e a Ninfa e à igreja que está em sua casa.

16 E, quando esta epístola tiver sido lida entre vós, fazei que também o seja na igreja dos laodicenses, e a que veio de Laodicéia lede-a vós também.

17 E dizei a Arquipo: Atenta para o ministério que recebeste no Senhor, para que o cumpras.

18 Saudação de minha mão, de Paulo. Lembrai-vos das minhas prisões. A graça seja convosco. Amém.

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

TÍQUICO E ONÉSIMO


Colossenses 4(7-9)
7 Tíquico, irmão amado e fiel ministro, e conservo no Senhor, vos fará saber o meu estado;

8 O qual vos enviei para o mesmo fim, para que saiba do vosso estado e console os vossos corações;

9 Juntamente com Onésimo, amado e fiel irmão, que é dos vossos; eles vos farão saber tudo o que por aqui se passa.

Não andeis ansiosos por coisa alguma...



"Não andeis ansiosos por coisa alguma..." (Filipenses 4:6).

Quando gastamos nosso tempo inutilmente com ansiedade e preocupação, perdemos ótimas oportunidades de experimentar as bênçãos que decorrem de um coração confiante e seguro no Senhor. Ele nos prometeu grandes coisas e o melhor que temos a fazer é esperar pacientemente pelo cumprimento de cada uma delas.

De que adianta eu colocar as minhas inquietudes no altar de Deus se não sou capaz de esperar o tempo certo de Sua resposta? E se nós, entendermos que grande é o Senhor e não as nossas angústias viveremos de forma muito mais abundante e não seremos incomodados pelo estresse que elas provocam.
A fé fortalece a nossa esperança e em meio a turbulências, experimentamos momentos de paz e felicidade.
De que adianta passarmos longos dias preocupados com os problemas que nos afligem se a vitória, sabemos, vem do Senhor?

De que nos valerá estar desesperados se não temos força ou capacidade de resolvê-los? Deixemos que Deus tome conta de tudo. Descansemos à sombra de Seu altar e tenhamos confiança plena de que a solução logo chegará. E, se por qualquer motivo ela não vier, glorifiquemos a Deus porque Sua vontade é soberana e Ele terá coisas maiores e melhores para nós. Devemos abandonar toda ansiedade que nos impede de sermos realmente felizes. 
AUTOR DESCONHECIDO

terça-feira, 18 de outubro de 2011

ORAÇÃO E SABEDORIA


Colossenses 4(1-6)
1 Vós, senhores, fazei o que for de justiça e eqüidade a vossos servos, sabendo que também tendes um Senhor nos céus.

2 Perseverai em oração, velando nela com ação de graças;

3 Orando também juntamente por nós, para que Deus nos abra a porta da palavra, a fim de falarmos do mistério de Cristo, pelo qual estou também preso;

4 Para que o manifeste, como me convém falar.

5 Andai com sabedoria para com os que estão de fora, remindo o tempo.

6 A vossa palavra seja sempre agradável, temperada com sal, para que saibais como vos convém responder a cada um.

Ansiedade! Não andeis ansioso


Não vos inquieteis

“Não vos inquieteis com o dia de amanhã, pois o amanhã trará os seus cuidados, basta ao dia (de hoje) o seu próprio mal.” (Mateus 6:34)

Como posso enfrentar meu dia de hoje sem ficar ansioso e preocupado com o amanhã? Uma pessoa ansiosa é uma pessoa que está receosa de alguma coisa, oprimida, angustiada, que padece ânsias (lembra-se dos primeiros meses de gravidez?). Uma pessoa preocupada é aquela que “pré ocupa” sua mente com algo que não aconteceu ainda. É uma idéia fixa e antecipada que perturba o espírito.

Não quero que essas palavrinhas façam parte do meu currículo quando alguém for me descrever, não quero que digam que sou ansiosa e ou preocupada, eu não quero sentir isso, mas, como faço para que no dia-a-dia isso não ocorra comigo?

Há alguns passos bem práticos que muitas vezes podem nos ajudar a mantermos nossos pensamentos no foco certo: planejar, tempo devocional, ação e esperar com confiança. São quatro etapas que ajudarão você no seu dia.

Novamente quero compartilhar algumas citações de Elizabeth George, em seu livro “Amando a Deus de todo seu entendimento”, ela diz a respeito deste assunto:

    “Cristo pede que nós cuidemos do dia de hoje, porque Ele sabe que o hoje é algo de que – com sua ajuda – temos condições de cuidar”.

Tenha isso em mente, um dia de cada vez, um passo de cada vez.
AUTOR DESCONHECIDO

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

CRISTO É SENHOR DE TODOS


Colossenses 3(18-25)
18 Vós, mulheres, estai sujeitas a vossos próprios maridos, como convém no Senhor.

19 Vós, maridos, amai a vossas mulheres, e não vos irriteis contra elas.

20 Vós, filhos, obedecei em tudo a vossos pais, porque isto é agradável ao Senhor.

21 Vós, pais, não irriteis a vossos filhos, para que não percam o ânimo.

22 Vós, servos, obedecei em tudo a vossos senhores segundo a carne, não servindo só na aparência, como para agradar aos homens, mas em simplicidade de coração, temendo a Deus.

23 E tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como ao Senhor, e não aos homens,

24 Sabendo que recebereis do Senhor o galardão da herança, porque a Cristo, o Senhor, servis.

25 Mas quem fizer agravo receberá o agravo que fizer; pois não há acepção de pessoas.

Rio


O rio corre sozinho, vai seguindo seu caminho, não necessita ser empurrado. Para um pouquinho no remanso. Apressa-se nas cachoeiras, desliza de mansinho nas baixadas. Mas, no meio de tudo, vai seguindo o seu caminho. Sabe que há um ponto de chegada. Sabe que o seu destino é para frente. E vitorioso, abraçando outros rios, vai chegando ao mar. O mar é a sua realização e, chegar ao ponto final, é ter feito a caminhada.

A vida deve ser levada do jeito do rio. Deixar que corra como deve correr, sem apressar ou represar, sem medo da calmaria e sem evitar as cachoeiras. Correr do jeito do rio, na liberdade do leito da vida, sabendo que há um ponto de chegada.

A natureza não tem pressa. Vai seguindo o seu caminho. Assim é a árvore, assim são os animais. A fruta forçada a amadurecer antes do tempo perde o gosto.

Desejo ser um rio, livre do empurrão dos outros e dos meus próprios.
Livre das poluições alheias e das minhas. Rio original, limpo e livre.
Rio que escolheu o seu próprio caminho.
Não interessa ter nascido a um ou mil quilômetros do mar.

O importante é dizer "cheguei"!
AUTOR DESCONHECIDO

domingo, 16 de outubro de 2011

VIDA NOVA EM CRISTO


Colossenses 3(5-18)
5 Mortificai, pois, os vossos membros, que estão sobre a terra: a prostituição, a impureza, o afeição desordenada, a vil concupiscência, e a avareza, que é idolatria;

6 Pelas quais coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência;

7 Nas quais, também, em outro tempo andastes, quando vivíeis nelas.

8 Mas agora, despojai-vos também de tudo: da ira, da cólera, da malícia, da maledicência, das palavras torpes da vossa boca.

9 Não mintais uns aos outros, pois que já vos despistes do velho homem com os seus feitos,

10 E vos vestistes do novo, que se renova para o conhecimento, segundo a imagem daquele que o criou;

11 Onde não há grego, nem judeu, circuncisão, nem incircuncisão, bárbaro, cita, servo ou livre; mas Cristo é tudo em todos.

12 Revesti-vos, pois, como eleitos de Deus, santos e amados, de entranhas de misericórdia, de benignidade, humildade, mansidão, longanimidade;

13 Suportando-vos uns aos outros, e perdoando-vos uns aos outros, se alguém tiver queixa contra outro; assim como Cristo vos perdoou, assim fazei vós também.

14 E, sobre tudo isto, revesti-vos de amor, que é o vínculo da perfeição.

15 E a paz de Deus, para a qual também fostes chamados em um corpo, domine em vossos corações; e sede agradecidos.

16 A palavra de Cristo habite em vós abundantemente, em toda a sabedoria, ensinando-vos e admoestando-vos uns aos outros, com salmos, hinos e cânticos espirituais, cantando ao Senhor com graça em vosso coração.

17 E, quanto fizerdes por palavras ou por obras, fazei tudo em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai.

GRANDE CONSOLAÇÃO É DESCANSAR NO PODER DE DEUS


Deus nos consola em todas as nossas tribulações." - 2Co. 1:4
A maioria dos consolos humanos segue o mesmo esquema. Você já deve ter percebido que boa parte das vezes em que fomos consolados por outras pessoas, elas usaram meias verdades, de efeito temporário e sem esperança real.
O consolo de Deus é diferente. Ele trabalha primeiramente na alma, ponto aonde nenhum ser humano consegue chegar. Em seguida Deus envolve a mente, nosso celeiro de temor, dando-lhe a segurança que não esconde o sofrimento, mas dá ao consolado a certeza de que tudo está nas mãos dele.
Enfim, que Deus está conosco para o que der e vier, e que se dará e virá apenas o que ele permitir. O consolo de Deus está no que ele já fez a nosso favor, no que garante que faz e anuncia que fará. Para que não tivéssemos dúvida quanto ao seu consolo, Deus levantou Jesus da morte e o trouxe para a mesma vida que estende a nós. Além disso, qualquer sofrimento que estejamos passando ou que nos ameace, o Filho de Deus experimentou na própria carne.
Deus sabe como consolar - ele é o Pai das misericórdias e Deus de toda consolação". O consolo de Deus atua plenamente quando, em meio às dificuldades, você decide obedecer-lhe e por em prática o que ouviu de Jesus. Então a presença de Deus produz refrigério para a alma, descanso para o coração e ousadia para o ânimo.
E será nas dificuldades que você descobrirá que Deus não oferece meio consolo, pois seu consolo se estenderá através de você àqueles que o cercam. Deus ensine você a consolar outros com as mesmas consolaçãoes que recebeu dele.
AUTOR DESCONHECIDO

sábado, 15 de outubro de 2011

PROCURAR AS COISAS DO ALTO


Colossenses 3(1-4)
1 Portanto, se já ressuscitastes com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus.

2 Pensai nas coisas que são de cima, e não nas que são da terra;

3 Porque já estais mortos, e a vossa vida está escondida com Cristo em Deus.

4 Quando Cristo, que é a nossa vida, se manifestar, então também vós vos manifestareis com ele em glória.

VAMOS ESTAR VIGILANTES


Dois sabiás sobrevoavam um bosque. O sábia mãe falava ao filho sobre o fato maravilhoso de uma ave poder voar elevadas alturas. O pequerrucho todavia, em sua inexperiência, não escutava com atenção as explicações de sua mãe, porque ouvia ao longe o tilintar de uma campainha. Curioso, desceu à relva onde descobriu a origem daquele som: Era produzido pela sineta de um carrinho de mão, conduzido por um anãozinho que dizia:"Vendo minhocas! Duas minhocas por uma pena!" O pequeno sabiá gostava muito de minhocas, e, sem pensar, tratou logo de arrancar uma pena de suas asas, e a trocou por duas minhocas. No dia seguinte o pássaro repetiu a troca, e assim foi por vários dias. Chegou, porém, o momento em que o pequeno sabiá, bateu as suas asas, tentando alçar voo,para retornar ao seu ninho, mas não conseguiu. Estava preso a terra! Havia trocado a sua liberdade por um punhado de minhocas.
Há Muitas coisas neste mundo que nos atraem e seduzem. Não sejamos tolos! Vamos estar vigilantes, porque nosso Deus deu sua própria vida para nos libertar de tudo que nos prende e impede de viver.
AUTOR DESCONHECIDO

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

LIVRES EM CRISTO



Colossenses 2(16-23)
16 Portanto, ninguém vos julgue pelo comer, ou pelo beber, ou por causa dos dias de festa, ou da lua nova, ou dos sábados,

17 Que são sombras das coisas futuras, mas o corpo é de Cristo.

18 Ninguém vos domine a seu bel-prazer com pretexto de humildade e culto dos anjos, envolvendo-se em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal compreensão,

19 E não ligado à cabeça, da qual todo o corpo, provido e organizado pelas juntas e ligaduras, vai crescendo em aumento de Deus.

20 Se, pois, estais mortos com Cristo quanto aos rudimentos do mundo, por que vos carregam ainda de ordenanças, como se vivêsseis no mundo, tais como:

21 Não toques, não proves, não manuseies?

22 As quais coisas todas perecem pelo uso, segundo os preceitos e doutrinas dos homens;

23 As quais têm, na verdade, alguma aparência de sabedoria, em devoção voluntária, humildade, e em disciplina do corpo, mas não são de valor algum senão para a satisfação da carne.

SOU HUMANO

A Pressa


Salmos 40:1 : ?Esperei com confiança pela ajuda do Senhor...?
Podemos afirmar que todo aquele que pretende viver uma vida espiritual cheia de bênçãos e vitórias, terá que obrigatoriamente passar por uma luta específica ? a pressa. O cristão que vive apressado com certeza sua vida espiritual é uma ilusão e sua fé é medíocre. Afirmamos para todos que amamos a Deus e a família, mas estamos tão apressados que não temos tempo para eles e estamos tão ocupados em adquirir bens materiais que não temos tempo para desfrutar deles. A verdade é que estamos apenas passando pela vida, muitas vezes sem rumo, sem alvo, sem determinação e vivendo muito pouco e abaixo daquilo que Deus nos deixou. Diante de todos esses fatos, pensamos que a vida é vazia, sem alegria e que Deus esqueceu de nós.
Um ditado popular e antigo diz: ?A pressa é inimiga da perfeição?, mas a grande maioria das pessoas cristãs e as não cristãs, não praticam esse lema. O mundo globalizado determina que a pressa faz as pessoas conhecerem o sucesso e as tornam eficientes. A pressa é uma ilusão tão grande que o apressado pensa que é uma pessoa importante. Isso porque vemos pessoas aparentemente bem sucedidas apressadas e ocupadas com seus afazeres. A verdade é que a pressa espanta a solidão dos solitários, pois as pessoas que vivem ocupadas de manhã à noite, não têm tempo de pensar no sofrimento. Veja como as pessoas tomam decisões fatais no momento da pressa. O futuro de cada um de nós depende de nossas decisões de hoje, mas a pressa consegue mandar muita gente para o cemitério, por isso a pressa passa a ser nossa inimiga na vida espiritual. Quem vive apressado não ora, não lê a Bíblia nem outros livros cristãos para crescimento espiritual, não ouve louvores, não tem comunhão com seus irmãos em Cristo, não participa das atividades da Igreja, não sabe o que está ocorrendo ao seu lado. A pressa destrói a alma e mata o espírito. Um famoso psicólogo disse que ?A pressa não é coisa do diabo; a pressa é o diabo?.
O QUE JESUS DISSE SOBRE A PRESSA - Jesus sabia que a pressa seria uma das lutas diárias de seu povo, por isso a Bíblia fala constantemente sobre isso. O tempo é uma graça de Deus aos homens por isso precisamos aprender a viver com o tempo que Ele nos deu. (É pouco o tempo que recebemos para desfrutar de tudo que Deus deixou para nós). A pressa é prejudicial ao cristão porque o envolve com preocupações, riquezas e prazeres dessa vida. (Lc. 8:14). Ela impede que a semente lançada em nosso coração cresça, que fique sem raízes e assim por qualquer coisinha morre. Quando os discípulos voltaram de um evangelismo, Jesus os chamou para irem ao um lugar deserto e descansar. (Mc. 6:31). Aqui eles não tinham tempo nem para comer de tanta correria. Já que o tempo é uma dádiva divina, ele pode se nosso amigo de rendição total ao Senhor Jesus Cristo.
Se você é apressado vai gerar discípulos apressados e como conseqüência teremos uma igreja apressada. Quando o culto passa um pouco da hora, uma parcela de cristão passa a cuidar mais do relógio, impedindo o derramar das benções de Deus na reunião. Infelizmente o procedimento está tão comum na igreja, que a maioria acha isso normal e não tem nada de errado impedir a obra de Deus através da pressa. A pressa para chegar em casa, tirar a roupa domingueira e atacar a geladeira é porque estava com fome porque o estômago manda mais do que o espírito. A verdade é que estamos servindo ao Senhor de nossas vidas, mas não entreguemos tudo a Ele ainda. Sempre ficamos com alguma parte do templo para negociar.
Tem gente que pensa estar agradando ao Senhor trabalhando como loucos, ocupados a cada segundo. Em Marcos 6:31 Jesus não estava elogiando os discípulos, mas sim ensinando que há tempo para todas as coisas. Onde está o tempo para as pequenas coisas como fazer a refeição em família, descansar, conversar? Parece que Jesus queria que os seus seguidores tirassem um tempo para o descanso. Não podemos servir ao Senhor às pressas! Se Jesus está nos conduzindo, como podemos ultrapassá-Lo?
Entendemos pela Palavra de Deus que Jesus estava sempre ocupado mas nunca apressado.
Uma pessoa apressada precisa saber que está correndo para o cemitério antes do tempo. Vamos analisar com honestidade algumas frases para verificar se estão coincidindo com sua maneira de viver:
1 ? Voce tem tempo para a esposa e filhos?
2 ? O dia é sempre curto demais para terminar as tarefas necessárias?
3 ? Nunca pode andar sem relógio?
4 ? Os sinais de trânsito trazem angustia?
5 ? Voce é o primeiro a acelerar quando o sinal abre?
6 ? Está sempre impaciente com as atitudes dos outros?
7 ? Não deixa as pessoas terminarem de falar?
8 ? Atropela quem está na frente para chegar num caixa vazio de supermercado?
9 ? Está sempre fazendo e pensando coisas diferentes ao mesmo tempo?
10 ? Come em pé com o prato na mão e ainda termina primeiro que todos?
11 ? Quando vai colocar alguma bebida no copo costuma derramar?
12 ? Consegue ler, comer, ver televisão e conversar tudo ao mesmo tempo?
13 ? Constantemente está criticando a si mesmo pela pressa?
Pois se você atingiu pelo menos três perguntas com o sim, você já é um apressado; Você necessita se acalmar e aprender a confiar no Senhor. Quem pode agradar ao Senhor chegando apressado na Sua presença, resmunga uma coisa parecida com uma reza de todos os dias e lê sempre o mesmo versículo da Bíblia? (Não tem tempo de abrir a Bíblia em outro lugar). Termina tudo num ?amém? e volta para sua vida agitada e apressada. Quem terá alguma experiência com Deus dessa maneira?
A pressa traz confusão. É como comprar um aparelho e não usar porque não tem tempo de ler as instruções. Fica lá parado por muito tempo e sem finalidade.
A pressa traz superficialidade. Não terá objetivo e ainda vai acabar com sua saúde. Jesus sabia que só teria três anos de ministério, mesmo assim parou muitas vezes para descansar.
A pressa traz incapacidade de amar. A pressa rouba essa capacidade porque amor e pressa não podem caminhar juntos. O amor precisa de tempo e isso os apressados não tem. O amor é cultivado, precisa de comunicação e relacionamento.
A pressa deixa as pessoas insensíveis das dádivas da vida. A pressa destrói o sentimento de louvor e da beleza. O apressado não canta, não assobia, não ora, não louva, não glorifica, não contempla o Deus Criador.
A pressa desenvolve desgaste emocional. O apressado sofre com as tensões e descontroles emocionais. Perde a compostura, vive irritado, irado e encolerizado. Isso provoca palavras afiadas e brigas familiares. A raiva impede de receber amor de seus familiares. O lar é destruído ou edificado através do tempo que investimos ou não investimos um no outro. Duvido que um casal em plena lua-de-mel se lembre do relógio!!!
Graças a Deus que temos a solução para a pressa. Deus nos deixa entregues às conseqüências de nossas escolhas. Ninguém muda se não sente a necessidade de mudar, por isso vamos pedir a Deus para ajudar-nos a rever nossas prioridades e mudar nosso estilo de vida. Vamos passar algumas sugestões:
1 ? Organize melhor seu dia.
2 ? Procure conversar e ouvir sua família.
3 ? Comemore as suas vitórias e as datas importantes.
4 ? Procure trabalhar menos.
5 ? Durante o dia, tire alguns minutos para descansar.
6 ? Fique de folga pelo menos um dia por semana.
7 ? Escolha um lugar tranqüilo para ficar sem fazer nada.
8 ? Pare um instante e aquiete sua mente.
9 ? Reconheça que Jesus está presente.
10 ? Louve a Deus por uma benção recebida.
11 ? Agradeça a Deus por sua família.
12 ? Procure cantar um louvor que um dia lhe fez bem.
13 ? Elimine a pressa de sua vida!! Seja implacável!!!
Voce é ou não é uma pessoa apressada? Usa o tempo em beneficio próprio ou vive escravizado pela tirania da urgência? Administra sua vida ou corre atrás do prejuízo o dia inteiro? Tem tempo para Deus e sua família ou nunca lhes dá atenção? Resolve os contratempos à medida que eles vão aparecendo ou se preocupa demais? Consegue tirar folga, viajar, visitar parentes, freqüentar retiros, comemorar as datas especiais com a família, sentar junto ao mar ou debaixo de uma árvore e contemplar as estrelas ou trabalha sem cessar? Quando está doente, a primeira coisa é detectar a enfermidade; mas se não se dispuser a tomar o remédio e mudar o modo de vida, de nada adianta. Quem pensa que vai durar para sempre é um tolo. Ponha limites em sua vida!!!
AUTOR DESCONHECIDO

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

VIDA PLENA EM JESUS


Colossenses 2(9-15)
9 Porque nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade;

10 E estais perfeitos nele, que é a cabeça de todo o principado e potestade;

11 No qual também estais circuncidados com a circuncisão não feita por mão no despojo do corpo dos pecados da carne, a circuncisão de Cristo;

12 Sepultados com ele no batismo, nele também ressuscitastes pela fé no poder de Deus, que o ressuscitou dentre os mortos.

13 E, quando vós estáveis mortos nos pecados, e na incircuncisão da vossa carne, vos vivificou juntamente com ele, perdoando-vos todas as ofensas,

14 Havendo riscado a cédula que era contra nós nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós, cravando-a na cruz.

15 E, despojando os principados e potestades, os expôs publicamente e deles triunfou em si mesmo.

Abrir a janela do meu quarto...



Deus tem me ensinado a ver além das circunstâncias. Todos os dias, ao acordar, a primeira coisa que faço é abrir a janela do meu quarto. A beleza dos meus dias depende disto. Depende de como eu acordo pela manhã. De como eu vejo as cores do mundo.

       Neste dia especial, faça isto você também. Ao invés de ficar olhando apenas para os desertos que te cercam, enxergue também os jardins. Ao invés de ficar vendo apenas o luto a sua volta, contemple as cores do amanhecer. Ao invés de prestar atenção apenas no tempo nublado, fixe os seus olhos na aquarela da paixão!

       Aproveite o dia de hoje para renovar o seu humor, resgatar a sua alegria e reviver as emoções da fé. Na vida, aprendi que tudo começa pelas nossas manhãs. Tudo começa quando ainda estamos deitados. A própria Bíblia diz que as misericórdias do Senhor se renovam neste período, quando o dia está nascendo, quando o sol está pronto para raiar.

       Não sei como você acordou hoje. A única coisa que eu sei é que o brilho dos nossos dias depende unicamente de nós. Da nossa humildade, da nossa paciência, do nosso modo de ser. Depende, simplesmente, da maneira pela qual levantamos da cama...
AUTOR DESCONHECIDO

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

ENRAIZADOS EM CRISTO


Colossenses 2(6-8)
6 Como, pois, recebestes o Senhor Jesus Cristo, assim também andai nele,

7 Arraigados e edificados nele, e confirmados na fé, assim como fostes ensinados, nela abundando em ação de graças.

8 Tende cuidado, para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição dos homens, segundo os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo;

PAZ INTERIOR


Imagine que há um anjo de Deus a seu lado neste momento...

Feche os olhos , silencie, fique tranquilo e pense em todos os problemas que gostaria de solucionar...

Tudo o que te angustia, te faz chorar, te oprime, te preocupa, te deixa triste...

Até mesmo seu medo do futuro, de errar, de escolher o caminho errado...

Pense agora em tudo isso...

Abra seu coração e se imagine entregando tudo isso a Deus...

Coloque as suas mãos em posição de entrega ainda de olhos fechados ...

Se não der, imagine se entregando agora... Como alguém que entrega um saco bem pesado para outra pessoa levar...

Se imagine limpando seu coração, tirando o lodo, varrendo a poeira, abrindo as janelas...

Mas se concentre, se desligue de tudo ao seu redor, agora é só você e Deus...

Pense no rosto de Deus, no abraço de Deus, no amor de Deus, aquele sopro suave te embalando...

Veja esse fardo ir escorregando das suas mãos, saindo, o vento levando para as mãos do anjo...

Relaxe e sinta a sensação de alívio interior...

Acendeu-se uma vela, uma luz interior, você jogou fora todo o lixo...

Agora imagine tudo de bom que você quer que aconteça ou que já aconteceu...

Momentos de felicidade, amizade, carinho, paz, romance...

Coloque tudo em suas mãos imaginariamente e faça o gesto de guardar no seu coração...

Como se guarda uma joia numa caixinha, coloque aquele tesouro guardado lá dentro...

Diga um obrigado com muita fé, de coração...

Agradeça por tudo isso de bom... que ficou e pelo ruim que saiu...

Agora abra seus olhos, conte até três e respire bem fundo e devagar...

Inspire e expire bem devagar...

Vá sentindo essa paz interior, um amor que te preenche, uma liberdade incrível...

Agora, imagine que o anjo voou e levou suas orações em um saquinho para Deus...

Imagine Deus abrindo, lendo...

E imagine que o saco de fardos foi aberto e seu conteúdo se desintegrou no ar...

Sumiu sem vestígio...

Imagine o anjo voltando com seu saquinho de respostas na mão...

Se imagine abrindo o saquinho...

Abrindo devagar e vendo coisas boas, muito boas lá dentro...

Agora volte um pouco à realidade... e agradeça a Deus pela respostas...

Mesmo sem saber quais são elas ainda, agradeça porque são o que há de melhor para você...

Fique tranquilo sabendo que em breve irá conhecê-las...
AUTOR DESCONHECIDO

terça-feira, 11 de outubro de 2011

FIRMEZA NA FÉ


Colossenses 2 (1-5)
1 Porque quero que saibais quão grande combate tenho por vós, e pelos que estão em Laodicéia, e por quantos não viram o meu rosto em carne;

2 Para que os seus corações sejam consolados, e estejam unidos em amor, e enriquecidos da plenitude da inteligência, para conhecimento do mistério de Deus e Pai, e de Cristo,

3 Em quem estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e da ciência.

4 E digo isto, para que ninguém vos engane com palavras persuasivas.

5 Porque, ainda que esteja ausente quanto ao corpo, contudo, em espírito estou convosco, regozijando-me e vendo a vossa ordem e a firmeza da vossa fé em Cristo.

Deus é fiel para cumprir tudo aquilo que prometeu ...


O homem sem Deus é criatura, está longe das bênçãos, adora outros deuses, vivi sofrendo e angustiado. É necessário abrir os corações para Jesus entrar, pois Deus respeita o livre arbítrio, da mesma forma que o homem pecou porque quis , Deus aguarda que você abra o seu coração, pois o nosso coração é uma porta e a maçaneta está do lado de dentro. Quando oramos e convidamos Jesus para entrar em nossas vidas, algo sobrenatural ocorre no mundo espiritual, somos resgatados das trevas, da morte, para luz, para a vida. Percebendo que a luz entrou em nossas vidas, o mal não poderá mais nos afingir, pois Jesus Cristo pagou um preço muito grande para termos saúde, paz, alegria, prosperidade. Jesus derramou a ultima gota de sangue para resgatar a comunhão perdida. João 3:16 Ele se fez pecador para que nós nos tornássemos justo,santos e principalmente filhos. II co 5:21. Rm 5:12,18,19,20,21

Por tanto você tem a opção de servir ou não servir a Deus. Nossas respostas poderão refletir em consequências positivas ou negativas em nossas vidas. As bênçãos e as maldiçoes estão em suas mãos, escolha a vida, para terdes a vitória. Pois é impossível vivermos sem Jesus em nossos corações, seremos presas fáceis, pois estando cego espiritualmente, não teremos como olharmos para dentro de nos mesmos e vermos que sem Deus, não conseguiremos alcançar a verdadeira felicidade. A opção de servir a Deus está em suas mãos. Deut Cap 28

Senhor Jesus trabalha na mente e no coração da humanidade,ensina o caminho em que deves andar,ajude a todos a se libertarem do pecado e te aceitar como Senhor e Salvador. Amém!
AUTOR DESCONHECIDO

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

O MISTÉRIO DO PROJETO DE DEUS


Colossenses 1(24-29)
24 Regozijo-me agora no que padeço por vós, e na minha carne cumpro o resto das aflições de Cristo, pelo seu corpo, que é a igreja;

25 Da qual eu estou feito ministro segundo a dispensação de Deus, que me foi concedida para convosco, para cumprir a palavra de Deus;

26 O mistério que esteve oculto desde todos os séculos, e em todas as gerações, e que agora foi manifesto aos seus santos;

27 Aos quais Deus quis fazer conhecer quais são as riquezas da glória deste mistério entre os gentios, que é Cristo em vós, esperança da glória;

28 A quem anunciamos, admoestando a todo o homem, e ensinando a todo o homem em toda a sabedoria; para que apresentemos todo o homem perfeito em Jesus Cristo;

29 E para isto também trabalho, combatendo segundo a sua eficácia, que opera em mim poderosamente.

Os Lamentosos


Eles vivem choramingando, mas recusam qualquer ajuda
Inseguros, mas sempre cheios de si, os lamentosos descarregam suas tensões sobre os outros. O lamento contínuo alimenta a si mesmo, criando um círculo vicioso que pode se tornar infernal, para o lamentoso e para quem o cerca
Nada mais fácil do que perceber as lamentações dos outros: cada vez que os encontramos e lhes damos ouvidos, eles nos aporrinham com os relatórios detalhados dos seus azares e infortúnios, arrastando-nos para o interior de uma atmosfera negativa. Os lamentosos nos pedem conselhos, mas não prestam atenção em nenhum deles. Trata-se quase sempre, para nós, de gastar saliva à toa, numa operação perda de tempo que, se podemos, procuramos evitar.
Bem mais difícil, no entanto, é perceber quando nós mesmos manifestamos um comportamento lamentoso: quem se lamenta, com efeito, fala sempre apenas de si mesmo, mas não vê a si mesmo, pois se perde no emaranhado das suas histórias.
O lamentoso quase sempre não se dá conta do que faz e do quanto incomoda os outros. Por isso, atenção: se alguém levanta a lebre, dizendo que você se queixa demais e isso lhe incomoda, significa provavelmente que você também é um lamentoso. Melhor seria se refletisse a respeito, pois o lamento é uma das coisas que mais bloqueiam o nosso crescimento.
O lamento, fenômeno superdifundido a ponto de tornar-se um verdadeiro estilo de comunicação, é a expressão de várias problemáticas internas do indivíduo. Através do lamento, a pessoa se libera de um pouco da tensão interna que a aflige, da ansiedade da qual não conhece bem a causa ou que não consegue canalizar de um outro jeito. Assim fazendo, ela consegue permanecer num mínimo de equilíbrio psicológico, embora precário.
O lamentoso, em resumo, é um dependente: pega a trouxa dos seus conflitos e a entrega inteiramente nas mãos do outro. A solicitação inconsciente é: “Fique com isto: engula e digira isto para mim, carregue ao menos um pouco do meu fardo.”
O egocentrismo sempre está por trás das ações do lamentoso. Colocar no centro da discussão os próprios problemas é um modo de colocar a si próprio no centro das atenções e obter consideração. Em pessoas assim, a capacidade de se identificar e se interessar pelos problemas dos outros é mínima.
Como todo egocêntrico, o lamentoso tem baixa autoestima. Age como uma criança que continuamente pede à mãe confirmação afetiva; ele busca uma dose de consolação (afeto e aceitação) para sentir que seu mal-estar é legitimado, pois ele não consegue legitimá-lo sozinho.
O estranho emaranhado psicológico do lamentoso frequentemente também está ligado ao sentimento de culpa (“se digo que estou bem, ofendo quem está pior”), à superstição (“se digo que vai tudo bem, logo me cairá um tijolo na cabeça”), ao álibi (“falo, falo, falo, mas não me comprometo”). O resultado final de tudo isso é sempre um dano ao cérebro: o lamento, na verdade, recria uma ordem química cerebral passiva e reverberante; o lamentoso é incapaz de sair de si mesmo e de se transformar, colocando-se em sintonia positiva com a vida.
CONSELHOS
O médico e psicoterapeuta italiano Pietro Fornari sugere algumas posturas que ajudam na libertação do vício do lamento:
Procure ver como você é quando se lamenta – Pergunte a alguém de confiança se você é um lamentoso. Procure saber do que você mais se lamenta e, se se tratar de um amigo bonachão, peça a ele que lhe imite quando se lamenta. Ao mesmo tempo, procure perceber se algum motivo ou razão particular ativa a sua torrente de lamentos.
Permaneça uma semana inteira sem exprimir nenhuma emoção negativa – É muito útil para se dar conta de quanto você se lamenta, e de como é difícil se controlar e deixar de fazê-lo. Deixe que o sofrimento e o desconforto se concentrem dentro de você, em vez de lançá-los sobre o primeiro que cruzar seu caminho. Uma semana depois, o lamento concentrado pode tornar-se um desconforto real, que você irá desafogar através de um verdadeiro, honesto e sadio pranto liberatório (e não o choramingo inútil de sempre). É possível então que algum processo seja automaticamente desencadeado em sua mente, trazendo-lhe uma percepção diversa de você mesmo, mais determinada e menos passiva.
O lamento é com frequência um álibi para não enfrentarmos a realidade de modo direto. Quem procura passar de si mesmo uma imagem vencedora deve enfrentar os inimigos, mas quem se mostra fraco e machucado pode pedir piedade. Diga sempre que está bem (mesmo que isso não lhe pareça verdadeiro) e observe o que acontece.
Principais objetos das lamentações
. Doenças e sintomas físicos, às vezes reais, mas quase sempre imaginários
. O parceiro
. O dinheiro
. Os filhos
. O genro, a nora
. Os pais e os irmãos
. O trabalho (os colegas e o chefe)
. A casa e os vizinhos
O que você consegue com os lamentos
. Passa a ser considerado um chato e pé-no-saco
. Aonde vai, cria uma atmosfera negativa
. Não se afirma na vida nem na profissão
. Perde as amizades e afasta as pessoas queridas
. Só encontra, nos outros, uma piedade totalmente falsa
Como se defender do lamentoso
Regra número um: estabelecer limites bem claros. Limitar o tempo dedicado aos seus lamentos. De maneira gentil, porém com firmeza inabalável, dizer: “Sinto muito, mas hoje estou sem tempo para conversar.”
AUTOR DESCONHECIDO

domingo, 9 de outubro de 2011

FIDELIDADE AO EVANGELHO DE CRISTO


Colossenses 1(21-23)
21 A vós também, que noutro tempo éreis estranhos, e inimigos no entendimento pelas vossas obras más, agora contudo vos reconciliou

22 No corpo da sua carne, pela morte, para perante ele vos apresentar santos, e irrepreensíveis, e inculpáveis,

23 Se, na verdade, permanecerdes fundados e firmes na fé, e não vos moverdes da esperança do evangelho que tendes ouvido, o qual foi pregado a toda criatura que há debaixo do céu, e do qual eu, Paulo, estou feito ministro.

LUIZA, A MULHER QUE NOS ENSINA.


Luíza é o seu nome. A dor que sente não tem nome. Brota das razões mais secretas da alma. Coisa de mãe, coisa de gente que soube recriar o mundo a partir do próprio ventre. A maternidade coloca as mulheres numa parceria invejável com Deus!
Luíza contou-me rapidamente sobre sua dor. Eu não pude ver os seus olhos, mas pude escutar sua alma.
O seu filho de 30 anos, médico, oficial da marinha estava morto. Vítima de uma fatalidade, perdeu a vida ao atravessar um cruzamento em Florianópolis.
Depois que ouvi Luíza eu fiquei pensando no mistérios das perguntas que nos rondam, toda vez que a dor vem nos visitar.
Fiquei tentando entender o quanto deve ser difícil para uma mulher ter que protagonizar a imagem da Pietá, a virgem que segura o filho morto nos braços, aos pés do calvário.
Recolher o filho do chão, aconchegá-lo ao colo e despedir-se dele definitivamente.
A crueza da cena é uma proposta ao silêncio. Arranca-me do mundo das palavras, das respostas prontas e faz-me sentar ao chão, ao lado da mãe, para que eu possa ouvir sua respiração ofegante de dor.
Arranca-me dos meus livros, da minha Teologia sistematizada e convida-me a sujar-me na terra do calvário, onde o sangue do filho mistura-se às lágrimas da mãe.
Mistura diferente daquela que o trouxe à vida, quando o seu sangue circulava dependente do sangue da sua primeira mulher.
Lágrimas diferentes de tantas outras já derramadas. Lágrimas de alegria por ver o filho dar os primeiros passos; lágrimas de preocupação em noites em que ele demorava voltar pra casa. Lágrimas de vitória, quando em noite especial e de gala, aquele garoto crescido, que até tão pouco tempo lhe confiava os joelhos esfolados de futebol, de quedas de bicicleta, agora estava pronto para medicar as dores do mundo.
Um filho especial, como ela mesma me confiara.
Luíza e sua dor. Luíza e suas saudades. Luíza e suas lições.
Fiquei pensando nas minhas pequenas reclamações. Nos cansaços diários que me desiludem e que me despregam da alegria. Pensei no coração de Luíza e quis deixar de reclamar da vida.
O meu sofrimento perde a sua força quando eu o coloco ao lado dessa mulher. E nisso já está a ressurreição do seu filho. Esta dor nos ensina e nos coloca no rumo da sabedoria. Da mesma forma que Maria nos aponta para o sofrimento de Jesus, para que entendamos o nosso sofrimento.
Maria e Luíza são mulheres parecidas nesta hora. Ambas embalaram o filho morto nos braços. Canções de ninar secretas foram entoadas nos silêncios dos lábios. O choro de mãe é oração que tem o poder de mudar o mundo. Só precisamos parar para ouvir...
Hoje, no silêncio de sua dor, pare pra pensar no sofrimento de Luíza. Exercite-se na proeza de esquecer o que lhe aflige, e recorde-se dessa mulher que desconhecemos o rosto, mas conhecemos a dor. Ela tem muito a nos ensinar. Ela é um livro que pode ser lido sem palavras. Ela é um testemunho vivo de que na vida, mesmo nas perguntas mais doídas, há sempre uma esquina que pode nos dar outras opções, além da morte.
Na prece silenciosa que essa mãe nos desperta, permaneçamos.
Amém.
Padre Fábio de Melo

sábado, 8 de outubro de 2011

CRISTO É O ÚNICO MEDIDOR


Colossenses 1(13-20)
13 O qual nos tirou da potestade das trevas, e nos transportou para o reino do Filho do seu amor;

14 Em quem temos a redenção pelo seu sangue, a saber, a remissão dos pecados;

15 O qual é imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação;

16 Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele.

17 E ele é antes de todas as coisas, e todas as coisas subsistem por ele.

18 E ele é a cabeça do corpo, da igreja; é o princípio e o primogênito dentre os mortos, para que em tudo tenha a preeminência.

19 Porque foi do agrado do Pai que toda a plenitude nele habitasse,

20 E que, havendo por ele feito a paz pelo sangue da sua cruz, por meio dele reconciliasse consigo mesmo todas as coisas, tanto as que estão na terra, como as que estão nos céus.

Ser delicado



Ser delicado é possuir alma de criança,
É acreditar...
É se emocionar ao ouvir o barulho do mar
É conversar com as paredes...
É sentir a pureza de uma rosa,
e se envolver no seu perfume...
É admirar a liberdade das borboletas,
seu colorido e a suavidade de seu toque nas flores...
É ouvir o sussurrar do vento
falando de amor aos seus ouvidos
É entender que as nuvens negras passam,
E logo ao amanhecer,
nasce o sol com seus raios multicoloridos
nos mostrando....
que vale a pena viver!!! 

AUTOR DESCONHECIDO

O SEGREDO DA PAZ INTERIOR


Há muitos séculos os grandes filósofos da humanidade têm tentado responder à seguinte pergunta: Qual é o ingrediente básico para uma vida boa e feliz?

Os antigos gregos sustentavam que o conhecimento era a chave da verdadeira felicidade, pois o uso do intelecto induziria o homem a levar uma vida tranquila e feliz.

Os estóicos discordavam dessa teoria. Para eles não o conhecimento, mas sim a força de vontade, era a principal virtude da existência. Aquele que sabia dominar sua vontade, controlar seus apetites e desejos era merecedor de estímulo e louvor.

Havia ainda os epicuristas, os quais afirmavam que somente o atributo da serenidade traria contentamento e paz. "Removam o medo" – diziam – "evitem a ansiedade e a dor – então desfrutarão os benefícios da vida."

Conta-se que um indivíduo certa vez colocou uma placa num terreno baldio, com os dizeres: "Darei esta propriedade a quem realmente estiver satisfeito."

Um rico fazendeiro que passava de carro leu o aviso. Parou, pensando que poderia ganhar o lote, como qualquer outra pessoa. Dirigiu-se ao proprietário, explicando o motivo da vinda.
"Você está deveras satisfeito?" perguntou-lhe.

"Sim, tenho tudo que necessito e estou plenamente satisfeito" – respondeu o fazendeiro.
"Amigo, se você já está satisfeito, então por que deseja o meu lote?"

A maioria das pessoas precisa aprender a lição que nos ensina que a satisfação não se encontra nos objetos materiais, mas nas atitudes: devemos ser felizes com o que temos e não nos deixar levar pelo que não possuímos.

A alegria não reside no fato de mudar de uma casa pequena para uma grande, de trocar um carro velho por um novo, ou deixar o campo pela cidade. É aquilo que existe dentro de nosso coração que faz da vida um Paraíso ou um Inferno.
Rabino Shabsi Alpern